MENU

Seguindo a moda das fotos engraçadinhas em blogs

Análise do Vídeo OVNI Mexicano 2004

9 de julho de 2004 Comments (6) Views: 1484 Ceticismo, Geral, Ufologia

A Nuvem de Deus

A Nuvem de Deus

Esta é realmente uma boa história. Primeiro, leiam o texto Uma Nuvem Cercada de Mistérios, de Domingos Rosendo Silva, para uma introdução sobre o milagre sobrenatural. Leram?

Bem, as imagens da nuvem não são forjadas, o evento é verídico e de fato é bem curioso. É muito curioso porque a nuvem não era uma constelação de anjos revelados ao “Profeta” William Marrion Branham, e sim muito provavelmente os restos de um foguete americano Thor lançado poucas horas antes na base aérea de Vandenberg e que foi detonado logo depois por mau funcionamento. Levava um satélite espião secreto. A fumaça da explosão, por assim dizer, teria sido levada pelos ventos até Flagstaff, em um efeito não muito diferente deste lançamento de um foguete Minuteman II (veja as imagens). A explicação foi apontada por ninguém menos que James McDonald, um dos luminares da ufologia, e artigos relacionados com ela podem ser lidos em inglês aqui, aqui ou aqui. De forma bizarra, esses artigos esclarecedores são disponibilizados em uma página pró-Branham. E há as páginas anti-Branham, como esta (em inglês) que, de outro grupo religioso e carregada de certa fúria (que inclui o mau gosto de apresentar uma foto do carro em que Branham morreu), ainda assim apresenta certos argumentos que permitem termos certa segurança de que a nuvem realmente não era um sinal de deus a seu Profeta. Como o detalhe de que Branham não deve tê-la visto.

Outros detalhes nesta história incluem uma série de fotografias “sobrenaturais” promovidas por seguidores de Branham, que são (d)efeitos muito comuns em câmeras, produzidos mesmo espontaneamente (ou deliberadamente).

E assim, senhoras e senhores, tivemos nosso longo post de feriado em que vimos como a explosão de um foguete americano levando um satélite secreto, em um dos auges da Guerra Fria (1963) pode ter sido promovida por evangélicos americanos como um sinal de deus, ao lado de outros “milagres” fotográficos, algo apontado por um conhecido ufólogo. Que é a deixa para indicar pela enésima vez os OVNIs de vórtice, não tão fora do assunto.

Tags: , , ,

6 Responses to A Nuvem de Deus

  1. […] esteiras de condensação de aviões tomadas por OVNIs. Também lembra o caso especial da Nuvem de Deus. Além do mundinho ufológico, o experimento também lembra as auroras […]

  2. Jr. disse:

    Talvez se fosse somente isto, provavelmente eu até duvidaria e acreditaria que era uma simples coincidência e um fato qlquer… mas… Veja as fotos de macas, muletas e tudo mais e leia sobre sua campanha na áfrica que teve caminhões de cadeiras de rodas, muletas sendo despachadas… e outros fatos, que não dá pra falar que foi tudo inventadado e não aconteceram (inclusive ainda existem pessoas vivas que presenciaram)… e tem também a foto da coluna de fogo que foi investigada pelo FBI (detalhe, todas as outras fotos queimaram, e era justamente em uma reunião que alguem iria “desmascarar” o Ir. Branham). Claro que eu também acho q algumas das fotos podem ser só borrões e distorções da própria câmera, que os fotografos ou outros que conviviam ou sabiam da história dele pensaram que também eram sobrenaturais (normal, pelo que eles viram, acabaram jogando tudo para o sobrenatural).

  3. bismarc k afonso ribeiro disse:

    sou estudioso da tora a mais de trinta anos, no entanto não sou judeu ou cristão, pra falar a verdade também não sou ateu, acredito num deus maior e em varios menores que regem o universo. Agora a nuvem negra de jeová que guiou o povo de israel da terra do egito até a ocupação de canaã, suponho ser um general alienigena que organizou o exercito de israel para conquistar a palestina naquela época.

    • olivir da silveira disse:

      w.m.branham foi o maior profeta que ja esteve na terra, porem incredulos nao podem crer, so´os eleitos teram revelaçao;joel;2;25-atos;320-21-malaquias;4;5-6-mateus;17;11-apc.10;7e3;14

  4. Douglas Almeida disse:

    Há algumas coisas que devem ser levadas em consideração. a primeira: “…e sim muito provavelmente os restos de um foguete americano Thor lançado poucas horas antes na base aérea de Vandenberg e que foi detonado logo depois por mau funcionamento”. A família de foguetes Thor foram foguetes descartáveis, desenvolvidos através do míssil americano PGM-17 Thor. Resumindo; não há nenhuma referência sequer, de um teste realizado em 1963 desse projeto. Ou seja, já podemos descartar essa possibilidade, já podemos mudar um pouco de assunto…

  5. Filipe disse:

    Podes me passar o post por email???? ficou cortada a margem contudo achei muito interessante a informação…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *