MENU

Sobre CeticismoAberto

Alertas Google

4 de janeiro de 2006 Comments (3) Views: 848 Ciência, Fortianismo, Ufologia

Paradoxo de Fermi? Que paradoxo?

Segundo Robert A. Freitas Jr., Não há Paradoxo de Fermi. Como ele argumenta:

Menos de 10% da superfície terrestre, 1% da Lua, 0,1% de Marte e 10-7% de Vênus (total 5 x 107 km2) foram examinados na resolução visível de 1 a 10 m. Isto deixa 99,96% da área de superfície do sistema Solar (1.3 x 10^11 km2) restando para ser examinada por possíveis artefatos [alienígenas]. Espaçonaves interplanetárias e telescópios terrestres fotografaram porções de alguns planetas e asteróides até a resolução de 20 km, mais algumas faixas em algumas luas de planetas exteriores na resolução de 1-10 km. Objetos enterrados ou submersos são indetectáveis com a instrumentação corrente. Grandes habitats artificiais no cinturão de asteróides pareceriam visualmente indistingüíveis de objetos naturais, especialmente uma vez que a própria população do cinturão está escassamente catalogada. A asserção de que um artefato residente nos alertaria de sua presenção não é garantida, apoiada ou plausível.

Freitas tem uma formação e produção acadêmica invejáveis, e seus argumentos estão longe de serem devaneios infundados. Seguramente, o paradoxo de Fermi como é apresentado popularmente não é nenhuma prova convincente de que estejamos sós no Universo. Evidência disto é o fato de que o próprio Fermi pensava o contrário.

Tags: , , , , ,

3 Responses to Paradoxo de Fermi? Que paradoxo?

  1. Paulo disse:

    O autor é sensato mas já vejo os ufolocos da Revista UFo distorcendo tudo e colocando na capa:Cientista famoso afirma que os ETS existem.

  2. e as emisões de radio? acho que civilizações avançadas teriam emitido sinais de radio que ja teriam chegado por aqui..mesmo que estas mensagens chegassem por aqui de maneira truncada e não reconhecivel em conteudo , ao menos o fato da utilizarem uma onda portadora com alguma lógica, serviria pra provar que as emisões são propositais.

  3. Vejam oa três enigmas da natureza: A criação do universo, da vida e da inteligencia. Para que tivesse um ser inteligente era necessário que surgisse o universo e isto é um acontecimento verdadeiramente milagoso. Existir vida é outro evento pior ainda e existir inteligencia do porte do ser humano é quase impossível. Como se pode pensar em outra inteligencia no universo? Isto é utopia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *