MENU

In.só.li.to

31 de janeiro de 2002 Comments (16) Views: 8321 Ceticismo, Fortianismo

Número da Besta (666) no código de barras

O código de barras padrão UPC, o primeiro e mais comum visível em revistas a até latas de sardinha tem três ‘barras guia’ mais longas, uma de cada lado e uma no meio. Estes guias parecem significar nada menos que 6, 6 e 6, ou seja, todo código de barras teria o ‘número da besta’ 666. Para entender melhor, basta olhar para o exemplo abaixo:

Como se vê, o número 6 em azul é aparentemente idêntico às três barras guias mais longas em vermelho. Algo interessante a fazer é procurar o código de barras mais próximo de você e notar que ele também tem os três guias que representariam o 666. Assim, a ‘marca da besta’ poderia ser nada menos que o onipresente código de barras inventado em 1973. Filmes e histórias até cogitam que as pessoas começariam a ter códigos de barra tatuados na pele, confirmando as profecias da ‘marca da besta’.

Será mesmo?

De um ponto de vista técnico, as coisas não são assim. Os três guias não equivalem a 666. O guia da esquerda significa B, o do meio M e apenas o da direita realmente vale 6. Isto porque o código é diferente para as barras da direita e à esquerda, e a posição relativa é muito importante. A menos que o número da besta seja BM6, ele não está no código de barras, pelo menos do ponto de vista técnico.

Porém, como o próprio inventor do código de barras admite, as barras guias mais longas “de fato parecem o código para 6”. O código de barras representa os número de 0 a 9, e como são dois códigos diferentes para cada lado, existem 20 combinações significativas no código UPC. Destas 20, apenas uma segue o padrão “barra, espaço, barra” (101) das barras longas e esta é justamente a que equivale a 6.

Portanto, é realmente uma coincidência interessante que de um ponto de vista humano seja possível enxergar 666 no código de barras uma vez que desejemos fazer isto, já que dos 20 códigos, o único que repete o padrão 101 é o que equivale a 6.

Coincidências acontecem, ao contrário do que os paranóicos acreditam. O próprio nome do inventor do código de barras, George J. Laurer é composto por 6 (George), 6 e 6 (Laurer) letras!

Referências

Tags: , ,

16 Responses to Número da Besta (666) no código de barras

  1. diogo disse:

    ixi e eu que cogitava fazer uma tattoo de código de barras no peito no estilo hitman nem vo fazer mais, credo. *-*

  2. яჃα૯ſ گ̽̽͡ilvα ®¬♪ disse:

    eu sabia já sobre essa coisa de barras com o numero da besta mais o ruim eh que eu naum sei contar!!!!
    :)

    • Nito disse:

      Meu, não é esse jeito de contar, mão é calculo matemático, mas sim um simples ato de crer no senhor Deus. O texto na biblia diz: Akele q tem emtandimento, calcule o numero, pois esse entendimento não é matemático como falei, mas sim nas escrituras sagradas, pis ñ é numero de homem, mas sim numero de um homem. Ele vai aparecer e todos o verão. O sinal n será obrigatorio, mas sim livre de espontanea vontade de cada um, se n os cristãos n c salvariam.

  3. ?crangler disse:

    Tudo significa alguma coisa se quisermos
    Já ouvi falar de muitos anticristos: Papa, Hittler, Bill gates, Obama, Até a TV falam que é o iníquo.
    Todos dizem saber muita coisa mas na verdade, não sabem de nada.
    Já que fazem tantos calculos e investigações…leiam mais a bíblia existem muitas referências sobre o anticristo.Na verdade é que não precisamos saber quem é o anticristo mais sim que ele virá e que devemos estar preparados para antes subirmos com Cristo nas nuvens.

  4. glaudio disse:

    Eu sei que o que está na biblia vem se cumprindo
    mas pelo sim e pelo não é melhor previnir

  5. 100us disse:

    Isso vai se comprir como muitos outra coisas 666 e o sinal do anticristo e devemos estar preparados para o arrebatamento por que quem ficar sofrerar as consequencias do anticristo………

  6. gleice disse:

    jesus ta voltando…
    os sinais tão ae
    o diabo so veio para tres coisas
    mata,roba e destruir…

  7. Tallick - Cético disse:

    Jesus está voltando, está voltando, está voltando…. Há mais ou menos dois mil anos, que os cristão acreditam e repetem isso, em forma de tradição, assim como o ato religioso do batismo. Tradição essa criada antes mesmo do cristianismo existir. Tal fato tradicional, deve-se ainda aos primeiros judeus da antiguidade, dos tempos, da pré-história (idade do bronze) no qual se refere o Antigo Testamento que já acreditavam em um suposto mecias – sabe-se lá de onde -, a partir daí, já no Novo Testamento, a tradição vigora de fato, e repercute até hoje, dois mil anos passados… e nada! Serão preciso mais quantos mil anos, ou quantos mil séculos?
    Ou seja, tudo foi criação da mente lunática de alguns humanos – que parece-me nao tinham lá muito o que fazer á nao ser criar guerras e matanças desnecessárias e derramamento de sangue -, que por sinal, preferem simplesmente e meramente acreditar em algo tão mitológico e arcaico, do que pensar, usar a razão e o cérebro, e ter as evidências ou a falta de evidência, como a correta.

    • JonOliveira disse:

      Então acredite que você veio de macaquinhos que escreviam com pauzinhos nas paredes das caverninhas, e logo resolveram criar um sistema de sociedade falho onde tem conflitos em si próprio onde reina a desigualdade, aliás em que esses meros macacos se embasaram para criar o que criaram se só tinham pauzihos e tinta.
      P.S. Eu vim de um ser perfeito onipotente onipresente
      P.P.S. O FIM ESTÁ PROXIMO E NÃO HAVERÁ MAIS LUGAR PARA NÓS :(

    • jacques disse:

      vcs céticos são todos pobres de espiritos e incrédulos. mesmo com tantas evidencias históricas, profetizadas pela biblia, nao se satisfazem em procurar respostas para suas crenças fúteis e inúteis. preferem crer no homem e suas vãs filosofias, acerca do universo. são mentes manipuladas por satanas, que comanda esse mundo tenebroso, cheio de hipocrisias e mentiras. mundo esse, que é destruido pelo proprio homem, através de seu orgulho e de sua ignorancia espiritual. parecem donos da verdade, mas nem á conhecem realmente. pobres mortais á procura de sua perfeição.

    • João...... disse:

      Quando a as escrituras relatam sobre o grande advento…o próprio SENHOR diz que não cabe a nós saber quando isso vai acontecer..por que nem ele sabia, se não o PAI(DEUS)…a palavra cita que os acontecimentos se confirmarão conforme o tempo…ou seja o processo é lento e porem verdadeiro…uma profecia que o SENHOR nos deixou está acontecendo…o esfriamento do AMOR…o que nós mas presenciamos hoje é Pai matando Filho, o Filho matando a mãe, o marido a mulher, namorado a namorada e etc…é tudo fruto do esfriamento do AMOR…os tempos e datas faladas por homens é só especulações e só…na verdade nós temos no máximos 90 a 100 anos pra evidenciar este grande advento ou quando as circunstâncias do dia dia nos tirar a vida antes do tempo…se isso não acontecer entre esses 100 anos, você pode ter certeza que quando seus dias terminarem aqui nessa vida, você vai ver este advento, independendo se você crê ou não…se crer terá vida eterna, se não crer irá pro fogo eterno…lembre-se…você só tem 100 anos pra decidir isso..ou só mais um segundo também, por que só DEUS sabe se você vai estar vivo daqui alguns segundos…

  8. Tallick - Cético disse:

    Carta á Gleice

    Cara colega, acho que você faltou ás aulas de história, no tocante á forma como se davam a “convivência” dos póvos no passado.
    Matar, roubar, destruir, guerrear, assassinar, estuprar, e outras coisas mais, já existiam deste os tempos medievais, principalmente com a ascênção das cruzadas. E também, existia entre os povos árabes, assírios, romano, gregos e outros mais. E nao esquecendo, do nosso “belo” livro das Escrituras Sagradas, onde também, Josué, Abraão, Maomé, e outros mais, cometeram atrocidades contra outras tribos, mulhes, velhos e até CRIANÇAS. Ou vc, ainda nao leu de fato por completo o Antigo Testamento, ao ponto de ver narrações sobre as verdadeiras barbáries em nome de Jeová? Como por exemplo, batalhas, guerrilhas e infanticídios.

  9. cleonildo treviso disse:

    as perguntas movem o mundo… que esta no maligno, se nao fomos criados, criamos um ou mais deuses e diabinhos, mas questionando tudo que esta a nossa volta o big bun existe na biblia…faça se a luz e dita se fez. A marca existe a muito tempo e 99% nascem com ela na testa (mente) ou aceitam na mao direita(atitude)… a besta é o império romano que nunca deixou de existir, só mudou o jeito de governar. A marca da besta é contrario a marca de Deus. ezequiel 20.20, vos dou meu.. meu..meu..nao vossos sabados(descansos).. vos dou meu santo sabado(descanso)para sejam um sinal,marca entre mim e vós…a marca da besta é o dia do sol(sunday)sun-sol,day-dia… DOMINGO… muitos virão em meu nome fazendo milagres e prodigios… como saber o jesus original ou o falso? pelo selo marca sinal de original… o sabado sétimo dia.

  10. BRAZ DIFUENTES MORALES disse:

    o número que diz a Bíblia 666 é muito facil de somar, matematica é simples, 6+6= 12; 12+6=18; 1+8=9; está aí o número de um homem.
    o 1º HOMEM QUE É DEUS, O CRIADOR DE TUDO
    o último homem que é ant-cristo, o destruidor de tudo

  11. Sidney disse:

    Eu particularmente acredito num Criador Supremo, autor e consumador de minha fé. Se alguém não acredita isso não é problema meu!
    Tudo o que sei é que são poucos os inocentes no mundo inteiro, afinal de contas os sinais do fim são evidentes, só não ver quem não quer!

  12. Gabriel disse:

    Isso está errado… Num código de barra, o número é representado por 5 barras ou 5 espaços, e a representação binária para 6 seria 01100 ou 01101.
    Em outras palavras, um barra fina, barra grossa, barra grossa, barra fina e tanto faz a última.
    Ou, um espaço fino, espaço grosso, espaço grosso, espaço fino e tanto faz o último.

    Tanto a lenda do 666 nesse código como a representação aí explicada são falácias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *