MENU

Jets

31 de janeiro de 2002 Comments (10) Views: 5711 Fortianismo

Zumbis (ou a lenda dos mortos-vivos)

voodoozombie
original em Expediente Escéptico

Um dos mitos mais difundidos é o dos zumbis, também chamados mortos-vivos. Segunda a lenda são seres que morreram, mas por ação de um sacerdote vodu regressaram à vida e se converteram em escravos dessas pessoas. Foram convertidos em lenda e muitas pessoas acreditam que são reais, e de certo modo são, mas lamento desapontar as pessoas que pensam que estes pobres homens estão nesse estado devido ao conjuro de um maléfico mago porque não é assim, e neste artigo explicarei porque. Adiante…

Mas, o que é o Vodu ?

Vodu (em Dahomey vodun,‘espírito’), crença religiosa majoritária no Haiti, que também é praticada em Cuba, Trinidad, Brasil e no sul dos Estados Unidos, sobretudo na Louisiana. O vodu combina elementos do cristianismo primitivo, do catolicismo e de religiões tribais da África ocidental, particularmente Benín.Os cultos vodu veneram um deus principal, o BonDieu; os ancestrais ou, mais geralmente, os mortos; os gêmeos e os espíritos chamados loa. Os loa, que podem variar de um culto a outro segundo o país, são deuses tribais africanos que se identificam com santos do cristianismo. O deus serpente, por exemplo, é ligado a são Patrício. Outros elementos católicos no vodu incluem o uso de velas, sinos, cruzes e orações, assim como a prática do batismo e o sinal da cruz. Entre os elementos africanos estão a dança, os tambores e a veneração de ancestrais e gêmeos.

Os rituais do vodu estão dirigidos cuidadosamente por um sacerdote ou santo, chamado houngan, ou uma sacerdotisa, chamada mambo..

E o que é um Zumbi?

Zumbi ou Zumbie, no vodu haitiano, corpo sem alma a que se devolve a vida para ser empregado em trabalhos físicos.

Nas tradições vodu, um zumbi é:

Um ser humano a quem um bokor (sacerdote ou sacerdotisa) roubou o ti bon ange(alma menor). Este roubo é feito mediante técnicas de magia negra quando a pessoa está morrendo, e imediatamente depois de morrer. O ti bonange é conservado em uma garrafa pelo ladrão, que a partir desse momento tem controle absoluto do corpo da pessoa morta. Esta carece de pensamento e controle autônomo, de modo que pode ser manejada como um escravo total e absoluto por parte do ladrão. Com o passar do tempo, o zumbi vai deteriorando-se, como se aprodecesse, e finalmente seu corpo acaba por morrer também.

O zumbi se converte assim em escravo do houngan, servindo-o em um estado de transe cataléptico como ‘morto vivo’. Acredita-se que os ghede (espíritos dos mortos que usam chapéus de copa) também podemcriar zumbis.

Como os vampiros e lobisomens, os zumbis se converteram em personagens freqüentes de quadrinhos e filmes de terror.

Acredita-se que zumbi vem de zumbi, uma palavra que no Zaire se utiliza para referir-se aos médiuns, fantasmas ou outros espíritos dos mortos. A mesma palavra, zumbi, também se refere a um deus com forma de serpente píton, reverenciada por alguns povos do oeste africano.

A Explicação

Depois de tudo isto, cabem duas perguntas: Os zumbis realmente existem? E se existem, o que são? Desde o começo é preciso descartar que sejam literalmente mortos vivos, por mais que se diga que é possível infundir vida (mesmo que seja metade) a um corpo humano declarado clinicamente morto.  O que resulta inegável é que no Haiti tem existido, e provavelmente continuará a existir, seres humanos chamados zumbis, cuja condição física, anímica e mental não é normal, que se encontrem em algum tipo de profundo transe, e que obedecem a quem os dominam. Isto independentemente de mitos, lendas e folclore.

Uma explicação perfeitamente racional é que, em muitos casos, os supostos zumbis são pessoas que padecem de deficiência mental. Algumas descrições de comportamento de zumbis correspondem vagamente aos de um caso de loucura convencional. Possivelmente, por vergonha ou outro motivo, uma família esconde cuidadosamente um parente que padece de problemas mentais. Então quando algum vizinho vê a pessoa, que age como zumbi e que acreditavam star morta há muito tempo atrás, juram que viram um morto vivo. Dadas a credulidade e a imaginação por vezes transbordante do ser humano, com o passar do tempo uma situação deste tipo pode converter-se facilmente em mito ou lenda. Esta parece uma explicação perfeitamente lógica do fenômeno zumbi. Mas há outra que pode explicar aqueles casos que aparentemente são “inexplicáveis”. Vejamos.

Sabe-se que os bruxos, magos, sacerdotes (como for), são capazes  de induzir um estado cataléptico em suas vítimas. Uma catalepsia tão convincente que parecem autenticamente mortas, e assim são declaradas e sepultadas. Posteriormente são retiradas de suas tumbas  e mediante uma cuidadosa combinação de drogas, são mantidas em um estado catatônico. Há alguns anos descobriu-se em que consistem essas drogas. O descobrimento foi feito por um investigador norte-americano, Wade Davis, quem viajou ao Haiti e até chegou a escrever um livro intitulado “A Serpente e o Arco-Íris”. Davis descobriu exatamente a fórmula usada por um bokor para converter uma pessoa em zumbi, e pôde comprovar que, usada por um perito, efetivamente reduz a vítima a um estado catatônico comparável com o de morte. E constatou deste modo que, quando o feiticeiro profanava a tumba do “morto” depois do sepultamento, dava outra poção à vítima para tirá-la de sua catatonia, embora a pessoa jamais voltará a ser a mesma. Ficará reduzida ao nível mental de uma pessoa lobotomizada, ou seja, uma pessoa a quem se extirpou parte do cérebro. Este último aspecto é devido à privação de oxigênio que sofre o cérebro, conseqüência do ambiente fechado do ataúde em que foi colocado o desafortunado.

O curioso da revelação foi o “ingrediente secreto” da “fórmula zumbi&qu
ot;. Além de narcóticos diversos, a fórmula continha tetradotoxina, veneno neurotóxico que se encontra no baiacu, e em algumas rãs venenosas.

O Peixe-balão (baiacu ou fugu)

Existem 120 espécies deste peixe, a maioria vive em águas tropicais, embora algumas espécies sejam de água doce, os peixes baiacu compõem a família Tetraodôntidos, ordem Tetraodontiformes. O que vemos na ilustração é um peixe-balão espinhoso.

São muito apreciados em diversas partes do mundo como delícia culinária, mas pelo fato de que são sumamente venenosos, recordemos que contêm tetradotoxina, ocasionam várias mortes ao ano.

Os sintomas geralmente aparecem entre 20 minutos a 3 horas seguintes depois de comer o fugu venenoso. Geralmente ocorrem os seguintes sintomas ao ingerir o fugu mal preparado, e com ele a tetradotoxina:

  • Intumescimento dos lábiose da língua.

  • Intumescimento do rosto e das extremidades.

  • Sensação de luminosidade ou de estar flutuando.

  • Náusea.

  • Dor de cabeça.

  • Vômitos.

  • Dor abdominal.

  • Diarréia.

  • Dificuldade para caminhar.

  • Debilidade muscular extensa

Conclusão

Bem, o que podemos concluir de tudo isto? Que evidentemente o mito dos zumbis foi desmascarado pela ciência, que tudo se  deve realmente à administração às vítimas das substâncias adequadas (neste caso a tetradotoxina), e a falta de oxigênio no ataúde faz o resto, juntamente com a superstição do povo. Cabe mencionar que o Código penal do Haiti pune severamente os indivíduos que envenenem com o propósito específico de reduzir pessoas a“zumbis”.

“E também se considerará tentativa de homicídio o envenenar de uma pessoa usando substâncias mediante as quais não é mortamas fica reduzida a um estado letárgico, mais ou menos prolongado, e isto sem consideração da maneira em que as substâncias foram usadas ou qual foi seu efeito posterior. Se depois do letargo a pessoa é sepultada, então o ato será considerado assassinato.”

***

Tags: , , , , ,

10 Responses to Zumbis (ou a lenda dos mortos-vivos)

  1. jeanny disse:

    nossa! eu vejo a série sobrenatural e aprendi umas coisas sobre isso! vou explicar a vocês tudo o q eu sei.

    1- O q são childrens? Um tipo de criatura q finge ser uma criança e sequestra a criança pela janela e prende-a. Como perceber: se a criança estiver estranha, veja a janela do quarto dela(ver se tem sangue pelo lado de fora da janela) e, pegue um espelho, disfarce e veja a vítima pelo espelho. Como matar: se você quiser matar um children procure a mãe children. a + de 1 jeito d se matar ela. o q eu sei é colocar fogo ou atirar com balas de sal. Os childrens se alimentam da compaixão da mãe da vítima.

    aki vai uma dica se você quiser matar um espírito q assombra casas: isso significa q alguém morreu lá e seu espírito está preso na casa ou o dono da casa morreu e seu espírito ficou raivoso.em todas as 2 ocasiões o espírito ficou raivoso. ivestigue o nome completo da pessoa. Quando descobrir, vá ao túmulo dessa pessoa e coloque fogo no cadáver,ou, queime a casa que esse espírito assombrava.
    Do que espíritos tem medo? Todo tipo de espírito tem medo de sal, já demônios tem medo de água benta. se algum espírito tentar capturar vc, faça um círculo de sal e entre nele.

  2. mocha disse:

    gostei de ler sobre o zumbi,mas gostaria de ter mais informacoes e conhecimento sobre fenomino zumbi. vantagens e desvantagens desta pratica.

    Atentamente
    dr. Mocha ( Maputo, Mozambiqe )
    Abraco!

  3. jeffel disse:

    foi legal esse texto deu pra esclarecer algumas coisa sobre o mito zumbi mais resumindo isso não existe pelo oque deu a entende isso e uma coisa tipo feitiço ou coisa assim

  4. debora disse:

    eu gosto muito de sobrenatural
    eu assisto,e eu sou uma caçadora de verdade e vejo demonios possuindo pessoas,e verdade gente nao estou mentindo

  5. Pss… Cada comentário, espero que eles não desestimulem o autor deste ótimo site.
    Continue com esse ótimo trabalho, mas bem que poderia dar uma revisada neste artigo não é? Carece de uma fonte confiável… de um relato de um “zumbi” real, a explicação não parece muito confiável, ainda acho mais provável não passar de crendice popular.

  6. Gabriela reinehr de oliveira disse:

    nao tenho medo de zumbis monstros e etc…..eles sao idiotas,nao existem, quem tem medo de zumbi ou coisa assim e medroso covarde!!!!!!!!!!!!

  7. gilberto garcia de souza junior disse:

    eu gostei bastante do site pois, diz sobre muitas coisas culturais diferentes que eu nao sabia

  8. isabela disse:

    oi. mto obrigada pelo ótimo texto. foi mto esclarecedor. adorei o blog! :)

  9. Rafaela disse:

    andei assistindo a maldição dos mortos vivos e tudo que o autor desse texto diz esta nele o fato de existir zumbis ou não ,as ideias vinheram do haiti e muitas gente acredita eu mesmo acho que algum dia eles virão atras de nois e é bom começarmos a nos preparar por inquando só são bruxarias e pratica de vodu que são esclarecidas por laudos médicos e depois quando não ouver mais explicação para tudo isso?

  10. Arthur disse:

    Ele esqueçeu se zumbi eziste {sim ou nao}…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *