MENU

Novembro Extraterrestre em CeticismoAberto!

Uma Mensagem de Fé em Despeñaderos

10 de novembro de 2009 Comments (36) Views: 3609 Destaques, Ufologia

Relatório sobre o OVNI no Acre

por José Américo C. Medeiros, da GEOGRUPO

Avistamento de OVNI (UAP) na Estrada Transacreana em 23 de outubro DE 2009

image001

GEOGRUPO – GEOCOMUNIDADE

1 – Histórico

Uma equipe de jornalismo de campo da TV Gazeta, da cidade de Rio Branco – Acre, reportou o avistamentos de OVNI (UAP) em torno de 01:40 Hora Local do dia 23 de outubro de 2009 sendo o fato fotografado e filmado.

A seguir a matéria foi levada ao ar na TV Gazeta, e publicada em seu site.

1.1 – ““ Fenômeno foi avistado à 01h40 numa área de floresta da rodovia Transacreana.

Ufólogo acreano analisa imagens de ovni na Transacreana.

As imagens estão entre as melhores do mundo, afirma ufólogo.

Mais um objeto voador não identificado, ovni, foi avistado pela equipe da TV Gazeta, no quilômetro 40 da Estrada Transacreana, por volta de 01h40 desta sexta-feira.

A equipe voltava de uma reportagem sobre um saque realizado por bandidos vestidos com uniformes de policiais federais, no quilômetro 90 da referida rodovia, quando notaram o objeto.

Ele era de forma oval, pairou sobre o horizonte por cerca de meia hora, à margem direita da rodovia e foi filmado pelo cinegrafista Jailson Fernandes.

Depois veio ao encontro dos repórteres e passou a uns cem metros da equipe, dando uma guinada em direção à floresta.

“Se eu não tivesse visto o que eu vi não acreditaria nos relatos de quem viu”, afirmou Fernandes, abismado com o fenômeno.

“No fundo do objeto apareciam também luzes semelhantes a estrelas”, narra Fernandes.

Segundo a equipe da TV Gazeta, a princípio se acreditou ser um jato comercial. “Mas não era, porque quando passou pela gente não fazia qualquer ruído”. O objeto, como pode ser visto nas imagens, emitia luzes de cores diferentes, rosa, vermelho e verde””.

2 – As Testemunhas

Foi testemunha Jailson Fernandes, cinegrafista da TV Gazeta, e o restante da equipe de campo da mesma emissora.

2.1- Os relatos das testemunhas

Não há data oficial por correspondência direta GEO e TV para que não nos atenhamos somente aos relatos disponibilizados pela emissora e seu website.

Convites para parceria na análise do evento foram enviados em nome da GEOGRUPO à Emissora de TV (e-mail datado 27/10/2009, reenviado em 29/10/2009), mas não foram atendidos até o momento.

3 – A hipótese aeronave

3.1Don Ledger, um reconhecido Ufólogo Canadense, assim se expressou ao receber o vídeo através da GEO:

“A primeira cópia que eu abri me pareceu estar em câmera lenta (Slow Motion) comparada com a outra que me enviou. Esta primeira mostrava a luz no corpo da fuselagem em uma frequência não comum em uma aeronave”.

A melhor cópia me convenceu que é uma aeronave a jato de médio ou grande porte piscando (flashing) o tipo “Strobe*”. As luzes de ponta de asa deveriam ser vermelhas (esquerda) e verdes (direita) e na maioria das grandes aeronaves atuais há duas luzes “strobe” piscando um lado, depois, em uma fração de segundo, a outra.

Eu penso que há uma dispersa e fina camada de nuvens que podem estar filtrando as luzes.

A um certo ponto eu vejo vermelha em um lado (esquerdo) e verde na outra, sugerindo que o objeto está voando se afastando da câmera.

Há uma luz contínua branca que provavelmente é a luz fixa no topo do estabilizador horizontal (asas traseiras) iluminando o leme de direção (rudder, cauda), para sua melhor visualização.

Esta luz se dispõe simetricamente convencendo-me o suficiente para dizer que é uma aeronave.

Mais informações são necessárias””.

3.2 – O Aeródromo

O Aeroporto Internacional de Rio Branco está localizado na zona rural do município de Rio Branco, no Estado do Acre.

Foi inaugurado no dia 22 de novembro de 1999 com uma característica única: este aeroporto mudou para um sítio localizado a 22 quilômetros de distância do antigo aeroporto.

O Aeroporto de Rio Branco atende à aviação doméstica, internacional, geral e militar, com operação de companhias aéreas regulares e táxis aéreos.

Por meio de Decreto Presidencial, a partir de 09/04/2009, o Aeroporto de Rio Branco passou a se chamar Aeroporto Internacional de Rio Branco-Plácido de Castro. O nome é uma homenagem ao coronel José Plácido de Castro, político e militar brasileiro que liderou a Revolução Acreana contra o domínio da Bolívia na região, entre 6 de agosto de 1903 e 24 de janeiro de 1903.

3.3 – Condições meteorológicas

O Aeroporto de Rio Branco operava em condições visuais noturnas, conforme o METAR válido para 01:00 hora local, 05:00 UTC, visibilidade acima de 10 km, vento zero, temperatura de 26°, temperatura de saturação do ar (dew point) de 23°, ajuste de altímetro de 1011 milibares.

image002 23/10/2009 SBRB 230500Z 00000KT CAVOK  26/23 Q1010

Nuvens esparsas (scatered) 4/8 a 10.000 ft;

Nuvens médias, poucas, a 1000 ft.

Esse quadro perdurou até 07:00 UTC

Figura 1

3.4 – Aeronaves operando em Rio Branco dentro do horário do avistamento

O ultimo pouso previsto seria de uma aeronave da companhia GOL linhas Aéreas, que opera aeronaves B-737-700 / 800, às 00:35 hora local.

A GEOGRUPO consultou a ANAC, Agência Nacional de Aviação Civil (Protocolo n° 19669-2009) sobre o efetivo pouso da aeronave GOL e quaisquer outras operações no horário do avistamento (-1  +2 horas), mas até o momento não houve resposta.

3.5 – Rota prevista de chegada da aeronave GOL

Seria conduzido em Espaço Aéreo Superior nos limites da UB554 (Fig 2)  no rumo magnético 305°, e pouso visual na pista 06 com possível apoio de procedimento por instrumentos conforme a carta de aproximação ILS / DME Z (Fig 3) quando teria que interceptar a posição CILA a 5.7 DME do VOR RBC.

image003

Figura 2

image004

Figura 3

3.6 – O Objeto no vídeo

Apresenta nitidamente um formato que sugere fortemente uma aeronave pela disposição de suas luzes, conforme ICAO:

“Em geral, uma aeronave possui dois tipos de sistemas luminosos: as chamadas ‘anticolisão’ e as de navegação”.

1) LUZES ANTICOLISÃO: As luzes anticolisão, como a própria designação sugere, servem para evitar abalroamentos aéreos e em geral são intermitentes, ou seja, piscam e, alternadamente. As regras sobre a navegação aérea prevêem que as luzes anticolisão devem, na melhor das soluções, ser intermitentes e alternantes (quando uma apaga a outra acende e vice-versa).

2) LUZES DE NAVEGAÇÃO: São aquelas que indicam a uma outra aeronave, controle no solo (…), por meios visuais, a atitude da primeira (posição, direção e sentido).

De acordo com a ICAO (International Civil Aviation Organization – Organização da Aviação Civil Internacional (sigla usada no Brasil)) do qual o Brasil é signatário sustenta: “Entre o por e o nascer do sol e durante qualquer outro período prescrito pela autoridade competente, toda aeronave operando em área de movimento (parte do aeródromo destinada ao movimento das aeronaves na superfície, como pátios de estacionamento, áreas de manobra, etc.), em vôo ou que se encontrar na água (hidroavião), exibirá luzes prescritas, a menos que se encontre numa área onde o seu uso for dispensável. Estas aeronaves não sustentaram outras luzes se estas puderem se confundir.” Ainda segundo as recomendações da OACI: As luzes de navegação – que se destinam a demonstrar a atitude da aeronave (sua posição, direção e sentido) – devem ser das seguintes cores e localização:

a) deve ostentar uma luz visível vermelha, sem obstrução, dentro de um ângulo diedro (figura geométrica formada por dois planos de mesma origem) vertical de 110º, medidos da proa (nariz da aeronave) para a esquerda.

b) deve ostentar uma luz visível verde, sem obstrução, dentro de um ângulo diedro vertical de 110º, medidos da proa para a direita.

c) deve ostentar uma luz visível branca, sem obstrução, dentro de um ângulo diedro vertical de 140º, simétrico em relação ao plano de simetria da aeronave e com a abertura voltada para trás.

– As luzes podem ser fixas ou intermitentes.

– Quando são exibidas como luzes intermitentes , poder-se-á exibir uma ou ambas as luzes adicionais seguintes:

I) uma luz branca intermitente visível em todas as direções, que alterne com o sinal luminoso emitido pelas luzes de navegação.

II) uma luz vermelha traseira intermitente , alternando com a luz traseira branca intermitente descrita em I.

Luzes anticolisão:

Quando as luzes de navegação são exibidas como luzes fixas, poder-se-á exibir uma ou mais luzes vermelhas intermitentes, adicionais e visíveis, do melhor modo possível, em todas as direções dentro de um ângulo de 30º acima e abaixo do plano horizontal do avião. Estas luzes se denominam, comumente, de “luzes anticolisão”.

– As intensidades mínimas das luzes especificadas são as seguintes:

LUZ VERMELHA: 5 unidades de intensidade luminosa

LUZ VERDE: 5 unidades de intensidade luminosa

LUZ BRANCA: 3 unidades de intensidade luminosa

– Adicionalmente, poderão ser instaladas luzes fixas indicadoras de ponta-de-asa e de mesma cor que as já descritas, desde que não hajam luzes de navegação instaladas no intervalo de 1,80 metro das extremidades das asas “

Lembrando Don Ledger, quando afirma:

“Eu penso que há uma dispersa e fina camada de nuvens que podem estar filtrando as luzes”.

A um certo ponto eu vejo vermelha em um lado (esquerdo) e verde na outra, sugerindo que o objeto está voando se afastando da câmera ““.

Notas

A – Havia nuvens na altitude de 10.000 ft, esparsas, e a 1000 ft algumas, (vide fig 1) conseqüentemente estava presente o fator mencionado por Ledger de filtramento da imagem com variações cromáticas.

B – O fator semelhança foi objeto de estudo comparativo através de vídeos de aeronaves pousando que confirmam (em parte) positivamente para as características de luzes avistadas e gravadas no vídeo da TV Gazeta, trazendo ainda, de forma adicional, a informação que o objeto (se aeronave) estaria abaixo de 10.000 ft*.

C – As luzes assinaladas nas imagens abaixo são assemelhadas às da figura 4 (duas idênticas, parte esquerda e embaixo), e resultantes da iluminação da fuselagem pelas Landing Lights ligadas (ON).

image005 image006

Vídeo 1 + Colagem com a Figura 4

Dentro desses conceitos as luzes observadas atendem às exigências ICAO.

3.6.1 – Os movimentos do objeto

O objeto foi filmado apresentando um deslocamento horizontal (“veio de encontro a nós” – vide reportagem), e outro vertical (“deu uma guinada em direção às árvores” – Vide reportagem).

Analisando-se o vídeo, observa-se que o objeto apresentava um ângulo de + ou – 20° em relação ao horizonte, para a direita, desde o seu surgimento na filmagem, aos 0:01:14 (Fig 4), até 0: 01:34 (Fig 5), quando nivela para ângulo zero.

image007 image008

Figura 4                                                                     Figura 5

Uma aeronave comercial com passageiros, programada por computadores, e estando acoplada ao piloto automático, realizará curvas com esse ângulo (bank), e qualquer piloto é treinado em simuladores para esse procedimento automático, ou manual.

Dificilmente pilotos conduzem uma aeronave comercial com ângulos superiores a 20° devido ao fator G que seria incomodo aos passageiros.

Após o objeto nivelar horizontalmente aos 0.01.34, sua trajetória passou a ser descendente, em linha reta e afastando-se dos observadores.

A percepção, nesse momento, em ilusão de ótica provocada pela curvatura da Terra seria a de que o objeto estaria descendo na vertical, apequenando-se, até desaparecer entre as árvores.

Outros movimentos bruscos são, e devem ser, creditados a movimentação da câmera, mas somente uma análise pericial do vídeo poderia responder com exatidão.

3.6.2 – A trajetória do objeto

Pela posição das testemunhas conforme a matéria jornalística, a 40km na AC90 (Transacreana), sentido oeste (fig 6 , ponto assinalado em azul), observa-se a filmagem de um objeto no setor Leste.

image009

Figura 6

A Aerovia Superior UB554 (Fig 2) provém do fixo Porto Velho (cidade do mesmo nome), por esse setor (leste) no rumo 305, o que coloca eventuais aeronaves, em condições meteorológicas como a assinalada no METAR de 05:00 UTC, visíveis a observadores principalmente nas descidas e abaixo dos 10.000 ft, ou após o “Approach Check List quando são ligadas as luzes de pouso fixas que provocam intenso brilho (conjuminado com a Strobe Light – Fhash de alta intensidade – Ver Checklist na fig 7).

image010

Figura 7

Nota-se o objeto a partir de 0:01: 14 minutos de filmagem em posição a leste dos observadores em inclinação lateral (bank) de 20° que, na hipótese aeronave, confirma operação em curva à direita descendo para 2000 ft acima do solo (Ground), em conformidade com a orientação para a interceptação do ILS DME Z rumo 064° (Figs 4 e 6).

Não temos o tempo exato da duração total do objeto em curva, há um lapso entre a afirmação “ele veio em nossa direção” e a efetiva filmagem disponibilizada, o que somente o vídeo original poderá definir, mas é presumida uma manobra para levar o objeto do rumo 305° até o rumo do localizador, 064°, num total de 114° de rotação.

Se aplicarmos uma constante de 2,17° por segundo, considerando-se uma velocidade de 210 kts na configuração limpa, i.é, sem flaps e trem de pouso recolhido, teríamos esse tempo em 52 segundos.

Foi utilizado, para cálculo, a tabela em “Aircraft Turn Information Calculator” no website

http://218.6.160.223/eng/prod04.htm

3.6.3 – Correta posição de avistamento do objeto

Pela figura 9, obtida pela inversão de cores da figura 5, podemos observar os pontos extremos A e B (luzes), e o eixo vertical Y, medindo AY 1,0 cm, e BY 0,85 cm.

Pela diferença de tamanho existente entre ambos os segmentos é percebido que os observadores estariam em posição levemente afastados da trajetória final do objeto, pois há algo sólido interpondo-se entre AY e AB causando sombreamento nas medidas.

Se prolongado o eixo do localizador até a interceptação da Rodovia Transacreana, figura 10, percebe-se que a melhor posição, para os observadores, seriam os km 28 – 30, não o alegado km 40, e a uma distância em linha reta de aproximadamente 17 km do marcador CILA.

image011

Figura 9

image012

Figura 10

O objeto descreveu uma trajetória em curva afastada pelo menos 40 km das testemunhas, e em uma configuração limpa, se aeronave, com as manetes em idlle (marcha lenta) emitindo ruído a 50 db.

3.6.4 – Ausência de som no avistamento:

“The CFM56 -7B (Fig 8) is itself a big step up for the 737 program. The original JT8D-9 engines in 1967 produced 75 decibel levels, enough to disrupt normal conversation indoors, within a noise contour that extended 12 miles along the take-off flight path.

Since 1997 with the introduction of the 737-700’s CFM56-7B engines, the 75-decibel noise contour is now only 3.5 miles long (7,04 km)”.

“To deal with increasingly stringent local noise requirements, the CFM56-7 will offer significantly less noise than its CFM56-3 predecessor, especially in approach phases.
Working closely with Boeing and taking advantage of CFMI’s extensive experience, will allow the CFM56-7’s development time to be shortened by about one year compared to previous CFMI programs.
First intended for the new advanced, short-to-medium range Boeing 737-700 aircraft, the CFM56-7 is also ideal for the 737-800 and 737-600 applications”

E, ainda, se considerarmos a configuração limpa na trajetória, vemos, com razoável acerto, apesar da ausência de informações objetivas públicas, que nada, ou próximo a audível seria percebido naquela (s) distância (s):

40 km (conforme reportagem) > 131.234 ft

17 km (posição dos observadores conforme item 3.6.3) > 55774,30 ft.

Um exemplo diário: uma aeronave avistada em seu nível de cruzeiro, supondo-se 33.000 ft (FL 330 / 10058,4 km), bem menos que as distâncias acima, e com potência bem mais alta que em idlle, não é audível.

image013

Figura 8

Conclusão

TEMPORÁRIA – AGUARDANDO A CONFIRMAÇÃO DOS HORÁRIOS DE POUSOS PELA ANAC

As peças aqui dispostas apontam a filmagem de uma aeronave de médio ou grande porte a jato, provavelmente equipamento da frota GOL que conta em sua frota com B-737 700 / 800, alinhando-se a GEOGRUPOS a ponderação de Don Ledger.

Essa aeronave procedia do setor sudeste pela Aerovia UB554, rumo 305°, e descia em condições visuais noturnas para a interceptação do ILS DME Z com pouso na pista 06.

Embora os testemunhos proclamem um OVNI (popularmente denominação para objetos chamados também como “Discos Voadores”), nada foi acrescentado, até o momento, para que novos subsídios possam alterar a presente conclusão.

image014

Figura 10 – Aeronave Gol B737-700 / 800

737-700 Technical Characteristics

Passengers

Typical 2-class configuration 126

Typical 1-class configuration 149

Cargo 966 cu ft (27.3 cu m)

Engines (maximum thrust) CFMI CFM56-7 26,300 lb

Maximum Fuel Capacity 6,875 U.S. gal (26,020 L)

Maximum Takeoff Weight 154,500 lb (70,080 kg)

Maximum Range 3,365 nautical miles (6,230 km)

Typical Cruise Speed  (at 35,000 feet) 0.785 Mach

Basic Dimensions

Wing Span 112 ft 7 in (34.3 m)
With Winglets 117 ft 5 in (35.8 m)

Overall Length 110 ft 4 in (33.6 m)

Tail Height 41 ft 2 in (12.5 m)

Interior Cabin Width 11 ft 7 in (3.53 m)

Alertamos a não serem criadas falsas expectativas para resultados que contrariem a presente análise se informado espaço de tempo entre a hora do avistamento (conforme testemunhas) e a hora real de pouso, ou pousos de aeronaves no Aeroporto Internacional de Rio Branco-Plácido de Castro, pela ANAC.

O GEOGRUPO permanece disposto, como comprovam correspondências emitidas para a ANAC, e TV Gazeta de Rio Branco – AC, a receber informações oficiais e da própria fonte, analisá-las, e a promover os ajustes necessários se for o caso neste documento.

O presente estudo foi ditado pela exigência da Ufologia em metodizar-se, e por considerar inconclusas alegações e ou relatos sem a devida investigação, o que a GEOGRUPO entende como princípio básico para as suas atividades.

Agradecimentos

Aos membros da GEOCOMUNIDADES do ORKUT que, com interesse, discutiram e propuseram soluções investigatórias para o evento.

Análise desenvolvida por:

José Américo C Medeiros, Ret. Capt.

GEOGRUPO

GEOCOMUNIDADES

Rio de Janeiro, 01 de novembro de 2009

Atualização 30/03/2010:

Jeferson Martinho, do portal revista eletrônica Vigília, oferece esta imagem indicando que no vídeo se poderia ver traços mesmo do logotipo da companhia aérea “Gol” no estabilizador da aeronave:

Este modelo virtual confirma a iluminação do estabilizador para destacar o logotipo da empresa:

Que pode ser confirmada também em uma fotografia de um dos aviões da frota:

Tags: ,

36 Responses to Relatório sobre o OVNI no Acre

  1. Renegades disse:

    Podem ser consideradas também as luzes do trem de pouso caso a aeronave estivesse fazendo alguma operação de pouso. Se perigar é um X-UFO ou Helicóptero RF.

  2. Creyçon disse:

    F-117A Stealth “avião invisível”

  3. CET!CO disse:

    PROVAVELMENTE É COMPUTAÇÃO, MAS GOSTARIA QUE FOSSE ANALIZADO O VÍDEO ABAIXO:

    http://www.youtube.com/watch?v=yyIysV5AUak&feature=related

  4. Breno Domingues disse:

    caro capt.José Américo C Medeiros,
    parabéns pelo estudo apresentado à este caso de”avistamento” em Rio Branco-AC. Sou piloto a 37 anos (A330-200 capt.) e tenho um filho que é piloto da GOL (brevetado desde 1998/4 anos na GOL). Desde que vímos o vídeo da TV Gazeta postado no YOUTUBE, identificamos ser um Boeing da GOL e pelo horário,efetuando o vôo 1908 procedente de Brasília. Meu filho inclusive efetuara o vôo 1908 próximo à data da filmagem. Acredito que nem todos os avistamentos podem ser explicados, porém neste caso tudo indica que seja realmente o BOEING em aproximação.Eu ainda não conhecia o “GEOGRUPO”. Mais uma vez,congratulações pela pesquisa séria realizada ! Breno Domingues

    • Mauricio disse:

      Pessoal.
      Sinceramente, nem precisa de tudo isso pra dizer que é um avião, como citado pelo Breno. É de admirar os comentarios dos jornalistas na reportagem. Pra mim isso foi tudo encenação dos mesmos para promover a reportagem.
      Desculpe, mas quanta ladainha por algo tão óbvio.
      Mauricio

  5. Nicácio disse:

    capt.José Américo C Medeiros…

    Infelizmente esse seu relatório foi necessário. Explico o porquê….

    Sou de Rio Branco, Acre, e vi essa reportagem. Não trabalho com avião, mas quando vi essa reportagem, não precisei de muito esforço mental pra perceber que isso obviamente era um avião. Talvez uma ilusão de ótica em relação a proporção objeto-horizonte, ou infelizmente, a sede por audiência, pode ter ajudado a esse vídeo vir a tona como “extraordinário”…

    Uma emissora que se preze, deveria vir antes com uma análise de toda e qualquer matéria, mas o que temos, é uma corrida desregrada por expectadores…

    O que me deixa triste são as pessoas acreditando nisso sem analisar a situação, o que aqui foi muito bem feito, não vêem que sempre existe uma explicação pra tudo (inclusive a existência de ETs pode ser uma delas).

    Tenho minhas convicções e fé, mas no todo o resto, o ceticismoaberto, é um dos melhhores sites sobre tal assunto que já vi….

    Parabéns e continuem assim…

  6. Tatiana disse:

    Como disse Nicácio: Nem foi preciso muita análise para ver que isso é um avião, e já achávamaos pela cor da cauda, que poderia ser Gol ou Tam. O que me preocupa é que esses embustes, que anteriomente eram feitos por garotos que querem aparecer, agora são feitos por emissoras de TV atrás de audiência a qualquer preço! Isso faz com que se desacredite os vídeos verdadeiros e que se passe por ridículo qualquer pessoa que acredite!
    Achei muito sério o que foi feito pela TV Gazeta da Rede Record. E tenho certeza que isso não foi um ledo engano, pois quando se teve a oportunidade de focar o avião, “perderam” a imagem e qando zoom foi possível havia claro movimento da mão do cinegrafista: UM CINEGRAFISTA PROFISSIONAL NÃOS CONSEGUE FICAR UMA CÂMERA!
    Muito sério!

  7. JFS disse:

    A jornalista está um pouco apavorada com o assunto, devido a outros avistamentos reais de ovnis azulados no acre, que já presenciou. Pode ser também um helicóptero Americano.

  8. Rodrigo disse:

    Obviamente que é um UFO, quem vai querer voar até o Acre ? É muito longe!

  9. Rodrigo disse:

    caralho um mega estudo fizeram pra axar o bumerangue do chuck norris
    =/

  10. Sergio disse:

    Eu acho que o Citicismo Aberto é um site mantido por alguma organização secreta que tem o objetivo mascarar estorias reais ,mostrando fatos que dificilmente uma pessoa em sã conciência iria confirmar.

    Nossa quantos fatos ! quanto estudo emahens etc, para concluir que era uma aeronave terrestre?

    Se continuar assim nao teremos mais Ufôlogos no mundo…

    Droga!

  11. Helio disse:

    Seria tragico se não fosse cômico.
    É claro que é avião né, minha gente.
    Acho que esse pessoal do Acre nunca viu um avião voando no céu durante a noite ou então o pessoal da Record resolveu inventar como disse Tatiana.

  12. Junior Nery disse:

    Parabens pela pesquisa… GEOGroup mostrou ser algo sério de credibilidade.

  13. Jocke and Leela disse:

    I believe this is a UFO because its no other explanation for it. If it was a boing it would travel by side so its not. If it was the military harrier plane it would make sound. If it was an helicopter it would also make sound.
    This one was totaly soundless so how is the explanation for this?

    There is no explanation for it. Other than its a UFO. And maybe coverups by powerfull people that can hide the truth from people.

    It could be a baloon with attached lights but i dont believe so.

    I believe this video clip can be true if its not been tampered with after with digital or animated fx.

    Not all things are fake.

    The truth is out there /// Jocke and Leela.

  14. Sergio disse:

    Eu pessoalmente acho que é um OVNI pelas luzes.Moro em área de aproximação do Internacional do RJ e estou acostumado a ver aviões e helicopteros à noite e ainda não encontrei nenhum com aquelas luzes. Daí a ser identificado como da GOL e ate o n do voo essa foi demais me desculpe mai fico mesmo com a hipotese UFO.

  15. Ainnem Agon disse:

    Não é mais fácil medir as distâncias entre as luzes (strobes brancos e verde e vermelho), e comparar a proporção delas no vídeo frente à proporção delas no 737? Se bater, acabou o debate.

  16. Paulo Jr disse:

    Esse GAZETA ALERTA é um mais um daqueles programinhas sensacionalistas baratos. a propósito, seus repórteres têm ensino fundamental?

  17. Paulo Jr disse:

    Sérgio diz: “Eu acho que o Citicismo Aberto é um site mantido por alguma organização secreta que tem o objetivo…”

    Sérgio, então você não é CÍTICO?

  18. Marcos disse:

    Boas tardes a todos !
    Eu acho que é um UFO. Há testemunhas (que certamente conhecem avião), não há som e há a manobra brusca (guinada) depois de chegar perto das testemunhas. Sem querer desmerecer ou desqualificar ninguém, afirmar categóricamente que é um avião convencional, desculpem, mas para mim é improcedente.
    Só para terminar, compreendo que seja difícil para quem nunca viu um UFO acreditar em sua existência – é coerente esta posição, afinal, acreditamos naquilo que conhecemos e/ou que já tenhamos visto.
    Abraços a todos.
    Marcos

  19. marco antonio disse:

    vi um pequeno ponto no ceu e seguia em linha reta e as vezes a luz brilhava como uma estrela e apagava, que as vezes nem dava pra o ponto de repente o ponto ia aumentando e a luz brilhava de novo e assim foi em linha reta, nao era cometa, nao era meteorodo e nem aviao.o que era?

  20. Vanhelder disse:

    As luzes de uma aeronave comercial ou militar piscam,é só observa´las voando a noite, não ficam acesas direto ok?

  21. ivanserafim disse:

    pois então. até quando aeronautica. nasa.governo e autoridades. e principalmente pessoas comum, terá desencia,e coragem para asumirem que nâo estamos a sós neste universo? quando è que adimitiremos que somos obiservados por seres ext, terrestres? Aposicâo de nos colocarmos como ridiculos è pois à maior iginoransia da qual temos que vencer. so entâo comesaremos à enchergar o que estar eminente.

    • Pasquale disse:

      Primeiro deixe de ser ignorante e escreva corretamente.

      desencia = Decência
      asumirem = Assumirem
      adimitiremos = Admitiremos
      obiservados = Observados
      ext,terrestre = extraterrestres
      Aposicâo = A posição
      iginoransia = Ignorância (essa doeu)
      comesaremos = começaremos
      enchergar = enxergar (aí)
      estar= está

      Fora os acentos e construções de frase.
      Me dá angústia ver esse tipo de comentário. Leia mais e se informe mais, depois volte.

      • Romario barros disse:

        Como vcs céticos são um bando de babacas idiotas
        ,a inteligência de vcs é muito limitada para entender um a coisa que sempre existiu , não é uma opinião de vcs céticos que vão mim fazer acreditar ou não , quem tem um mínimo de inteligência sabe que isso existe as evidências estão todas aí , eu tenho pena de pessoas céticas são pessoas vazias, simplesmente negam, negam, e negam.

  22. ivanserafim disse:

    governo e autoridades competentes . subistimam a copasidade de uma toda naçâo.fazendo com que as evidençias claras. sejam redicularizadas por suas teorias

  23. ivanserafim disse:

    as autoridades competentes.redicularizam-nos. e subistima-nos a respeito do que eles nâo qerem que saibamos da verdade nâo revelada. pois qual seu obigetivo de nos esconder-nos do que vemos mas nâo entendemos? dizem que nâo devemos acreditar no que nos dizem . mas qerem oprimir nas coisas que vemos e temos certesa. cuidado.manifesto-me,para que vos nâo vos deixem enganar…

  24. LEx disse:

    Se isso não é um “avião” o meu carro não é um Fusca…

    (o\|/o)

  25. Richardson Abreu disse:

    Bom dia a todos. Eu moro no Norte de Minas Gerais e trabalho no ramo da mineração com georreferenciamento. Eu já ví essa luz por 2 vezes na região da Cordilheira do Espinhaço aqui em Minas. Ela ficou parada no ar por mais de 50 minutos. Como que um avião fica PARADO NO AR? Quem quiser ver esse objeto basta acessar o programa Google Earth e procurar com um Zoom aproximado na região da Cordilheira do Espinhaço que irá encontrá-la, ela começa em Belo Horizonte e termina na Chapada Diamantina na Bahia (em Janaúba – MG ela aparece muito – perto da barragem nas serras). O satélite fotografa ela sempre. Eu consegui medir seu tamanho pelo Google Earth, ela possui mais de 12 metros e quando está parada emite uma luz muito forte na cor branca. Várias pessoas aqui já viram.

  26. Marcos Natan Trindade disse:

    é a banda restart fazendo com seu jatinho fazendo turne pelo acre , certo das luzes coloridas asuuashuashhuashuas :D

  27. Rafael disse:

    Por favor investiguem o video do cetico. Impressionante Cetico.

  28. Rafael disse:

    Esse caso realmente tem boas chances de ser aviao da gol, mas esse video do cetico e a coisa mais impressioanante que vi. Inacreditavel

  29. luister disse:

    e um aviao se encaixa perfeitamente

  30. Romario barros disse:

    Como vcs céticos são um bando de babacas idiotas, a inteligência de vcs é muito limitada para entender o que sempre existiu, não é uma opinião de vocês céticos que vai fazer eu acreditar ou não, as evidências estão aí só acredita quem não quer, ou quem tem um mínimo de inteligência,vcs céticos são pessoas vazias interiormente, tenho pena de pessoas assim apenas negam, negam e negam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *