MENU

OVNI de vórtice

Não confie em seus olhos. Principalmente se for um...

31 de julho de 2007 Comments (2) Views: 1123 Ceticismo, Ufologia

O ataque dos Balovnis ingleses: uma “onda OVNI” exemplar


Ufólogos discutem há décadas sobre a origem das chamadas “ondas OVNI”, períodos em que depois de meses ou mesmo anos sem muitos relatos de OVNIs nos céus, eles subitamente começam a surgir às centenas ou milhares. Aparentemente sem explicação. Aqueles que defendem que são naves ETs obviamente não têm muita alternativa a não ser dizer que “eles estão chegando!“, como vêm dizendo há décadas. Para o resto dos interessados, tais “ondas OVNI” podem ter múltiplas explicações, muitas das quais relacionadas com influências culturais, leia-se “a mídia”. Pois bem, nas últimas semanas uma “onda OVNI” exemplar se abateu sobre a Inglaterra, embora apenas o avistamento mais recente em Stratford tenha finalmente chegado aos veículos de notícia mundiais.
MarcianitosVerdes realiza uma cobertura estupenda traduzindo e registrando as inúmeras notícias publicadas no Reino Unido: faça uma busca agora e veja como é uma onda OVNI de dimensões consideráveis. O detalhe é que Luis Ruiz Noguez também previu e mesmo noticiou em Marcianitos como um a um, praticamente todos os avistamentos confirmaram ser de balões de ar quente. Mesmo o avistamento de Stratford é dado como tal por um ufólogo da BUFORA.
É, como dissemos, um caso exemplar. Tudo parece ter tido início em fereveiro deste ano, com um caso em Archway, pelo menos este comentado também em CeticismoAberto — e, claro, também um avistamento de Balovnis de ar quente. Na ocasião, notamos como sublinhava a “lição número um na ufologia: testemunhos são valiosos, mas apenas como auxílio na obtenção de evidência física concreta objetiva”. Isso só se reforça com a progessão da “onda OVNI”. Centenas de testemunhas confundem balões de ar quente por OVNIs, por vezes relatam características que os vídeos comprovam não serem reais, e apesar de há meses tais avistamentos estarem sendo seguidamente solucionados e mesmo noticiados como balões de ar quente, os Balovnis continuam aterrorizando.
São lições especiais para o caso das Flotillas latinas. Em nenhum país em que as “Flotillas” não foram vendidas como algo extraterretre as pessoas dão atenção a balões de gás no ar. Apenas depois que dizem que os balões talvez não sejam só balões é que surgem os relatos. E, sem surpresa, depois das Flotillas de Balovnis serem vendidas no Brasil, avistamentos de balões de gás surgiram.
Onde tudo isso começou? Com Maussán, notório membro do Hall da Vergonha da ufologia, capaz de vender o vídeo de um balão em forma de cavalo como algo a ser levado a sério. Um dos principais videógrafos originais das Flotillas de Balovnis por sua vez foi Arturo Robles Gil, notório por vender a foto de um brinquedo chinês de R$1,99 como um disco voador.
Nem toda “onda OVNI” é uma ilusão popular tão simplória, mas estas em particular, são exemplares como tal.

Tags: , , , , , ,

2 Responses to O ataque dos Balovnis ingleses: uma “onda OVNI” exemplar

  1. […] em Marcianitos) faz também uma revisão sobre a onda OVNI inglesa, de acordo com o que havíamos sugerido há alguns dias. Os avistamentos em massa foram: 01/02/2007 – quinta-feira – Islington 24/02/2007 – sábado – […]

  2. gabriel disse:

    eu achei muito interessante pois se fosse montagem não
    teriam pessoas olhando!e eu adorei o site porque a maioria
    dos sites são apenas besteiras que não comprovam nada

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *