MENU
ufoshop1

"Flotilla" em janela

pontoestatico

"Ponto Estático"

22 de agosto de 2009 Comments (5) Views: 1638 Fotos de OVNIs

Caso Barra da Tijuca

Local: Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, Brasil
Data: 7 de maio de 1952

Na edição de incío de maio de 1952, a publicação dos Diários Associados anunciava na capa:
“EXTRA: DISCO VOADOR NA BARRA DA TIJUCA
O CRUZEIRO apresenta, num furo jornalístico espetacular, a mais sensacional documentação jamais conseguida sôbre o mistério dos discos voadores – O estranho aparelho veio do mar, com enorme velocidade e foi visto durante um minuto – Côr cinza azulada. absolutamente silencioso, sem deixar rastro de fumaça ou de chamas – Relato completo da fascinante aparição na Barra da Tijuca. Reportagem de ED KEFFEL e JOÃO MARTINS”

Comentário: Uma série sensacional de cinco fotografias. Sensacional demais: “Ed Keffel só tinha 5 negativos disponíveis em sua máquina fotográfica. Ele tinha que saber com antecedência o que ia acontecer. E sabia. Estava tudo programado. Em apenas 5 fotos conseguiram registrar o suposto disco voador de perfil, por cima, por baixo e inclinado de lado“, notou o ufólogo Claudeir Covo.

A fraude, realizada pela revista “O Cruzeiro”, tomou um rumo inesperado com o envolvimento de militares brasileiros. Longe de “encobrir” o caso, eles o endossaram. Oficiais da Aeronáutica, liderados pelo coronel João Adil de Oliveira, analisaram as imagens e, ao falhar em reproduzi-las usando um modelo lançado ao ar, as declararam autênticas. A fraude foi realizada em verdade através de fotomontagens.

Um mês depois que as imagens fossem manchete, a revista Ciência Popular, através de seu diretor, Ary Maurell Lobo, cumpria seu papel e garantia que nós, brasileiros, não fôssemos todos crédulos:

Quinta fotografia, com o disco iluminado por um Sol no oceanoA respeito do “disco voador” que marcou entrevista na Barra da Tijuca com os fotógrafos … salientamos as molecagens que têm sido feitas nos EE.UU e Europa, com o lançamento de pequenos discos no espaço, e fotografando-os. Tudo quanto saiu publicado nos periódicos mencionados pode ser facilmente obtido por êsse processo, ou mediante uma montagem especial, com sucessivas fotografias. Não queremos afirmar que a sensacional reportagem seja de tão criminosa natureza, mas não a aceitamos“, escrevia Lobo em junho de 1952. Acertou com relação à “montagem especial”.

Já em 1963, o astrônomo Donald Menzel, temido inimigo das naves interplanetárias — ou de seus promotores — martelava o prego certo sobre o caso. As sombras do disco voador e da paisagem são incoerentes. O “relatório Condon”, o estudo da Universidade do Colorado sobre uma série de casos de OVNIs publicado em 1968, apoiou a objeção de Menzel através de análise indepente. A imagem analisada, no início desta página, indica que o disco voador é iluminado pela esquerda, enquanto a paisagem, mais notavelmente a palmeira, é iluminada pela direita.

Nos anos 80, o americano William Spaulding e os brasileiros Carlos Reis e o já mencionado Claudeir Covo apresentariam mais evidências de que as fotografias teriam sido trucadas. Na quinta e última fotografia, Covo notou que “para gerar a sombra no objeto, o Sol deveria estar dentro do Oceano Atlântico“.

Finalizamos com a conclusão do relatório Condon:

Este caso é apresentado como um exemplo de fotografias descritas como prova incontestável de discos voadores, mas que contêm uma inconsistência interna simples e óbvia“.

Confira: Fraudes Ufológicas – O Caso Barra da Tijuca
E também: Condon Report, Case 48: Barra Da Tijuca, Brazil (em inglês)

Tags: , , , ,

5 Responses to Caso Barra da Tijuca

  1. joão disse:

    muita gente quer acreditar, mas as provas são poucas, eu acredito (em silencio) porque já vi muitos.

  2. Alexandre disse:

    Pq vcs não tem acoragem de assumir os fatos ?estão sempre em cim do muro.vcs ja tem conhecimento da presença de ovnis e tambem de sua existência .divulguem a verdade ,pois eu ja vi mais de uma vez. e não me venhâo com historia de balôes de meteorologia pois havia varias outrs testemunhas,inclusive um antigo programa de tv chamado camera em ação documentou tal fato em São Tomé das letras .deixarei um aqui um bom motivo para se refletir principalmente para os presunçosos.Será que somente o ser humano habita toda a imensidão desta galaxia?

  3. RICARDO PINTO DA LUZ disse:

    dE 30 DE JULHO A 1 DE AGOSTO DE 2010, PASSEI AS NOITES ACORDADO, MUNIDO DE BINÓCULOS E LANTERNA, FASCINANDO QUE ESTAVA COM O QUE ACONTECIA NA PEDRA DA GÁVEA A ARREDORES. DE MINHA COBERTURA NO JARDIM OCEÂNICO, NA BARRA DA TIJUCA, COM EXCELENTE VISÃO, NÃO PERDI UM SÓ LANCE DO MOVIMENTO DE MUITOS, MAS MUITOS MESMO, OVNIS. ELES NÃO QUEREM CAUSAR ALARDE, TANTO QUE A OLHO NU VC SÓ PERCEBE AD NAVES MAIORES, QUE EMITEM UMA LUZ ÚNICA, PARECENDO ESTRELAS. mAS QUANDO VC USA UM BINÓCULO, VÊ A VERDADEIRA FACE DA SUPOSTA ESTRELA, UM OBJETO COM LUZES AMARELAS, VERDES, VERMELHAS E AZUIS, MUITO LUMINOSA E PISCANDO PULSANTE. AS MAIS NUMEROSAS SÃO PEQUENAS, DE LUZ FOSCA E MUITO ÁGEIS E VELOZES. ENQUANTO AS MAIORES SE MOVIMENTAM LENTAMENTE, AS MENORES, QUE SAÍRAM DELAS, SÃO AS QUE PARECEM ENCARREGADAS DE UMA MISSÃO. ELAS É QUE POUSAM NA MATA, PERCORREM EM TRIO TODA A ENCOSTA DA PEDRA MAIS ALTA, LENTAMENTE, DO SOPÉ AO CUME. NO TERCEIRO DIA, ÀS 5,45HS, QUANDO TUDO ESTAVA QUASE TERMINANDO E SÓ RESTAVAM DUAS NAVES RECOLHENDO UMAS POUCAS RETERDATÁRIAS, TESTEMUNHEI A DECOLAGEM DE UM AVIÃO A JATO DA AERONAUTICA. c OM TANTO CÉU ELE TINHA QUE PASSAR LOGO ENTRE AS DUAS NAVES. fOI AÍ QUE TIVE CERTEZA DE QUE AS FORÇAS ARMADAS ESTAVAM CONSCIENTES DA PRESENÇA DAS NAVES. ROLOU NAIS COISA NESTAS 3 NOITES, MAS FICO POR AQUI. SE SINCERA FOSSE NOSSA FORÇCA AÉREA E CONFIASSE EM NOSSO POVO, ASSUMINDO O CONHECIMENTO, TALVEZ APRENDESSE MAIS, TROCANDO INFORMAÇÕES COM OS CIVIS, QUE -PELO AMOR DE DEUS-, NÃO VÃO ENTRAR EM PÂNICO PORQUE DESCOBRIRAM QUE NÃO ESTAMOS SOZINHOS NO UNIVERSO. ISTO É MOTIVO DE ALEGRIA, PORQUE PODEMOS APRENDER E EVOLUIR SE USARMOS NOSSA INTELIGÊNCIA COM SABEDORIA.
    RICARDO PINTO DA LUZ – JORNALISTA E ATOR
    24956390 E 37950021 – SEM MEDO DE SER JULGADO, PELO CONTRÁRIO, ORGULHOSO DO PRIVILÉGIO DE VER TUDO QUE VI.

    • Felipe disse:

      Boa Noite… estava lendo seus comentarios aqui… E fiquei bobo com o que vc disse, pois exatamente a poco mais de 1 hora atrás observando o céu deparei com um objeto muito estranho no ar e se parece exatamente com o que vc descreve….
      E bem em frente a Pedra da Gavea… Como pode ser … As vezesme pego pensando nesse assunto…
      Vc tem fotos ou videos que mostrem essas aparições,,,

  4. […] Em 1964 Otília Diogo protagonizou seu show na presença de muitos. E entre estes muitos estavam Chico Xavier e Waldo Vieira de um lado, e os repórteres da revista Cruzeiro de outro. A extinta revista dos Diários Associados tinha então uma influência que mesmo hoje nenhuma publicação pôde igualar, conseguida através de uma tiragem impressionante. E para vender tanto, podemos dizer que o Cruzeiro não mantinha um rigor jornalístico muito elevado. O primeiro e mais famoso disco voador da história de nosso país não sobrevoou a Barra da Tijuca, …. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *