MENU

Meu encontro com um “paranormal”

Virando a mesa

31 de janeiro de 2006 Comments (10) Views: 1714 Ceticismo, Ufologia

Vaticano acredita em ETs?

No maior país católico do mundo, é natural que ufólogos busquem apoio do Vaticano para suas crenças. Para eles, o monsenhor Corrado Balducci teria caído do céu: “Exorcista oficial do Vaticano crê em OVNIs” ou “uma das mais importantes autoridades da Igreja Católica acredita na existência dos discos voadores e defende seu estudo”. Uma busca via Google revela mesmo sites adventistas ou espíritas divulgando a notícia.

Já em 1998, quando tais afirmações circularam inicialmente pelo mundo ufológico, o pesquisador italiano Edoardo Russo falou diretamente com Balducci. Foi uma conversa interessante, já que Russo esclareceu com o Monsenhor Corrado Balducci que:

1) Ele não é um teólogo do Vaticano

Corrado Balducci explicou em detalhe para mim que é apenas um de milhares de teólogos na Itália (a maior parte dos sacerdotes católicos jovens tem uma graduação em teologia) e não é nenhum teólogo especial. Ele não está trabalhando no Vaticano, e está aposentado agora. Além do mais, não existe algo como um “teólogo do Vaticano”: o mais próximo seria um “teólogo do Espírito Santo” (um teólogo arcebispo ancião agindo como consultor ao Papa).

2) Ele não é um membro de qualquer comissão do Vaticano sobre contatos extraterrestres. Não existe nenhuma comissão desta natureza.

Ele riu muito sobre a própria noção de uma comissão secreta do Vaticano sobre contatos extraterrestres, a qual ele me assegurou que não existe, mesmo que ele não trabalhe no Vaticano (ainda possui muitos amigos e colegas por lá e me disse que saberia). Ele me autorizou a negar formalmente, em seu próprio nome, que ele nunca foi membro de tal comissão nem nunca ouviu falar dela. Quanto ao rumor de que embaixadas do Vaticano coletariam dados sobre contatos com extraterrestres para passá-los ao Vaticano, ele me disse que eles têm coisas melhores e mais importantes a fazer, e nada dessa natureza seria mesmo remotamente crível.

3) Ele não está estudando OVNIs ou contatos extraterrestres

Ele insistiu que é especializado apenas em demonologia, e suas preocupações atuais são sobre crenças Nova Era e novas religiões. OVNIs e ETs não são seu campo de pesquisa, ele nunca escreveu ou apresentou ao Vaticano qualquer documento nesse assunto (“nem mesmo duas linhas”). Sua opinião atual sobre OVNIs é que devemos confiar nos testemunhos, de forma que não podemos negar que algo está sendo visto. Sua opinião atual sobre seres extraterrestres inteligentes é a de que, SE ELES EXISTEM e SE ALGUM DIA FIZERMOS CONTATO com eles, eles PODEM ser seres superiores a nós espiritualmente. SE ISSO FOR VERDADE, um contato poderia ser desejável a nós.

4) Ele não tem estado falando sobre OVNIs/ETs na TV tão freqüentemente quanto se afirma

Ele não se lembra de ter sido um convidado na televisão sobre o tema OVNI/ET tanto quanto cinco vezes nos últimos meses, embora ele provavelmente o tenha ao longo de alguns anos.

5) Ele nunca falou em nome do Vaticano

Tudo que ele tem dito sobre OVNIs ou seres extraterrestres, na TV ou em outros lugares, tem sido sempre sua opinião pessoal ou mesmo algumas hipóteses selvagens baseadas em lógica e seus próprios sentimentos. Ele não se sente nem qualificado nem autorizado a falar em nome do Vaticano, que o faria de meios mais formais. Nem ele expressa opiniões oficiais ou não-oficiais da hierarquia do Vaticano.

6) Ele nunca autorizou qualquer entrevista a “Nonsiamosoli”

Ele ficou pasmo ao saber que toda uma série de citações fora de contexto têm sido vendidas como uma “entrevista” no boletim e website “Nonsiamosoli” de Giorgio Bongiovanni, já que ele tem uma opinião muito negativa sobre Bongiovanni e seu grupo e até mesmo o confrontou na TV (ironicamente: em uma das transmissões citadas nessa mesma história”) e disse publicamente que ele não acredita que os estigmas de Bongiovanni venham de Deus.

Mas ele se lembra de ter autorizado uma entrevista televisiva a Michael Hesemann, no ano passado, e de ter dito a ele as mesmas opiniões que são relatadas acima. Ele imagina se essa é a fonte original, embora largamente deformada na história circulada subseqüentemente.
[Fonte: UfoUpdates, 1998]

Russo ainda escreve:

Muitos comentários podem ser somados aos pontos acima, mas sinto que é melhor não adicionar nada às declarações simples do próprio clérigo. Paranóides sem dúvida irão clamar por uma obscura operação de encobrimento, e os deixaremos com suas fantasias. O que resta é o fato de que a história das declarações oficiais do vaticano sobre ETs, como circuladas na internet, são sem dúvida uma fraude. Outro fato é que a verdade não foi encontrada por aqueles disseminadores de boatos ansiosos em promover qualquer história absurda sem checar tediosamente suas fontes, mas sim por ufólogos sérios. Sintam-se livres para citar, enviar e distribuir o acima onde desejarem.

Neste jogo de espelhos deformados criado por ufólogos, mesmo o padre jesuíta Oscar Quevedo, na mesma entrevista em que fala de “mosquitos fosforescentes”, já havia corrigido alguns pontos das alegações. Mas em bom português — e boa sensatez — Andréia Tschiedel já havia esclarecido o tema em 2004, no site BURN.

A exploração e exagero das declarações do teólogo especializado em demonologia, todavia, não devem acabar tão cedo.

Tags: , , , , ,

10 Responses to Vaticano acredita em ETs?

  1. mas….os ets acreditariam no vaticano?

  2. MARIO CESAR BERNARDINO disse:

    Sou Tradutor e pesquisador da questão Vida Extraterrestre/UFOlogia, achei muito interessante da divulgação do Vaticano e os ETs, mas como observador acho que ainda é muito cedo pra tecer tal fato. De toda forma gostei da maneira em que o assunto foi publicado pela mídia. Já é hora de se manifestar sobre o assunto.

  3. wilmar santos disse:

    Parece que Balducci acabou funcionando como “boi de piranha”. Seria arriscado demais para o Vaticano assumir de cara algo assim, mas, ao mesmo tempo, é preciso começar a preparar o povão para o dia em que a Igreja precisará do argumento “nós nunca dissemos que “eles” não existiam!” (para manterem alguma credibilidade)! E com isso fico pensando em como os muitos sites de céticos na internet sobreviverão a esse dia, já muito próximo, quando não será mais possível
    ridicularizar as milhares (milhões?) de testemunhas do fenômeno ovni! Prevejo que migrarão para a verdadeira questão do momento: Quem são e o que querem aqui conosco?

  4. […] pergunta como poderiam ter esquecido que a declaração de Funes não é inédita, basta lembrar do festival que foi feito com as declarações de Corrado Balducci, supostamente “teólogo do […]

  5. Rafael disse:

    Olha, sinceramente nao acho que o Vaticano esteja escondendo alguma coisa do povo, alias, o sacerdote apenas afirmou que esses boatos que correm pela net de que o Vaticano alegou existir extraterrestres é mentira, e ele nunca disse nada em nome do Vaticano. Ele apenas deu suas opniões pessoais assim como eu tenho a minha e vocês a de vocês.
    E esta é minha opnião, abraço.

  6. fabio roberto disse:

    Como bem sabemos esse assunto é de segurança nacional e esta sujeito a autoridade millitar de cada pais,porém,o que vemos e ouvimos sao relatos biblico que nenhum papa,sacerdote ou autoridade civil pode negar ou manipular. O profeta Ezequiel não estava drogado, nem havia hesteria coletiva quando de sua visão no cap 01e cap 10.Eu creio que Jesus deixou bem claro sua natureza alienigina ao afirmar não ser ele deste mundo como alguns dos escolhidos para a missão de anunciar as coisas celestias que para este mundo e os que nele habitam é loucura.Vede 02 CO,CAP 12VC 01-04.
    Hoje os ufologos chamam isto de abidução.ok

  7. José Paulo disse:

    É isso aí. Ceticismo pra riba de uns poucos corajosos do Observatório do Vaticano, e acreditemos nas Cartas Oficiais do Vaticano. Boa pedida.

  8. g lima disse:

    Ao Ceticismo,
    Balducci não é qualquer teólogo do Vaticano. Ele foi acessor de João Paulo II.
    Participou sim de entrevistas explicitamente defendendo a forte possibilidade da existência de sêres (angelis)mais dotados que os humanos, vindos de outros planetas. Aparece acompanhado em mais de uma ocasião por Paola Harris, controversa repórter “Ufológica”, que lhe serve de intérprete.
    “Diz-me com quem andas…”
    E no final o que vale é o conjunto da obra: milhões e milhões de relatos e depoimentos, em vários países, investigados e catalogados. É necessário pesquisar um pouco fora da inernet e não ter preguiça de ler alguns livros. Abrçs

  9. MARIO CESAR BERNARDINO disse:

    No momentos em que estamos vivenciando a expectativa de “2012”, onde rumores estão sendo articulados sobre o
    Fim dos Tempos… esta revelação do VATICANO referente
    a Presença Extraterrestre entre Nós, nós tras de certa
    forma um grande alívio, já que Somos Todos Extraterrestres.
    MÁRIO TRADUÇÕES

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *