MENU
arkexploring1.jpg

“Encontrada a Arca de Noé”, diz Igreja da Arca...

programadojo.jpg

CeticismoAberto hoje no Programa do Jô

2 de maio de 2010 Comments (70) Views: 17938 Ceticismo, Destaques, Fortianismo, Paranormal

Faquir indiano, há mais de sete décadas sem comer?

get

Prahlad Jani, um faquir indiano, voltou ao noticiário internacional… exatamente com a mesma “notícia” que ganhou o mundo há alguns anos. Compare-se, por exemplo, esta nota recente do Terra:

Indiano que diz viver há 70 anos sem comida está sob estudo

Com esta nota da BBCbrasil de novembro de 2003:

Cientistas investigam faquir que ‘não come há décadas’

São praticamente idênticas, com sete anos de diferença. E são igualmente exemplos claros do que o jornalismo não deve ser.

Os veículos nacionais estão apenas reproduzindo acriticamente wires de agências de notícias, o que já seria questionável, todavia o mais absurdo é que ainda o façam na seção de ciência! Com isso, o público volta a se agitar com a história, absurda, mas alguns talvez pensem “e se…”.

Bem, pesquisas simples pela rede revelam que a história é mais do que duvidosa. Não há dúvida razoável de que são fraudes.

 

Mesma história, mesmo hospital, mesmos médicos

O hospital onde Prahlad Jani teria sido submetido a testes em 2003 é o mesmo hospital onde está sendo “testado” agora. Por que os primeiros testes não foram suficientes? Por que não se fazem testes em outras instituições independentes?

A resposta talvez esteja no médico responsável nos dois “testes”, Sudhir V. Shah. E principalmente no detalhe de que Shah não é de forma alguma um médico pesquisador imparcial, mas um diretamente envolvido na promoção não apenas de Jani, mas de diversos outros faquires indianos que dizem não se alimentar. Em seu sítio online, Shah promove a religião Jainista, “ciência e espiritualidade”.

071103-NoFood Um sumário de sua “pesquisa” com Hira Ratan Manek (imagem ao lado) é hilária pela profusão de erros e ignorância de conhecimentos científicos mais básicos, justificados com referência a crenças obsoletas e supersticiosas. Confira, por exemplo, este trecho:

“De todas as fontes cósmicas, o Sol é a mais poderosa e prontamente disponível, e tem sido usada para energia por sábios e Rishis desde tempos antigos, incluindo o lorde Mahavir, lamas tibetanos e outros Rishes. (…) A retina e a glândula pineal (o terceiro olho ou a sede da alma de acordo com Rene Descartes)”.

Shah continua seu sumário sugerindo que esses faquires e “sábios” realizam fotossíntese, o que já seria uma reivindicação extraordinária, mas o detalhe realmente hilário é a sugestão inclui implicar que a fotossíntese poderia ser feita… através de suas retinas! Há uma confusão completa entre a menção a fotorreceptores e a fotossíntese, ao mesmo tempo em que se ignoram completamente considerações das mais elementares sobre quais mecanismos poderiam concretizar uma fotossíntese ou mesmo cálculos de verso de envelope sobre a quantidade de energia luminosa – e a superfície coletora associada – necessárias mesmo em tese.

Mais preocupante que um chefe dos “testes” favorável à tese absurda, ou mesmo suas especulações pseudocientíficas, é o fato de que em alegações anteriores do mesmo grupo de pessoas já houve a divulgação pura e simples de mentiras.

 

Inventando o interesse da NASA

No caso de Hira Manek, por exemplo, as mesmas notas do mesmo grupo diziam que a NASA estaria interessada no caso e teria mesmo convidado o suposto homem-santo para a realização de testes.

Já no ano de 2003, porém, James Randi obteve da porta-voz da NASA, Dolores Beasley, a negativa de que a NASA não tem nem teve qualquer envolvimento com o faquir. A história do interesse da agência espacial americana foi simplesmente inventada, o que não impediu que, como a história similar de Jani em 2003 e agora em 2010, chegasse aos wires internacionais de notícias e com isso ganhasse o mundo.

A menção à NASA, mesmo ao Departamento de defesa indiano, é usada nas notas para dar credibilidade à história inacreditável. Enquanto a NASA é uma mentira, o departamento de defesa indiano pode ser uma verdade, mas uma que também precisa ser colocada em contexto.

E o contexto mais relevante é que tanto em 2003 quanto agora, o envolvimento se dá através de W Selvamurthy, isto é, mesma história, mesmo hospital, mesmos médicos, mesma ligação com as autoridades indianas. Esperaria-se que a estas alturas, sete anos depois, o departamento designasse talvez um outro cientista. Como é muito comum em casos assim, contudo, são os mesmos envolvidos que acabam repetindo as mesmas alegações.

O que é mais provável: que haja realmente um interesse sério de diversos cientistas indianos, ou que um cientista mais crédulo associado ao departamento de defesa esteja, como está, há vários anos apoiando tal tipo de alegações?

indian1

 

Emagreça em dez dias, pergunte-me como

O fato de que Prahlad Jani já foi notícia há sete anos com exatamente a mesma história é útil, principalmente pelo detalhe de que já então os médicos registraram uma “pequena perda de peso”.

Permanecer dez dias sem a ingestão de alimentos não é em si mesmo um feito extraordinário sobrenatural, e de forma alguma comprova que o sujeito tenha passado mais de 70 anos nesta situação. Que tenha emagrecido, ainda que levemente, é ainda um indicador claro de que este pode bem ter sido um jejum de dez dias, e não um de sete décadas anos. Se é que foi de fato um jejum – monitorado por um médico que defenda a idéia de fotossíntese pelos olhos, com a consultoria de um cientista do departamento de defesa que há anos também se associa a tais alegações, incluindo a invenção do interesse da NASA, ceticismo é bem justificado.

Um “estudo de caso” com dados quantitativos de vários dos sinais vitais de Jani nos testes de dez dias em 2003 está disponível. Há detalhes muito curiosos, como a presença de gás e matéria fecal em seu intestino. Teria sido esse material ingerido há mais de 70 anos? Já não deveria ter se solidificado ou apodrecido desde então? Teria se materializado em seu intestino? Ou simplesmente seriam os restos de uma alimentação bem sólida ingerida pouco antes dos testes?

Apesar de menção à leve perda de peso, o estudo de caso todavia não menciona de quanto foi! Seria um dado inconveniente?

 

Homens nada santos

A Índia ainda é um país de faquires e “homens-santos” explorando a superstição e falta de senso crítico do povo local com fraudes toscas. Vale lembrar que Sai Baba, já pego em fraudes, continua vivo e poderoso, enquanto o racionalista Basava Premanand faleceu lamentavelmente sem conseguir que o charlatão fosse condenado pelas fraudes que realiza.

A Rationalist Internacional, outro grupo de racionalistas na Índia dedicado a expor estes falsos gurus – cujo confronto com um “homem-santo” que falhou em matar o cético Sanal Edamarukucita outros casos de gurus que dizem não se alimentar sendo expostos em suas fraudes, como o de Kumari Neerja, que em 1999 afirmava não se alimentar nem beber, tampouco ir ao banheiro, há mais de cinco anos.

Em cooperação com a polícia o grupo verificou seu quarto e descobriu uma entrada para um pequeno banheiro escondido e um buraco pelo qual ela recebia comida. Um detalhe digno de histórias de ficção, mas pelo visto real, é que um gás para induzir vômito também teria sido introduzido no quarto, e Neerja teria então regurgitado pedaços de chapatti e batatas. Segundo os racionalistas, ela teria problemas mentais e foi posteriormente internada.

Em 1992 o próprio Edamaruku expôs o homem-santo Pilot Baba que dizia sobreviver sob a água por cinco dias sem respirar. Edamaruku descobriu que a elaborada construção de piscina construída para demonstração possuía um confortável compartimento seco onde Baba descansava. Em 1996 o mesmo baba tentou a mesma história, exposto novamente na mesma fraude.

Jani, Manek, Neerja, Baba, são apenas alguns dos charlatães indianos que acabam causando maior comoção na mídia local, e ficamos conhecendo os casos de Jani e Manek graças à ação do mesmo grupo de figuras como os doutores Shah e Selvamurthy que, apesar de seus títulos respeitáveis, aparentam ser tão crédulos quanto um aldeão supersticioso.

Estes casos chegam às agências de notícias, são reproduzidos sem qualquer questionamento como curiosidades, e podem ser mesmo temas de documentários que chegam a ser veiculados em canais reconhecidos como o Discovery. O leitor deve lembrar que não é nada incomum que tais “documentários” sejam completamente desprovidos de senso crítico, ou mesmo que promovam fraudes.

E é apenas aqui, ao final do texto que mencionamos como a própria idéia de “viver de luz” é absurda por si só. Viola a mais fundamental, a mais verificada e comprovada das “leis” que fundamentam toda a ciência, e toda a tecnologia derivada desta ciência, a conservação de energia. Para chegar mesmo a cogitar a possibilidade de que a conservação pudesse ser violada, seria necessária evidência muito mais promissora do que faquires e notícias recicladas.

Mais do que absurda em si mesma, a idéia de “viver de luz” é perigosa e irresponsável, tendo levado à morte algumas das poucas pessoas de boa fé e suficiente determinação para aplicar tais crenças ao seu derradeiro fim. No que é mais cruel e revoltante, os que promovem tais idéias, e permanecem vivos, são justamente os que não as praticam de fato. Simplesmente porque ainda estão vivos.

Ainda que por vezes percam alguns quilos, e não sejam exatamente a imagem da boa saúde.

Tags: , , , , ,

70 Responses to Faquir indiano, há mais de sete décadas sem comer?

  1. Francisco Boni Neto disse:

    Detalhe, o cara (Dr. Sudhir V. Shah) é neurologista de 20 anos de prática. Cognitive bias total. É incrível como o cérebro sustenta um sistema de crenças baseado na simples necessidade e fundamentado na inconsistencia total, mesmo com 20 anos de pratica neurológica. Esse cara fez curso de medicina pelo correio, ou só pode ser doente mental. Olha a lambança que ele me escreve: The activation of pineal gland is the key step in psychic, spiritual & energy
    transformation processes.

  2. marcus disse:

    Eu não acho que o Dr. Sudhir V. Shah seja crédulo. Eu acho que ele é sem-vergonha mesmo.

  3. dra_luluzita disse:

    eu acho q ele é muito inteligente e perspicaz, como todo bom enrolador de multidão né? deve estar rico e comendo bem… bem ao contrario da populaçao indiana… e nem um pouco coerente com as liçoes do lider deles pr’prios,Gandhi

  4. sartori disse:

    caramba…fotosintese….

  5. raph disse:

    É uma pena porque nesses casos sem dúvida seria possível uma análise científica séria, mas se são sempre os mesmos médicos, a credibilidade sem dúvida fica comprometida… Em todo caso, não é ficar sem comer que faz de alguém um “santo” ou um ser mais ou menos elevado espiritualmente.

  6. raph disse:

    Uma outra coisa a ser levada em consideração é que ele já foi filmado 24h/dia durante 10 dias e ficou sem comer NEM BEBER. Ficar sem beber durante 10 dias é MUITO mais difícil de se explicar… Em todo caso aparentemente ESSA nova pesquisa vai durar 2 meses. Eu gostaria de ver outros pesquisadores realizando estudos com ele, particularmente de fora da Índia… Mas será que alguém se interessa? Esse é o problema.

    • Mori disse:

      Ele usou um enxaguatório diário, embora isso de fato não seja lá uma explicação.

      Como escrevi no texto, meu ceticismo se centra mais nos controles nestes “testes”. Isto é, penso ser provável que houve fraude de alguma forma.

    • Francisco Boni Neto disse:

      O cara pode ser 100 anos de prática neurológica. A partir do instante que o cara que diz a morada do ‘espírito’ está dentro da glândula pineal, você pode ter certeza, ele é doente mental e não sabe do que está falando. Se ele realmente tem noção do que estivesse descrevendo, uma hipótese forte, chamaria outros pesquisadores independentes. Mas para quê? Se o ministério da defesa Indiano, ou sei lá o que, já foi pego mentindo dizendo que a NASA estaria interessado nestes fenômenos? Entre no site do cara, veja os artigos que ele fez sobre espiritualidade e ciência. Com 15 anos de idade eu escrevia artigos daquela natureza. É piada.

      • Antonio Marcos Souza disse:

        Francisco Boni, ser cético sem conhecer nada do outro lado da moeda, leva a ignorância total. Os orientais principalmente Indianos e Japoneses tem conhecimentos que os ocidentais desconhecem. Haja vista, a própria acupuntura e outras alternativas. Você com certeza, deve desconhecer técnicas que envolvem respiração e concentração. A própria medicina hoje, reconhece a teoria chinesa dos meridianos de energia, as técnicas chinesas de fortalecimento da energia interna através do tan ti en ( ou algo assim )… Assim como os chineses, os indianos tem conhecimentos que mereceriam mais respeito pelos ocidentais. Não estou aqui, afirmando que o fato do indiano é autêntico ou não. Afirmo aqui, que a disciplina mental/física pode levar o ser humano a um grau de habilidades superiores.

  7. Isso lembram-me de uma certa frase do Sagan, dita no primeiro episódio da série Cosmos: “Genialidade não é garantia de estar sempre certo” (ou algo assim).

    Só que, nesse caso, nem genialidade temos. :)

  8. […] [UPDATE] O Kentaro também escreveu uma matéria no Ceticismo Aberto. […]

  9. Rodriggo Vivazs disse:

    A pior doença que o ser humano pode ter é a ignorância.

  10. LUCIANO NOGUEIRA disse:

    Sete décadas sem comer ????

    Sem comer ninguem, né?

  11. LAZZAR disse:

    Se é que existe realmente alguém que “não come” e divulga esta besteira, porque não chamá-los para participarem de reality show? Imagina eles 90 dias numa casa onde não dava para esconder nada? E porque então os institutos de pesquisa não os confinam para estudá-los? Quero ver onde as mascara iria parar.

    • Anônimo disse:

      Sr LAZZAR e todo o pessoal cético, eu conheço um paulista que diz viver de luz, na qual debateu com céticos e desafio-os a uma aposta no site http://clubecetico.org/ que no final não sortiu resultado, pois os céticos desistiram e fecharam o tópico.
      Ele chegou a procurar emissoras de tv que não o reponderam.
      Pois no seu site ele disponibiliza varios temas como conspirações, paranormalidade, espiritismo e etc…, cujo seus temas são desmascarados neste site!
      Pois eu desafio vocês desvendarem esse mistério!
      Desafio vocês a aceitarem a aposta dele de R$100,000 (cem mil reais).
      Queros ver se realmente vocês são corajosos ou vão fugir.
      Quero ver qual dos dois lados são os verdadeiros sofistas.
      Aqui está o site dele:
      http://desafioviverluz.blogspot.com/2010/06/desafio-contra-os-pseudoceticos-viver.html
      Espero ter respostas!!!

      • Cristiano disse:

        Muito bom comentário, pois da mesma forma que este site critica os fatos pela falta de evidencias, também não tem evidencias (na maioria dos casos que vi aqui, hoje) para criticar, o que leva a imparcialidade e a uma conclusão tendenciosa para o ceticismo, e não a verdade. Se bem que até a mais atual forma de ciência ainda se encontra amparada pelas teorias que decaem frequentemente.

  12. Roberto A. disse:

    Como pode existir pessoas que exploram a fé dessa maneira?

    Fama ao preço de ser tachado como charlatão… Vai entender =\.

  13. Eduardo disse:

    E por casa como andamos? Aqui em Jacarepagua todo domingo milhares de pessoas vao fazer opreações espirituais no Lar de Frei luiz, e perto de Goainia temos o Joao de Deus q tb junta multidoes, vem onibus de todo o Mercosul para se consultar com o Dr Fritz

  14. maquei disse:

    Duvido ele ficar sem beber uma brahma

  15. Paulo disse:

    Este homem está incomodando vocês não é?
    Da pra ver na tentativa desesperada de alguns comentários desta página de desqualificar os pesquisadores que já o viraram do avesso diversas vezes tentando encontrar uma “explicação” para o fenômeno. Querer entender o espiritual com os cinco sentidos é que é a maior ignorância.

    • freire disse:

      Paulo, discordo. Não se trata de querer entender o espiritual com os cinco sentidos. O que estamos tratando é uma questão bem física. Trata-se da capacidade do corpo físico do protagonista, com as limitações que dispensam explicações. Não tenho dúvidas quanto ao poder da fé em tornar elásticos esses limites, mas isso não justifica deixarmos de lado algo que deve fazer parte do que nos caracteriza como humanos, sociáveis, etc.: Bom senso.

      • leonardo disse:

        Mas nos humanos temos Esse outro lado o lado oculto ”paranormal” que poucos de nos conhecemos.O lado pelo qual nos podemos desenvolver habilidades consideradas pelos outros paranormais,Obtidas através da meditação,que já foi pesquisada por cientista que traz alguns efeitos que a ciência ñ consegue nem se quer explicar.Nos ñ só possuímos o lado físico mas também o oculto e é isso que as pessoas deviam entender mas nem é sempre isso que ocorre.e também ñ se esqueçam disso a fé move o mundo ñ falo na fé em deus mais a fé que temos quando queremos algo,A fé faz Ou pensamento Positivo que tudo que você deseje ocorra mas pra isso você precisa ter uma total fé algo que nossa mente Humana ñ permite pois sempre temos 1 duvida e essa é a Nossa fraqueza,Por isso quando um verdadeiro magico ou feiticeiro faz uma leve magia mais complicada ele pede que os as pessoas que estejam ao seu redor Mentalize aquilo que ele pedir e mandem suas energias positivas para que aquilo que ele deseja que ocorra realmente ocorra Grande exemplo disso e O Magico que aparece no Programa da Eliana em Poderes da mente (acho que é isso)…

    • Melgaço disse:

      Pesquisadores? Isso é piada. Se você for à India entenderá porque há tanta credulidade neeses “homens santos” que não passam de charlatões.

  16. Freire disse:

    Olha, deixando um pouco a razão de lado… Pela cara dele, 70 eu não digo, mas uns 20 até acredito…

  17. Paulo disse:

    O importante aí são os fatos…Já o filmaram por mais de trinta dias em uma sala fechada. Não comeu, não bebeu, não urinou, não defecou…E não me diguem que não está ligado a fatos espirituais porque me parece não haver explicação razoável, ou alguém tem…?

    • Adalberto disse:

      Aí é que está a questão! A idoneidade e credibilidade do médico e do hospital, pois não são certificados para este tipo de teste. Por que, durante esses anos todos, não se fez teste em outra entidade, de outro país, por exemplo?

      • Paulo disse:

        Talvez porque os outros cientistas tenham que certificar uma realidade incômoda demais para a ciência moderna…

    • mauricio disse:

      diguem? vamo dá uma estudada Paulo!!!

      • Paulo disse:

        Ai meu deus , ele errou o português… Assim são os materialistas, porque falta um ponto ou uma vírgula começa a dar chilique e desqualificam tudo. Estes são os chamados ignorantes ilustrados. Já vi analfabetos com mais conhecimento que vocês. Eita povinho…

  18. Leite disse:

    Acreditem se quiser, isso aí vai passar no fantástico. Espero que eles desmintam essa babozeira, senão vão perder o resto de credibilidade que tem comigo.

    Abs adoro esse site. XD

  19. Sergio disse:

    Desculpem todos, porém o que está sendo feito é o mesmo de que tanto acusam outros, argumentos ad hominem em abundância, tudo que se faz é tentar desqualificar os pesquisadores. Se tenta justificar que devia ser feito assim ou assado, mas ninguém vai fazer. james Randi não acredita? usando o sistema de voc6es ele deveria ir lá para testar ver se encontra truques e não somente falar de longe não acham? mas…..pera aí, se sempre existem truques, o que garante que randi seja diferente? que prova temos de que ele não usa truques, como vcs gostam de dizer dos que são testados, randi é mágico profissional, pq devemos acreditar que ele não usa truques? As pesquisas são insuficientes? acredito que sejam mesmo, então qual deve ser a crítica? somente que as pesquisas são insuficientes, e não tentar exttrapolar para ‘são desonestas” já que não existem provas disso.
    Enfim, se é para ser cético seja até o fim, com td e não apenas com o que não agrada.

    • Paulo disse:

      Falou bem Sérgio.

    • Eduardo disse:

      Por uma questão muito simples. Quem afirma e propagandeia esse fenômeno é que deve se submeter a procedimentos sérios e controláveis objetivamente.

      O que é incabível é afirmar-se algo, as pessoas que cercam que afirmou realizar um ´estudo` que certifica isso e, por fim, este estudo nao poder ser controlado.

      Eh a completa inversao da logica!!!

  20. Cláudio Antonio disse:

    A reportagem do Fantástico desvenda definitavamente a questão . Pode ser vista em :
    http://fantastico.globo.com/Jornalismo/FANT/0,,MUL1593599-15605,00-INDIANO+GARANTE+QUE+ESTA+SEM+COMER+HA+MAIS+DE+ANOS.html

  21. Oscar Alvis disse:

    Creio que a dificuldade maior para análise detes ditos “fenómenos” está na falta de tecnologia e instrumentos de medição apropriados…assim foi quando se suspeitou da existência de microorganismoa, por exemplo.(Hoje temos microscópios de todo tipo…)
    Assim é com a detecção de formas de vida diferentes das que conhecemos, aqui e em outros planetas…assim é com o relacionado com a espiritualidade.
    E em relação a questão levantada sobre a glãndula pineal, o afirmado sobre sua ativação e a relação com os “fenómenos” psíquicos e espirituais faz parte de uma sabedoria milenar muito distante da “racionalidade” occidental, tão materialista e destrutiva que em nome do progreso e do capital apenas beneficia poucos em detrimento de muitos, na India, no Brasil, na Africa e em todo lugar!
    Chegará o dia em que o método científico não poderá mais excluir em seus processos as variáveis psíquicas e espirituais…Quem viver verá!

  22. Jodoir disse:

    O incrível, o fantástico, o extraordinário mesmo, é que REALMENTE existem pessoas que acham que pode haver algo de verdadeiro nessa charlatanisse evidente! Como??? COMO???? Me dá até um ataque nos “nelvo”! Acreditam em homens-santos, gurus, duendes, gnomos, fadinhas e bobagens afins…Realmente, é dose. Estamos em 2010 e as vezes me sinto na era medieval. Enfim…

  23. Pensador RJ disse:

    Cada um acredita no que quer. O que não vale é querer forçar outros a acreditarem em suas crenças sem dar nenhuma evidência real.

    Alguém tem o vídeo do faquir sem comer nem beber por 10 ou 15 dias?
    Onde estão as credenciais dos pesquisadores?
    Quem auditou a pesquisa?

    Quer mostrar algo convincente, faça como o cara do moto-contínuo(Orbo): publique a câmera na web e dê a cara para bater, ainda que apanhe.

  24. jorge disse:

    Já vi na TV um grupo de brasileiros que também diziam que se “alimentavam de luz” e eram magrinhos…. alguém viu???

  25. Rondini disse:

    Esses sábios e paranormais indianos estão corretíssimos, assim como estão corretos nossos líderes evangélicos!
    Errados são os bocós que idolatram e enriquecem essa gentalha!

  26. Filipe Weiss disse:

    Com todo o respeito a quem acredita, o metabolismo humano é esclarecido a nível molecular (a maioria dos cofatores de reações metabólicas é amplamente dominado, a nível de gene). Imagine um quebra-cabeça de 5.000 peças, faltando apenas 10 peças para ser montado…será possível que essas 10 peças mudem totalmente a imagem já estabelecida? Não é impossível, mas é muito pouco provável. Se existe uma explicação metabólica pra isso, haveria o interesse de grandes empresas farmacêuticas (elas já movem céu e terra para sintetizar qualquer composto capaz de aliviar a dor, imagine um capaz de resolver a questão da fome!) e a ausência deste torna a situação muito pouco crível. Seria como alguém afirmar que encontrou uma reserva de petróleo/gás natural do tamanho do estado do Pará e apenas uma pequena companhia tomar parte na exploração com recursos próprios. Se alguém me explicar porque esse senhor não está recebendo milhões para contribuir com pesquisas farmacêuticas, ficarei muito grato.
    Afinal, a explicação mais coerente realmente é a ausência de controle nos estudos. E entendam que estudar o metabolismo de um indivíduo não é só trancafiá-lo em uma sala e filmá-lo para ter certeza de que ele não se alimenta.
    Também gostaria muito que alguém mostrasse os resultados do estudo do Dr. responsável, principalmente com a bioquímica hemática (amilase, lipase, glicose, albumina sérica, bilirrubinas, etc).
    E pra quem pega corda nessa conversa da pineal, favor começar lendo “Nauroanatomia Funcional” de Ângelo Machado e depois procurar se informar nos anais de Neurocirurgia/Neuropsiquiatria/Neurologia sobre a atividade dessa glândula para acabar com esse mito em cima de uma estrutura anatômica que, como tal, não é capaz de desafiar as leis da ciência.

  27. se uma pessoa passasse 70 anos sem comer já tinha morrrido ha muito tempo

  28. Nelson cravo disse:

    Pessoalmente, não acredito em tal noticia. Um homem estar 70 anos sem comer. Isto faz-me lembrar há uns anos atrás, um individuo a quem chamavam de «guarani« que se dizia ser cigano brasileiro, queria por força ser toureiro. E como os responsaveis, pela praça de touros do campo pequeno, em lisboa, Não acedecem ás aspirações do «guarani« este resolve fazer greve de fome,por tempo indeterminado junto da praça de touros. Por força queria tourear. No entanto, escapulia-se da «greve« de fome para ir comer bons bifes, a um estabelecimento de restauração, onde eu trabalhava. Por fim lá o deixaram tourear, onde o touro não teve compladência dele, com tanta marrada que levou. Se querem vender noticias, destas acabam por ninguem as comprar.

  29. Thiago disse:

    quem foi que disse q o sol é fonte de toda vida na terra?, n lembro mas a teoria faz sentido. vocês sao otimos pra criticarem mas duvido que alguem pesquisou a fundo as teorias de Hira Ratan Manek.

  30. renato grilo disse:

    Camaradas, não precisamos ir a Índia. Existe no interior de São Paulo um homem que afirma viver de luz. Ainda mais, oferece R$ 1 milhão pra quem (com filmadoras e equipe médica) provar que ele come e bebe qualquer coisa. Se vocês forem tão bom nos atos como são nas palavras vão lá e fiquem milhonários. (procurem CNSC: http://www.ceunossasenhoradaconceicao.com.br)

  31. Augusto disse:

    Não acredito que ele tenha ficado 70 anos sem comer. Acho um exagero, talvez uns 6, 9 meses. Bem possível.
    E a ativação da glândula pineal É SIM necessária para os processos espirituais, psíquicos e de energia. A meditação aumenta o poder sobre o próprio corpo através do domínio da energia espiritual. Não precisam ir buscar na Índia ou China pessoas que já desenvolveram essa capacidade em diferentes níveis. Aqui no Brasil mesmo, se vocês procurarem, irão encontrar pessoas sérias, honestas e que conseguem utilizar a energia espiritual para curas, telepatia e outros fins. Porém, é claro que existem os chalotões, por isso é preciso cuidado. Os sérios não buscam atenção da mídia, e só mostram suas “habilidades” a pessoas com interesses nobres e não a pessoas gananciosas interessadas em fama e dinheiro. Em suma, o espírito existe sim e nós todos possuímos um. Cada um tem o livre arbítrio de se aprofundar nos conhecimentos espirituais próprios quando bem quiser através da meditação conforme sua vontade.

  32. Fernando disse:

    Um dos motivos pelos quais envelhecemos são os radicais livres contidos na água que bebemos.
    Pelo que eu ouvi nas notícias, esse guru também afirma não beber água.
    A julgar pela aparência envelhecida desse guru, no mínimo, ele é um constante bebedor de água.

  33. Thiago disse:

    é por isso que prefiro leite
    rsrrsrssrrs

  34. carlos disse:

    muito bom o artigo do Mori!Alguem citou o prof Angelo Machado da UFMG que foi meu professor. Ele foi um dos maiores especialistas em pineal e escreveu uma obra só sobre a glandula após fazer um estudo da citologia de dezenas de pineais extraídas de cadaveres.
    è autor também do livro Neuroanatomia Funcional usado em todos os cursos de Neuranatomia do país(seja medicina,odonto,farmacia,biologia etc);Conclusão do prof Angelo Machado ,que diga-se de passagem é um espiritualista:Não existe na pineal nada a nível celular que indique essa suposta funçao psíquica ou paranormal!

  35. carlos disse:

    A Pineal está associada à produção de substancias neurotransmissoras como a melatonina e serotonina,mas daí a dizer que ela é a sede,o refugio da alma, vai uma distancia muito grande!
    Coitados dos indivíduos com tumor da pineal(pinealoma) que destroem a glandula toda! Sua alma ficaria sem sede,sem alojamento? E os individuos que tem a pineal destruida pelos ditos tumores e que sofrem tratamento e sobrevivem? A alma deles arranjou outra sede p/ se alojar?

  36. Adriano disse:

    …Enviado por Anônimo em 19 de junho 2010 às 20h30

    Sr LAZZAR e todo o pessoal cético, eu conheço um paulista que diz viver de luz, na qual debateu com céticos e desafio-os a uma aposta no site http://clubecetico.org/ que no final não sortiu resultado, pois os céticos desistiram e fecharam o tópico….

    Isso é de um comentário acima. Qual seria a aposta?

  37. Adriano disse:

    /*************
    Enviado por renato grilo em 22 de novembro 2010 às 20h00

    Camaradas, não precisamos ir a Índia. Existe no interior de São Paulo um homem que afirma viver de luz. Ainda mais, oferece R$ 1 milhão pra quem (com filmadoras e equipe médica) provar que ele come e bebe qualquer coisa. Se vocês forem tão bom nos atos como são nas palavras vão lá e fiquem milhonários. (procurem CNSC: http://www.ceunossasenhoradaconceicao.com.br)
    ****************/

    Ele aceita depositar essa quantia em juízo? se sim tenho como arrumar equipe médica e filmadores…mas quanto tempo ele fica sem comer e beber? Poste mais detalhes que eu quero ganhar esse 1 milhão.

  38. Adriano disse:

    no site acima tem um vídeo:
    “Xamã Gideon dos Lakotas falando sobre os beneficios do viver de luz com alimentação conjugada com o vegetarianismo” então viver de luz também vivo eu, conjugado com boa comida…

  39. renato disse:

    quero responder ao que falou em reality show. na discovery tem um documentario que fala de um novo buda, que foi filmado por 40 dias ininterruptamente. afirmar q a discovery é ou foi chalatã neste caso tb requer prova não é? a questao é q 70 anos nao foi comprovado,mas 30 dias em um caso e 40 em outro, tem varios órgaos e emissoras de tv que registraram.

  40. Rehtrew disse:

    Vim aqui me informar e só li bobagem, especialmente nos comentários.

    Se o sujeito conseguiu passar duas semanas sem beber água e em boas condições isso é um fato extraordinário.

    O que seria bom saber: a instituição que fez o monitoramento, se ela tem ou não ligações com o governo e como se deu esse monitoramento (inclusive seria bom se disponibilizassem os documentos que embasarão a pesquisa que está para ser publicada. Ponto. Isso é objetividade.

    O resto é argumento do tipo: existem vários charlatões na Índia, logo esse é charlatão também. Ou: o médico responsável fala bobagem, logo, o monitorado é charlatão, hahahaha.

  41. Samuel disse:

    Sem comer nao sei… Mas minha irma provou que um adulto pode sim viver de leite com nescau e bolachas!

  42. zelitro disse:

    como esse povo indiano é babaca.vive de fantasias religiosas alimentada pelo governo para desviar a atenção dos problemas sociais do pais,assim como no brasil que a midia faz com o futebol,carnavais e novelas da vida.india e brasil eternos paises em subdesenvolvimento.

  43. Moruba disse:

    Eu estou tres meses sem comer…uma vizinha lá da rua. to virando um faquir…

  44. Roberto disse:

    Gostaria de perguntar uma coisa: se realmente é possível “viver da luz”, então o problema da FOME na Somália, na Etiópia, e no Mundo estaria resolvido, não haveria mais guerras, é ISTO? Então ninguém mais precisaria de petróleo para cozinhar, se mover, etc. Outra coisa: se se vive da luz, então como o organismo se mantém durante a noite, no escuro? Só se o corpo humano for um acumulador químico – elétrico (igual a uma bateria automotiva?)…kkk

  45. djonatan disse:

    a maioria de cara aqui nos comentarios, so fala bobagens, parece que existe um tampão gigante na frente dos olhos!!!
    PQP…pq nao acreditar que a historia e veridica??? vao se tratar, pela mor…so inventao desculpas pra nao acreditar em coisas sobrenaturais!!!

  46. Ísis Krakatoa disse:

    Uma decepção perceber que querem a todo custo desacreditar a história se baseando no “absurdo” dela. Isso também não é nada científico. E as provas que os cientistas indianos estão manipulando os dados? Também não tem.
    Ceticismo é duvidar, e não julgar. E eu venho sempre neste site, confirmar histórias… na maioria das vezes possuem bons argumentos, mas desta vez deixaram à desejar.

    Infelizmente, por muitos pensarem como aqueles que escreveram este artigo, poucos cientistas se interessam por pesquisar este caso, ou tem investimento para tal. Apoio que outros cientistas investiguem. Por que quero saber a verdade, os fatos. Não sou uma hipócrita que é “crente” no conhecimento científico como “imutável”. A ciência muda. Porque não mudar para o improvável? Pode ser mentira. mas também pode ser verdade. Nada foi provado com este artigo.

  47. Shao disse:

    imagina só.. Nova onda do momento fazer fotossíntese, Mc Donalds ia dar um jeito de hidrogenar a irradiação.
    ehauheauheuahea adoro quando falam que a NASA ta investigando..
    Dizer que a NASA ta investigando, é o tipo de pessoa que chama um veterinário quando um prédio pega fogo..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *