“Onde está todo mundo?”

O físico Marcelo Gleiser comenta o paradoxo de Fermi para a revista Galileu:

A pergunta do título foi feita pelo grande físico italiano Enrico Fermi a alguns de seus colegas de Los Alamos, o laboratório americano onde, entre 1942 e 1945, foi construída a bomba atômica. Fermi não se referia a uma lista de convidados para uma festa. Sua preocupação era com os seres extraterrestres que, supostamente, deveriam já ter nos visitado.

Clique para ler a coluna completa: “Onde está todo mundo?”. Temos vários artigos sobre o paradoxo aqui em CeticismoAberto, incluindo um relato pouco conhecido sobre suas origens, uma divagação sobre sua profundidade e mesmo um contra-ponto.
[Coluna na Galileu indicada por João Luís na GEO comunidade do Orkut]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *