MENU

Vídeo de Gollum desvendado

Garoto abate porco gigante

26 de maio de 2007 Comments (4) Views: 1173 Fortianismo

Acredite… se quiser!

Abertura da série dos anos 1980, “Acredite se quiser”, exibida pela extinta rede Manchete. Apresentada pelo ator Jack Palance, sua filha Holly e outras atrizes e cantoras menos memoráveis, o enlatado americano foi uma das versões televisivas da franquia criada por Robert Ripley, “Believe it or not!“, há quase cem anos.
Ripley viajou pelo mundo coletando curiosidades e as apresentava em jornais através de cartuns desenhados por ele mesmo. A abertura da série com Palance com desenhos flutuando, e cada seção do programa encerrada com um cartum comentado eram uma forma de adaptar os cartuns à TV. Os cartuns continuam sendo produzidos e publicados, mais de meio século após a morte de seu criador, e a franquia se estende a museus sobre o insólito, programas de rádio e mais adaptações televisivas.
“Acredite se quiser” e todo o conceito de Ripley em apresentar supostos fatos bizarros e “insólitos” tem seus problemas, já que não está nem um pouco próximo de ser uma sociedade científica dedicada a descobrir, analisar e divulgar descobertas ao público. Um dos cartuns, por exemplo, chegou a espalhar os mitos dos OVNIs da Apollo 11, enquanto um dos programas da série com Jack Palance abordou as verduras gigantes mexicanas. Ainda assim, o trabalho de Ripley precede em alguns anos o mais cultuado (ainda que não menos desprezado pela academia) Charles Fort, e não é de todo descartável. O crânio com uma barra atravessada que surge no início da abertura acima, por exemplo, divulga o caso verídico de Phineas Gage.
Há dois motivos para comentar tudo isto por aqui. Em 2009, um filme sobre a vida de Robert Ripley deverá ser lançado, onde Jim Carrey interpretará o apaixonado pelo bizarro, dirigido por ninguém menos que Tim Burton — uma combinação potencialmente perfeita. O outro motivo é explicar por que este blog comenta “o estranho, o bizarro e o inexplicado”. Essa era parte da abertura de Jack Palance para a série. Acredite… se quiser!

Tags: ,

4 Responses to Acredite… se quiser!

  1. Bom post e muito bem lembrado e citado o Charles Fort que foi, de longe, o maior coletador de histórias impressionantes e fantásticas. O livro “despertar dos mágicos”, de Jacques Bergier faz ótimas referências a ele também.

    Abraços.

  2. elias disse:

    gostaria de ver o video do homem que alça voo
    de uma ponte.conhecido como homem-borboleta.

  3. ALINE SILVA disse:

    Uma página constrútiva e muito qualificada, com essas caracteristicas fica bem certo de que esta página esta excelente e de parabéns.

  4. Ariadne disse:

    Na verdade não serio um comentario, vi no youtube o video de um animal raro, q, tenho a impressão de se tratar de uma menina com corpo de bicho, gostaria de ter mais informações sobre este caso.
    Desde ja agradeço pela atenção!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *