MENU

Santo Solário

Marte diz “Hi” !

1 de março de 2005 Comments (0) Views: 763 Ciência, Fortianismo

Concepção cósmica

Concepção cósmica



A imagem acima não faz jus ao fenômeno, mas dá uma idéia. Note o círculo branco no canto inferior esquerdo, “Earth”, é o tamanho comparativo da Terra. As setas apontam para as cabeças (heads) e caudas (tails) dos chamados “girinos solares”. Algo que você deve entender se ver este vídeo (2Mb MPEG, original desta página). E se assistir, deve perceber que algo que seguramente o fenômeno lembra não são exatamente girinos, mas espermatozóides se aproximando de um óvulo. Espermatozóides com várias vezes o tamanho da Terra, sendo o óvulo o sol, em uma concepção cósmica. Não sei por que não fica muito poético.

Mas enfim, esse fenômeno além de curioso é cientificamente intrigante, porque é pouco compreendido. O que estamos vendo é uma enorme quantidade de matéria sendo ejetada do sol a enormes velocidades — e aparentemente contra todo esse movimetno vemos alguns espermatozóides astronômicos nadando contra a corrente rumo ao Sol. Seriam seres vivos? Há alguns séculos, as avançadas mentes que acreditavam na pluralidade de mundos, isto é, que a Terra não seria o único mundo habitado, e que geralmente também sabiam que não era o centro do Universo, também tinham a sofisticada idéia de que todos os planetas eram habitados, incluindo a Lua e o Sol. Mais recentemente há alguns que afirmam que o Sol não é realmente quente (seu aparente calor é resultado de sua radiação fria em reação com a atmosfera dos planetas), e que é habitado por seres de luz (o que mais?).

Mas novamente enfim, este post é para comentar que astrofísicos da Universidade de Warwick acreditam que sabem como explicar os girinos solares, que seriam em verdade um fenômeno físico envolvendo “ondas de energia negativa” se propagando em meio à massa em ejeção, e que a aparência de um girino nadando em direção ao Sol seria apenas uma ilusão. Toda a matéria estaria se afastando do Sol, apenas o fenômeno em questão se comporta de forma que acaba se aproximando do Sol. Confesso que não entendi bem o que realmente isso quer dizer, mas não são realmente girinos ou espermatozóides gigantes.

Para terminar, este post não estaria completo se não comentássemos que a primeira fotografia OVNI do mundo foram de aparentes criaturas vivas contra o Sol, os OVNIs de Bonilla.

[notícia via Technovelgy]

Tags: , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *