MENU
alientoyd.jpg

Alienígena derretido aterroriza Paquistão

2012 pela manhã

19 de junho de 2009 Comments (3) Views: 974 Ceticismo

Captain Disillusion ataca o fantasma da despensa

O Captain Disillusion investiga os assustadores vídeos da fantasma na despensa… sem encontrar uma resposta, acaba contando com a ajuda de um conhecido cético que lembra que ao invés de sofisticados efeitos visuais, o fantasma pode ter sido criado de maneira muito mais simples.

Selecione o texto abaixo (em branco) para a explicação indicada (ou assista ao ótimo vídeo!).

Como nota James Randi, a estante da despensa pode ser na verdade uma porta para um outro cômodo escondido da casa, o que não seria incomum. Assim, uma garota de verdade estaria dentro da despensa, colada ao vidro, para depois sair e fechar a porta-estante, que com a pressão do ar ainda empurraria a porta de vidro.

Tags: , , , , ,

3 Responses to Captain Disillusion ataca o fantasma da despensa

  1. Claudio disse:

    E se o vídeo for real? Antigamente alguns céticos exigiam provas que pudessem demonstrar que as visões de fantasmas não fossem apenas alucinações ou histórias inventadas por mentes imaginativas ávidas pelo sobrenatural. Com a ploriferação das máquinas e filmadoras digitais que invadiram a vida da maioria das pessoas atualmente, era de se esperar que surgissem um número maior de imagens misteriosas, conforme muitos céticos gostariam que aparecessem para provar de alguma forma essas experiências. Mas o tiro saiu pela culatra! Agora temos meios sofisticados de trucar imagens pelo computador e muitos logo se manifestam apressadamente em concluir pela fraude quando surge um novo caso divulgado. Não é preciso dizer que muitos também se esquecem de investigar in loco os fatos. Mas, o célebre ” nega-tudo ” James Randi socorre o apresentador com uma explicação ” convincente ” para o caso apresentado que exclui a manipulação por efeitos visuais… Será que realmente aconteceu isso? Pelo que pude observar de sua explicação, é apenas uma hipótese sem que nada pudesse ser comprovado, visto que o próprio Randi não esteve no local da filmagem para determinar se aquela dispensa realmente era uma porta que dava acesso a outro cômodo da casa. Bem, se isso for comprovado tudo bem! Mas nesse caso a investigação está absolutamente incompleta e os céticos não podem cantar vitória. Outro aspecto que me incomoda bastante é a falta de abertura mental apresentada por Randi em todos os casos que ele quer explicar: sempre tem que ter uma explicação natural! Dos milhares de fenômenos ocorridos no mundo, todos são apenas enganos, fraudes… Isso simplesmente não tem lógica nenhuma! Como um homem pode pautar seu trabalho em premissas totalmente errôneas? Qualquer pessoa que não possui nem 1% da biblioteca da fundação que ele preside, sabe que numa amostragem mundial de dez mil casos, é plenamente razoável que pelo menos dez deles deva ter sim explicação parapsicológica. O trabalho desse homem tem seus méritos e isso deve ser reconhecido por céticos e não céticos, mas numa análise mais profunda sabe-se o quanto carece de lógica e fundamento. A parapsicologia merece pesquisadores com maior capacitação, mesmo que seja apenas para demonstrar que os videozinhos expostos no youtube são apenas brincadeiras de criança!

  2. Patola disse:

    Oi, xará (também me chamo Cláudio). A explicação do Randi para o que você contesta consta em muitos dos vídeos dele e como este é um videozinho curto provavelmente não deu pra constar, quebraria o ritmo: o que ele fez não é um “debunking” ou refutação, apenas uma demonstração de que poderia ser uma farsa se o vídeo original tivesse isso ou aquilo. Lembrando sempre que o ônus da prova é de quem propõe alguma coisa, se ele mostra que o vídeo poderia ser falso, é quem fez ou popularizou o vídeo que deve disponibilizar os modos de provar sua veracidade, como abrir o local da filmagem para investigação (apesar de que isso deveria ter sido feito desde o início, afinal de contas sempre se podem mudar as instalações).

    Em outras palavras, o estado de “inconclusivo”, que é na verdade o que o Randi costuma demonstrar, apenas diz que a evidência não é forte como quereriam os defensores do sobrenatural. Precisamos de mais e melhores dados, mais rigidez! Entende?

    O outro erro que vejo é uma confusão estatística. 10.000 evidências fracas não viram uma evidência forte. O fato de, sei lá, haver 10 mil vídeos sobrenaturais mal documentados não faz com que estatisticamente 10 deles sejam verdadeiros. Por exemplo, sabemos que motos perpétuos não existem e o fato de haver centenas de vídeos no youtube e milhares de histórias na internet jurando que isso é verdade não faz dessa proposição uma verdade.

  3. […] mês passado, o Captain Disillusion lutou contra o fantasma da despensa, com a ajuda especial do Amazing Randi.Algo continuou intrigando o super-herói cético, e no […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *