MENU

Círculos nas plantações: agora em cores

Super-hiper-ultra-Coincidência Cósmica

23 de abril de 2007 Comments (9) Views: 19155 Ceticismo, Ciência, Fortianismo

Abelhas, celulares, Einstein e o Apocalipse


Com uma mistura de temas assim, não é surpresa que o tema chame a atenção. A história: a radiação de telefones celulares estaria afetando as abelhas, causando uma preocupante “Desordem de Colapso de Colônias”, que por sua vez poderia levar ao fim do mundo. Pelo menos segundo Albert Einstein, que teria dito que “se as abelhas desparecessem da face da Terra, a Humanidade teria apenas quatro anos de vida”. Confira o alarme dado na mídia em inglês ou em bom português.
MarcianitosVerdes comentou a história com justificado ceticismo. Mesmo a entrada na Wikipédia sobre a “Desordem de Colapso de Colônias” já esclarece que a notícia é basicamente baboseira. Embora as colônias de abelhas nos EUA estejam sim sendo afetadas e a diminuição de colônias não seja um bom sinal, grandes perdas são registradas desde os tempos do telégrafo ao fim do século retrasado. Não se sabe ao certo mesmo se há uma perda anormal em andamento aqui, e se há, suas causas são ainda mais incertas. Telefones celulares, em particular, muito provavelmente não são os vilões, já que sua radiação eletromagnética é relativamente fraca. Um estudo constatou uma possível influência negativa de ondas de rádio sobre colônias de abelhas, mas este envolveu bases de telefones sem fio inseridas dentro das colônias.
E quanto à citação de Einstein sobre o Apocalipse pós-abelhas? É tanto uma mentira, quanto não foi dita por Einstein. As fabricantes de mel são insetos importantes, mas os principais grãos que sustentam a humanidade não dependem de insetos para polinização. E o fórum Snopes discute o que o físico alemão não disse.
Mas há um detalhe interessante nesta história, que o blog revela com exclusividade. Há três anos os extraterrestres que criam os círculos ingleses já haviam nos alertado sobre tudo isso.

Tags: , , , , ,

9 Responses to Abelhas, celulares, Einstein e o Apocalipse

  1. Hugo Penteado disse:

    Seu comentário não tem fundamento científico nenhum. Em primeiro lugar, a comida só chega no seu prato porque há a polinização natural feita pelas abelhas. Segundo, a situação não é antiga – de onde você tirou essa informação? – é nova, surpreendente e muito preocupante de acordo com estudos já publicados em várias revistas. Último, porém não menos importante, a relevância da frase é justamente lembrar ao ser humano algo que ele esqueceu: nossa total dependência em relação à natureza. Nosso coração só bate porque há um ser vivo que armazena a luz do sol, o ar, vem do fitoplâncton dos oceanos. Ou seja, nossa arrogância será nosso fim, porque todos os seres vivos dependem de todos os seres vivos e nós estamos destruindo essa teia viva e os principais ameaçados somos nós.

    Peço portanto que me mande todos os artigos de revistas científicas que você deve ter lido para justificar tamanho descrédito de uma das maiores preocupações da comunidade científica, que, por sinal, não é a única.

    Hugo Penteado
    nossofuturocomum.blogspot.com

  2. Hugo Penteado disse:

    O wikipedia não disse em nenhum momento que o fim das abelhas é baboseira, bem como a discussão sobre a frase do Einstein, se é verdadeira ou não, é inconclusivo tb.

  3. Adriel disse:

    O ser humano em geral não se sente parte do meio ambiente,parte do mundo natural,arrogantemente acredita ser uma criatura vinda do além.Nem ao menos tenta pesquisar sobre a relação quimica que existe em tudo que tem vida ou não, aqui na terra.Pois queridos amigos,dizer que fazemos parte de um organismo vivo ainda é reducionista, tendo em vista a complexidade que é na verdade este sistema vivo que compreende tudo do planeta Terra.As abelhas polenizadoras são tão importantes para a perpetuação das espécies vegetais quanto os humanos são para este mundo.”O cancer da terra são os seres humanos”

  4. Carlos Chagas disse:

    E agora, quatro anos depois, com mais pesquisas confirmando o fato?
    Deviam se preocupar em atualizar as notícias deste site.
    Ps: Vide trabalho e credenciais de Daniel Favre.

  5. Adriel disse:

    Acordem para o que está acontecendo em diversas regiões do planeta, as abelhas estão se perdendo no caminho de volta para suas colmeias, estão morrendo aos milhões, e ninguém faz nada contra as pessoas que insistentemente utilizam veneno nas plantações de ,por exemplo, abacaxi .Essa lavoura exige uma quantidade enorme de veneno, e uma vez a abelha apenas passe voando perto da plantação, ela já estará condenada a morte.

  6. Carlos, o Esclarecedor disse:

    Não tem nada a ver com grãos mas sim com a Cadeia Alimentar.
    Sem abelhas não há polinização, se não há polinização não há reprodução da flora, sem flora não há animais, sem animais, não haverá raça humana.
    A frase é de inteligentes para inteligentes.

  7. ADRIEL disse:

    CHAMADO !Ei você que está lendo agora informações neste site,se manifeste contra a destruição da nossa casa”o planeta”,dos nossos familiares,”os bichos”,afinal somos todos produzidos do mesmo material
    terrestre.Lute de alguma forma contra a matança desenfreada dos bichos que acabam em tigelas de restaurantes finos só para satisfazer o paladar refinado dos vermes humanos.

  8. Carlos Alberto das Neves disse:

    Podemos pensar que o nosso planeta é um ser vivo, e quem governa seria a própria natureza, nós seres humanos quando ficamos doentes o óbvio é procurar a cura, não é difícil imaginar que a terra vai procurar a cura também só que no caso a doença seria a raça humana que em sua ambição destrói e isto nós condena.
    Não estamos fazendo o suficiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *