MENU

documentário.CA – Estatuetas Dogu: Jomon Jedi?

Marcianitos Verdes Imperdíveis

22 de agosto de 2006 Comments (2) Views: 939 Ciência, Fortianismo

O pulso ainda pulsa


“O Toxoplasma gondii é uma criatura extraordinária, sobre o qual já escrevi anteriormente em meu blog, um artigo no New York Times e meu livro Parasite Rex. Este organismo unicelular tem um cilo de vida que o leva de gatos a outros mamíferos e aves e de volta a gatos. Estudos mostraram que o parasita pode alterar o comportamentto de ratos, tirando-lhes seu medo normal de gatos — e presumivelmente tornando mais fácil que os parasitas cheguem ao seu próximo hospedeiro.
O Toxoplasma é extraordinariamente bem-sucedido, capaz de viver em milhares de espécies, incluindo em nós mesmos. Bilhões de pessoas estão infectadas com Toxoplasma, que pegam do solo ou de carne ou água contaminada. Na maior parte das pessoas ele permanece dormente, mas mesmo neste estado silencioso ele pode afetar o comportamento humano. Alguns cientistas ligaram o Toxoplasma à esquizofrenia, enquanto outros encontraram diferenças de personalidade entre pessoas com Toxoplasma e aquelas sem. É possível que ele use sua estratégia de alterar o comportamente de seu hospedeiro em nosos cérebros também”.

Um artigo publicado no Proceedings of the Royal Society of London pondera sobre se o parasita pode influenciar a cultura humana e a resposta é… muito provavelmente sim. Mais da metade da população mundial está infectada, e o Brasil, como país tropical tem uma taxa de infecção por Toxoplasmose chegando a 66,9%. Leia o comentário completo de Carl Zimmer em A Nation of Neurotics? Blame the Puppet Masters?

Tags: , ,

2 Responses to O pulso ainda pulsa

  1. Juliana disse:

    o que e isso m?

  2. Diego Souza disse:

    Lembrando, já foram feitas várias pesquisas que mostram que entre 30% a 50% da população mundial está afetada pela Toxoplasmose, e que essas pessoas tendem a um comportamento mais Estrovertido e agressivo que os que não são afetados.
    Um dia desses eu ouvi uma entrevista que foi feito uma pesquisa que mostra que a maioria das pessoas que trabalham em áreas de risco(Policia, Bombeiros, etc) estão infectadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *