MENU
dronemodel32hjk.jpg

Ventilador Transformista: real e concreto

killathrill2hjk.jpg

O melhor piloto do mundo?

9 de novembro de 2008 Comments (11) Views: 2006 Ceticismo, Ufologia

OVNI dispara raio de luz… eletrônica

Um raio de luz vermelha se dirige ao solo do que se acredita ser um OVNI. The Sun recebeu ontem a filmagem dramática de uma nave misteriosa sobrevoando Bristol.

Shellie Williams, 20 anos, e sua mãe Betty, 53, o filmaram em seu telefone celular. Quando fizeram um zoom, também capturaram raios verticiais vermelho e brancoque não eram visíveis a olho nu”.
Do tablóide inglês The Sun: “What’s Zap?

Os “raios” são extremamente breves, próximos do fim do vídeo acima. Capturas de tela abaixo:

UFO_Bristol_Nov_2008_0000r

Como DamnData já notou, “dado quão trêmula a filmagem é e que foi filmada em um telefone celular (onde a imagem seria comprimida), o raio é perfeitamente reto, perfeitamente perpendicular e de cor consistente ao longo de sua espessura e comprimento”. Um sinal claro de que esse não era um “raio” real, além do detalhe de que nenhum deles foi visto a olho nu.

UFO_Bristol_Nov_2008_0001r

O que eram? Supondo que não tenha sido uma fraude, o que penso não ter sido, então foi provavelmente um (d)efeito comum em câmeras baratas, como aquelas em celulares.

blooming2Foram apenas exemplos de sangramento de pixels. Ele ocorre quando as fontes de luz excedem a capacidade do sensor da câmera. A sobrecarga vaza para pixels adjacentes, comumente seguindo a trilha de canais elétricos do sensor. Trilhas estas que são perfeitamente perpendiculares e retas.

Um vídeo praticamente idêntico, em que os raios foram causados pelo mesmo defeito do sensor, foi capturado em Bandenburgo, Alemanha, no mês passado.

O (d)efeito é corriqueiro em imagens capturadas por sensores digitais, e por isso mesmo, fonte de muita confusão – e alguma exploração por parte de mistificadores.

Há alguns anos, por exemplo, um grupo inglês fez barulho alegando que imagens de um satélite da NASA mostravam enormes discos voadores próximos do Sol, que por algum motivo sempre eram fotografados de perfil:

sohoanomalies32

Clique para os esclarecimentos oferecidos pela própria NASA. Uma busca por “Sun Cruiser” no Google, que é o nome dado a tais “naves gigantes”, é lamentável.

Imagens dos Rovers marcianos também costumam mostrar sangramento de pixels, como o instantâneo abaixo, em que o revestimento metálico da cápsula que protegeu a sonda espacial reflete a luz do sol e causa “raios”.

rovermarsbleeding2hjk

Se os raios são apenas efeitos de sensores eletrônicos sobrecarregados, o que eram os OVNIs? Bem, na filmagem inglesa, os “OVNIs” não parecem se mover, tampouco estão muito altos no céu. Aparentam ser meras luzes urbanas.

Seriam mesmo? Não sei, mas fossem o que fossem, não dispararam nenhum raio.

Tags: , , , , , , ,

11 Responses to OVNI dispara raio de luz… eletrônica

  1. Mestre Uranus disse:

    Saudações minhas crianças, venho em nome da Federação Das Galáxias perguntar se os ráios vermelhos que partem da luz branca foram apenas vistos depois que a filmagem foi feita e então reproduzida.

    Como todos vocês terrículas já devem saber, luzes que vocês chamam de infra-vermelhas e estão abaixo de seu espectro visível por seus olhos biológicos, podem ser capturadas por seus dispositivos fotográficos, como as luzes de um controle remoto.

    Em nossas brilhantes espaçonaves temos um equipamento gravimétrico que anula os efeitos gravitacionais gerados por seu planeta. Usamos para elevar vocês de suas confortáveis camas para realizar experiências sexuais. Como conseqüência do deslocamento dos átomos luz na faixa térmica é emitida, e mesmo ela não sendo visível por seu olhos, pode ser capturada por seus aparelhos fotográficos, ou outros dispositivos de visão noturna ou térmica.

    Pedimos desculpas, tentamos ser o mais discretos possível, pois estamos aqui para ajudar e não para interferir. Sua civilização está destruindo seu ambiente, seu planeta, criando aquecimento global, matando golfinhos, poluíndo a água, desmatando as florestas. E tudo isso pode ser solucionado se você se juntar ao nosso Projeto Paz & Prosperidade, obedecer nossos representantes na dimensão terrena, e doar seus excessos monetários para construírmos templos maiores para abrigar mais devotos.

    Em breve contactaremos você em um sonho astral e enviaremos o número da conta para depósito.

    Somos seus amigos. Viemos em paz. A amizade é universal.
    Fiquem na companhia do Nosso Senhor Jesus Cristo, Marechal Supremo De Andromeda!

  2. Wagner Luiz disse:

    Se eu quisesse aparecer, não me faltariam fotos e pequenas filmagens de luzes no céu para mostrar… Acontece que não sou muito chegado nessa de ficar “me exibindo” por aí. Acontece também que sei exatamente o que eram essas luzes e objetos no céu que eu já vi ou registrei (nada além de luzes de aviões, estrelas, faróis, satélites, esteiras de fumaça de foguetes e fogos de artifício, etc).

    Que caia um raio na minha cabeça se não estiver falando a verdade! Mas que seja um raio, não um sangramento de pixels

  3. Iuri Lando disse:

    Tudo já explicado pelo Mori, extrapolado para futuros casos de fraudes e com um molho de um fantástico humor intergalático do Mestre Urano, digno de a Praça é Nossa.

  4. Aécio disse:

    Po… Ta fo… de acreditar nessa explicação do site do ceticismo, viu? Querer comparar um raio de luz em cores, com direção unicamente pra baixo, com um flare? vai ser tonto assim na casa do raio que o parta.

  5. Mori disse:

    Aécio, não é um flare, é um sangramento de pixels, um efeito eletrônico, relacionado com o sensor da câmera. O “raio” segue as linhas de coleta de carga do sensor, e por isso é perfeitamente vertical em relação à imagem.

    É bem verdade que nos exemplos que encontrei e ilustrei na nota, o sangramento ocorre nos dois sentidos (tanto acima, como abaixo, ou nos dois lados). Porém, isso depende unicamente do sensor. Já vi imagens em que o sangramento ocorreu em apenas uma direção, apenas não encontrei um em uma busca rápida.

    Consulte especialistas em fotografia digital, eles poderão lhe confirmar que os “raios laser” aqui são apenas artifacts digitais.

  6. Com certeza disse:

    Puxa!!!!! Quantas certezas!!! Você deve comer Certeza ao molho de convicção todo dia, só assim mesmo para ter tanta certezas.

  7. Com ignorância disse:

    Puxa!!!!! Deve ser fantástico viver num mundinho onde as pessoas não tem nenhum conhecimento técnico!!! Devo comer páginas da bíblia sagrada porque fui banido da biblioteca publica e não posso mais me informar sobre nada real em livros didáticos!!! Fui banido dos laboratórios das escolas também porque não posso fazer nenhum experimento que reproduz os fenômenos que esses cientistas afirmam conhecer de cor!!! Ah é tão bom aqui no mundo mágico do desconhecido!!! rsrsrs

  8. sartori disse:

    hahahaha maçons submarinos do aceano pacifico que tem cidades avançadas no fundo do mar!!!
    o mestre uranus..pra quem não entendeu…UR ( no seu ) anus (vcs ja sabem…) um trocadilho infantil americano, que as crianças usam.
    nossa isso aqui ta muito engraçado…..hehehehehehehe

  9. […] OVNI dispara raios na Inglaterra? O melhor piloto de avião do mundo? O retorno do terrível Chupa-Chupa? Não, não e […]

  10. […] o caso à época e sugerimos que os “raios disparados ao solo” seriam apenas um exemplo de sangramento de pixels, “quando as fontes de luz excedem a capacidade do sensor da câmera. A sobrecarga vaza para […]

  11. alexandre disse:

    voces sao engraçadinhos en… um dia os extaterrestres se apresentaram para nós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *