MENU
salyut6_contato01.jpg

A Incrível História do Contato da Salyut-6 com Extraterrestres

caso_falconlake.jpg

A História de Stefan Michalak: Extraterrestres Desnecessários

12 de abril de 2011 Comments (370) Views: 23090 Ufologia

FBI confirma o caso Roswell? O memorando Guy Hottel

guyhottel_azteccrash

O FBI americano lançou um novo sítio, “uma nova sala de leitura eletrônica” curiosamente batizada de “The Vault”, ou algo como “O Cofre”. Com mais de 2.000 documentos acessíveis e disponíveis para pesquisa e consulta eletrônica com alguns cliques, a iniciativa lembra muito – e alguns diriam, pode soar como uma tentativa deliberada de confundir-se com – o projeto “The Black Vault”, uma iniciativa não-governamental iniciada em 1996 disponibilizando arquivos governamentais que já foram secretos. Além de ser uma iniciativa popular de mais de uma década, o The Black Vault já acumula mais de meio milhão da páginas.

A nova e muito mais modesta versão do FBI vem chamando atenção pelos documentos relacionados a temas como OVNIs, incluindo o Caso Roswell e MJ-12, Mutilações Animais, Percepção Extra-Sensorial e muito mais. Há mesmo os arquivos do FBI de personalidades como Carl Sagan.

fbivault

A página inicial do “The Vault” do FBI já deixa claro que todos os arquivos haviam sido liberados publicamente – ainda que nem todos tivessem sido disponibilizados eletronicamente. Ainda assim, supostos especialistas em áreas como OVNIs parecem surpresos com tais documentos. São ufólogos que parecem desconhecer a ufologia, e em especial, um memorando que se destaca e tem sido citado em relação ao Caso Roswell.

Consiste de apenas uma página, de autoria do agente especial Guy Hottel em 22 de março de 1950, endereçado ao diretor do FBI, então ninguém menos que J. Edgar Hoover. O que ele diz soa bombástico:

“Para: Diretor, FBI
Data: 22 de março de 1950
De Guy Hottel, SAC, Washington
Assunto: Informação relativa a Discos Voadores

A informação seguinte foi fornecida ao agente especial XXXXX. Um investigador da Força Aérea declarou que três assim chamados discos voadores foram recuperado no Novo México. Eles foram descritos como sendo circulares em formato, com centros elevados, e aproximadamente 50 pés [15 metros] de diâmetro. Cada um era ocupado por três corpos de forma humana mas apenas 3 pés [1 metro] de altura, vestidos em uma roupa metálica de textura muito fina. Cada corpo estava enrolado de forma similar a trajes usados por [speed flyers] e pilotos de teste. De acordo com o informante Sr. XXXXX, os discos foram encontrados no Novo México devido ao fato de que o governo possui um sistema de radar muito potente naquela área e se acredita que o radar interfere no mecanismo de controle dos discos. Nenhuma avaliação adicional foi tentada pelo agente especial XXXXX relativa ao acima”.

Discos voadores acidentados? Pequenos corpos de homenzinhos em trajes metálicos? Novo México? Radares interferindo com mecanismos de controle dos discos? É natural que quem conheça a ufologia moderna lembre-se de Roswell. Ocorre que este memorando, apropriadamente, não está na pasta referente ao caso Roswell. Infelizmente não está identificada como deveria ao caso de que deriva: o Caso Aztec.

Nunca vi, sempre acreditei

Se você nunca ouviu falar do caso Aztec, mas sim do caso Roswell, é fácil colocar-se a par da história: praticamente todos os detalhes do caso Roswell são originais do caso Aztec. O disco acidentado, os destroços recolhidos e levados para a base aérea de Wright Patterson, os corpos de prováveis e pequenos alienígenas, as propriedades extraordinárias do material do disco voador, mesmo a tentativa do governo de encobrir todo o caso. Todos estes elementos surgiram não com o caso Roswell em 1947 – que só ressurgiria com estes detalhes décadas depois, quando Charles Bertliz finalmente o venderia para um grande público em 1980 – mas sim com o caso Aztec, divulgado em 1949 na coluna da revista de fofocas “Variety” de Frank Scully, que logo venderia um livro sobre o tema.

AztecCrashMain

Um dos motivos pelos quais o caso Aztec foi rapidamente esquecido é o fato de que toda a história foi criada por uma dupla de estelionatários que seriam expostos alguns anos depois. Sillas Newton circulou a história, promovendo um misterioso “Dr. Gee”, um alto cientista do governo que revelava toda a história, mas que era apenas seu comparsa, Leo GeBauer. Aqui estava o golpe: através de engenharia reversa, a tecnologia alienígena permitiria, entre tantas coisas… encontrar petróleo e ouro. Era um golpe muito antigo de vender máquinas miraculosas a investidores com muito dinheiro e pouco ceticismo, vestido com a mais recente e moderna história, a de um disco voador acidentado.

Newton e Gebauer eram golpistas convincentes, enganando muitas vítimas. Não se sabe se enganaram, ou se colaboraram com Frank Scully, porque o livro “Behind the Flying Saucers”, com todo o conto, vendeu e rendeu muito bem também ao jornalista. É aqui, finalmente, que entra o FBI, Guy Hottel e J. Edgar Hoover.

newtongebauer

Bill Moore rastreou como o conto dos estelionatários chegou ao memorando. Newton contou a história a George Koehler, da estação da rádio local KMYR em Denver. Koehler contou a Morley Davies, que contou aos vendedores de carro Murphy e van Horn, que contaram ao colega Fick, que contou ao editor do Kansas City Wyandotte Echo. A história chegou à mídia, mas depois deste longo telefone sem fio, Newton havia sumido da história e Koehler havia se transformado em “Coulter”. Do noticiário, o conto chamou a atenção do agente do Escritório de Investigações Especiais, que é o agente especial mencionado, e que completou o caminho de Newton a Guy Hottel. Que enviou o memorando ao diretor do FBI.

Em 1998 este memorando, já liberado, provocou certo estardalhaço enquanto alguns pesquisadores OVNI tentaram promovê-lo como prova de que a história do acidente em Aztec, a despeito do envolvimento dos estelionatários, seria real. Como se o fato de que um agente especial tivesse ouvido uma versão da história e não se interessado em investigá-la lhe conferisse alguma credibilidade. Seja como for, o memorando não é nenhuma novidade, e se o FBI não o tivesse listado como um tópico separado em seu “Cofre” eletrônico é possível que não chamasse tanta atenção. E é muito provável que seja logo esquecido outra vez, e então “redescoberto” em mais alguns anos.

Desinformação

Que a história do mais famoso caso ufológico da atualidade, o caso Roswell, tenha sua origem no conto de dois estelionatários pode soar inacreditável, mas em uma área onde os “especialistas” desconhecem a história da própria área a que se dedicam, e em que acreditam, tudo é possível. Você encontrará um livro sobre a suposta queda de discos voadores em Aztec, o próprio livro de Frank Scully, publicado em 1950, mas não encontrará livros sobre o caso Roswell publicados antes da década de 1980. Roswell era uma nota de rodapé na ufologia, conhecido por outros nomes e confundido mesmo com o próprio caso Aztec.

Mas nem tudo se resume a criticar a curta memória da ufologia.

Newton e Gebauer não inventaram a história do disco acidentado do nada. Tudo começou com uma brincadeira publicada pelo editor do jornal Aztec Independent Review em 1948 sobre um disco acidentado com pequenos homenzinhos de Vênus. Uma brincadeira jornalística, como a que circularia mesmo em uma famosa foto logo depois, inspirou os estelionatários. Se o diário de um estelionatário pode ser confiado, entretanto, Newton escreveu que após sua identidade ser revelada, ele teria recebido a visita de dois agentes do governo. Ao invés de silenciá-lo os agentes teriam lhe dito que sabiam que a história era falsa, mas que… Newton e Gebauer deveriam continuar a contá-la! Em troca, eles protegeriam a dupla. Seja a história verdadeira ou não, quando a dupla foi finalmente condenada por estelionato em 1952, receberam apenas sentenças de prisões suspensas.

E então relembramos como esta história absurda, em praticamente todos seus detalhes, seria ressuscitada em associação ao caso Roswell décadas depois. Mesmo o detalhe a respeito de sistemas de radar interferindo com discos voadores ressurgiria, e muitos o julgariam novo, ainda que estivesse lá, desde 1950, vindo direto da imaginação de um golpista condenado. Mesmo os desenhos criados em 1986 para ilustrar o caso Aztec em um livro não muito conhecido parecem ter sido inspiração direta para moldar a imagem muito conhecida da figura da Autópsia Alien em 1995, veiculada a milhões de lares em horário nobre pelo mundo.

aztecalienautopsy214h1

Repetidamente, o caso Aztec figura como um ilustríssimo desconhecido, um marcador que mancha e se sobrepõe em outros casos, sendo ele mesmo sempre esquecido. A situação lembra companhias de cartografia que inserem ruas inexistentes em seus mapas. O objetivo é localizar plagiadores: aqueles que simplesmente copiarem seus mapas, acabarão por copiar inadvertidamente as ruas inexistentes. Apenas aqueles que realmente explorarem o território saberão distinguir as ruas reais das inexistentes.

A ufologia popular reproduz com enorme ênfase os detalhes do conto do caso Aztec, a ponto das ruas inexistentes destacarem-se mais do que qualquer avenida real. Aztec é o marcador que denuncia o triste estado das lendas ufológicas. Será realmente surpresa que basta ao FBI divulgar o memorando Guy Hottel sem oferecer um contexto para que entusiastas e mesmo veículos de mídia tenham automaticamente associado-o a Roswell?

A melhor forma de suprimir uma informação não é negá-la, é deixar que ela se perca em meio a um estrondoso ruído. Como céticos, e ao expor fraudes, pretendemos diminuir o ruído e mapear um terreno desconhecido, mas as ruas inexistentes são por demais atraentes, e muitos preferirão mapas imaginários à realidade que possa existir à nossa frente.

– – –

leia mais

Tags: , , , ,

370 Responses to FBI confirma o caso Roswell? O memorando Guy Hottel

  1. Felipe disse:

    Quantos meses vocês podem apostar que o FBI logo vai desmentir esse caso??

    Agora vai começar as trollice.

  2. Nihil disse:

    Não vai demorar e os ufólatras vão trollar e fazer mimimi. Nem perderei o meu fazendo mais de um comentário.

    PS: querem apostar quanto que o Marcelo virá aqui e falará que é tudo obra dos Iluminatis?

  3. Felipe disse:

    Engraçado que são só 5 sites “oficiais” que dão essa noticia, e o resto é de ocultismo…

  4. Nihil disse:

    Esse tipo de papo não chama atenção de sites “sérios”. Só obscurantistas costumam abordar. A FBI pode até ter arquivado algo sobre isso, mas duvido muito tenha algo a ver sobre ETs ou algo do gênero.

    PS: segundo comentário… Foda-se! Não prometi nada para ninguém. :P

  5. LEx disse:

    Eu só vou começar a discutir depois que o Marcelo postar a explicação dele para o caso.

  6. Alex lekko disse:

    O texto também é um ato de desinformação , fala de algo que aparentemente está vinculado a outro assunto por ser da mesma época o que no fim não quer dizer nada. Enfim, falou, falou e não disse nada.

  7. Adriano disse:

    Mori, off topic, aqui na sua página existe o link para o fórum, porém no fórum não existe o link pro site…minha sugestão é que exista.

  8. Marco disse:

    Nossa hein… dessa vez vocês foram rápidos…

    Não sabia que céticos acreditavam na teoria da conspitação de que “roswell” foi uma contra informação…

  9. Felipe disse:

    Mori é meio difícil discutir esse assunto quando não se tem um site sério realmente digno de fonte^^, vamos esperar mais um pouco pra ver se o FBI vai se pronunciar…

  10. LEx disse:

    Felipe em 12 de abril 2011 às 14h32,

    Felipe, acorda irmão! O FBI nunca se pronuncia sobre nada. Pelo contrário….

  11. Adriano disse:

    Não entendi Felipe, olha a 1a frase do artigo:
    O FBI americano lançou um novo sítio, “uma nova sala de leitura eletrônica” curiosamente batizada de “The Vault”, ou algo como “O Cofre”.

    além de disponibilizar você quer que expliquem timtim por timtim? :)

  12. Felipe disse:

    Entrei no site do FBI e não achei nada…

  13. Mach disse:

    Não há porque o FBI se pronunciar se o memorando foi traçado como pertencente ao caso Aztec e este é uma fraude comprovada. É apenas um exemplo de especulações dentro da ufologia alimentadas pela ignorância de sua própria história. Está tudo aí no artigo.

  14. Alison disse:

    adoro esse site e sempre costumo linkar em forums pra por um ponto final nas discussões, mas cade as fontes sérias sobre isso? a sede de desmistificar tudo tem que ter bom senso na apuração de fatos, não é pq em Varginha tem gente lucrando com trecos de ET que toda a historia tenha sido forjada pelos vendedores, né. Estou a dias lendo todos esse documentos relacionados e até agora não vi nada aparentemente baseado em “boatos de golpistas”

  15. Nihil disse:

    “Eu só vou começar a discutir depois que o Marcelo postar a explicação dele para o caso.”

    Hahahahahahahahahahaha! Aiaiai! Seu gosto me pareceu bizarro, LEx. Mas achei divertido. ;) E sabe de uma coisa?

    Eu só vou começar a discutir depois que o Marcelo postar a explicação dele para o caso.[2]

    Também quero me divertir. :)

  16. João Santos disse:

    Ma-ma-ma, me-me-me, “mi-mi-mi”, mo-mo-Mori !

    O clássico – e polêmico – Caso Roswel teve todo um dessarolar e uma investigação na época mas, como todos os outros, jamais saberemos o que houve de fato. Até porque as testemunhas, militares e civis, já foram todos “pro saco” há muito tempo. Os quem tiveram acesso ao incidente, se vivos fossem, jamais confirmariam os fatos, “no presuposto de serem verdadeiros”. Posto que, agentes de inteligência são rigidamente selecionados, instruídos e treinados emocionalmente para lidar com quaisquer circunstâncias e guardarem absoluto sigilo – tenho alguma noção do que estou dizendo.

    Se a CIA, o FBI ou, mais propriamente, a FAA quisessem “matar o caso” – e muitos outros dessas casuísticas insólitas – deveriam fazê-lo por ocasião da sua efervescência, na gênese do mesmo, isto é: em 1947. Convenhamos que, 54 anos depois, é um pouco tardio. Até os ditos “picaretas” – pois sempre os haveremos – também devem estar revirando em seus túmulos, por não poderem replicar às nossas divagações, digo, indagações.

    • Mori disse:

      João, o Caso Roswell foi morto no dia seguinte pelos militares americanos, e esquecido por ufólogos por 30 anos. O primeiro livro sobre Roswell é de 1980.

      Histórias sobre corpos alienígenas associados a Roswell, por exemplo, só surgiriam nesse “resgate” do caso décadas depois. Em nenhum documento de 1947, ou mesmo ao longo de todas as décadas de 1950 e 1960 você encontrará qualquer referência a corpos alienígenas associados diretamente a Roswell.

      Pesquise. É a história da própria ufologia.

  17. João Santos disse:

    Correção: 64 anos depois!

  18. João Santos disse:

    E esse memorando ‘tá bem caidinho, hein! Parece cópia feita em mimeógrafo escolar !..

  19. João Santos disse:

    Enfim, já que esses ETs raramente aparecem públicamente, o que é uma pena, poderiam ao menos fazerem visitas domésticas, pois gostaria de uma mãozinha na minha saúde: depurar o meu sangue, curar das minha prisão de ventre e também me livrar das hemorróidas – amigo é pra essas coisas!

  20. Fabicatólico disse:

    Não entendi a “desmentida”. Tá, pode não ter sido Roswell, mas isso é só um detalhe sem importância na minha opinião. O que importa mesmo é o seguinte: Afinal os corpos são fraudes? Foram encontrados ou não discos voadores?
    Mesmo que o caso seja o Aztec.

  21. João Santos disse:

    Falando sério,o desarolar do Caso Roswell não bate muito com o que eu li aqui. A começar pela manchete do jornal da cidade, Roswell Daily Record, DATADO DE 8 DE JULHO de 1947 – PORTANTO NA OCASIÃO DO INCIDENTE – onde reporta: “RAAF Captures Flying Saucer On Ranch In Roswell Region”, depois diz: “Nenhum detalhe do objeto foi revelado”.

    Também não fala diretamente de corpos, mas de INDÍCIOS DE QUE HAVIAM CORPOS, DEVIDO À PROCURA POR CAIXÕES HERMÉTICOS POR PARTE DOS MILITARES e ainda poque QUERIAM SABER DO AGENTE FUNERÁRIO COMO PREPARAR CORPOS QUE FICAM MUITO TEMPO NO DESERTO E SE OS PRODUTOS EMPREGADOS PODERIAM MODIFICAR A QUÍMICA DOS CORPOS.

    Posteriormente os militares exibiram um balão destruído – sempre os balões – a fim de descontruir o que eles próprios tinham declarado anteriormente, evidentemente, por ordem superior.

    Há também relatos dos AS FAMOSAS DESINFORMAÇÕES, OS SILENCIADORES E SUAS AMEAÇAS.ETC.

    A meu ver, o caso ainda é um tanto controverso…

  22. João Santos disse:

    Mais doidos no pedaço – O Caso Westendorff:
    PARTE 1: http://www.youtube.com/watch?v=Vb_OKJKVqac&feature=related
    PARTE 2:http://www.youtube.com/watch?v=LRI5-yKoDGg&feature=related

    Mais uma fraude?

  23. LEx disse:

    MAR-QUE-COISA!

    Os piás aí parecem que não entenderam nada de coisa alguma….

    1) “Uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa…”
    Um caso se desenrolou sobre o outro, mas se o primeiro foi MENTIRA o segundo é o que?

    2) “Cópia de mimiografo”?
    Ué, esse documento é do século passado, esperavam o que? Arquivo digital criptografado em 256bits?

    3) O lance todo nem foi diagnosticado um “mal entendido” e sim uma mentira, para que gastar tempo e dinheiro para achar o pé de feijão?

    4) “…matar a causuistica insólita”?
    Mas o que tem de insólito em uma mentira se não a própria mentira?

    Galera, não adianta dar um CtrlC/CtrlV para o Word e mandar ele resumir esse tipo de texto, quem tem preguiça de ler é melhor usar um leitor automático então.

    OFF-PS: Nihil – hahahahahahaha…. Olha o que o Marcelo escreve… E depois eu que sou bizarro? ehehehe…. Pelo menos temos um ponto de partida, é o outro ponto da balança. Mas acho que da última vez tu assustou ele (eu te disse) de verdade e ele sumiu daqui… Ou está lendo o Pequeno Principe… ahahahahahahahah….

  24. Felipe disse:

    Alguem me diz uma coisa,foi mesmo o FBI que crio o tal do site, porque andei por todo o site do FBI lá e não achei nada mencionando a criação dele, nem link eles postaram pra tu ver o site alguem tem como confirma que foi o FBI que crio?

  25. Ricardo disse:

    Mesma coisa de sempre..Mori fala fala e não diz nada…Ou faz de tudo pra depreciar o fato..
    Mas ainda sim está de parabéns..deve ser realmente dificil argumentar com o Nihil pendurado em suas bolas.

  26. LEx disse:

    Felipe em 13 de abril 2011 às 09h53,
    .gov quer dizer que é do governo, certo?
    Até dá para hakear uma locação, mas dá muito trabalho e o “lucro” é pouco. Dessa forma, acho muito pouco provável que o Governo Americano deixaria alguém usar uma locação do governo, usando o sufixo do governo (vault.FBI.gov) e não fazer nada… Portanto, o site é do FBI sim.

    Ricardo em 13 de abril 2011 às 09h55,
    Brow, sabe porque a bíblia e outros livros “santos” são escritos em forma de parábolas?
    Justamente para confundir quem está lendo, e fazer com que o “condutor” direcione o “ensinameto” para onde ele quer. Da mesma forma acontece ao contrário, quem não aceita determinado fato, acha que se fala muito mas não diz nada, simples assim, céticos ainda são mal vistos porque não falam o que os outros querem ouvir.
    Eu por exemplo, não gosto de Futebol e muito menos de pagode… ahahahahahaha!!!!!

  27. João Ferrari disse:

    Comecei a acreditar em conspirações mundiais, iluminatis, espiritos (buuuuuu), duendes, fada do dente, dilma, etc…
    Pq certamente tem alguma coisa no ar (será a HAARP??) impedindo as pessoas de pensarem…
    Isso não pode ser só burrice, preguiça, ou necessidade de acredita em qualquer besteira!

    Pq nenhum crente refuta o fato de nunca ter aparecido algo sobre roswell antes de 1980?
    Baita encobrimento MIB?

    -> Uma colega minha jura que os cientistas da NASA escondem as fotos da nave do ashtar sheran, que se mantem oculta atras do LADO SEMPRE ESCURO da lua. Vou virar eremita…

  28. Rodrigo Aguiar disse:

    O assunto OVNI, UFO, ALIEN, EXTRATERRESTRE, é demasiadamente mistificado.
    Dada a imensidão do universo, estranho se apenas na Terra houvesse vida.
    Dada os aspectos físicos dado por “Deus”,aos seres que vivem neste pequeno ponto azul que flutua na vastidão deste espaço escuro e frio, e pelas observações que fazemos dos corpos celestes que nos rodeiam, temos indícios que indicam inexistir vida inteligente em nosso sistema solar. Para que possamos desvendar os mistérios do universo seria necessário viajar à velocidade da Luz, porém, nossa tecnologia não nós permite viajar à velocidade na luz, sem nos transformamos na própria luz (queimar), então ou esperemos que os seres celestes nos visitem, ou então, devemos esperar um dia compreendermos como ultrapassar as barreiras da Lei da Física, para um dia visitar outros sistemas solares onde possam existir vida, e vida inteligente, pois animais e bactérias nos temos aqui.

  29. Rodrigo Aguiar disse:

    A propósito, usar a Teoria da Evolução para atacar a fé religiosa, ou a Teoria da Criação para atacar uma teoria científica me parece coisa de uma civilização sem fé, e nada evoluída.
    Crianças, cresçam !

  30. Fabio disse:

    Hã… papel aceita qualquer coisa, não?

    Documentos podem ser fraudados.

  31. LEx disse:

    Que bonito Rodrigo.
    Dá até para virar música esse texto aí… Estou falando sério…

    Concordo em alguns pontos. Não acho que sejamos a única forma de vida do universo, seria muita mediocridade achar isso, mas dizer que somos o “chão de fábrica” também é demais, há fortissimos indícios que já existiu vida em Marte, e alguns dizem que possívelmente ainda há… Porém em forma de bactérias, não é?

    Quanto a Queimar na velocidade da Luz, isso aí eu não concordo, quem disse que queimaremos nessa velocidade? E quem disse que a maior velocidade possível é a da luz?

  32. LEx disse:

    Rodrigo Aguiar em 13 de abril 2011 às 12h06

    Rapaz, tu tá parecendo o Mister M. (leia-se Marcelo) falando…

    Somos sim sem fé, e somos sim sub-evoluidos. Somos apenas produto da uma cultura que visa o menor esforço.

  33. Rodrigo Aguiar disse:

    LEx

    Usei o termo “fé”, no sentido de que é necessário acreditar de forma positiva, em tudo aquilo em que empreendermos esforços para que se concretize, e não apenas no significado religioso da palavra.

    Quanto a queimar, me referi ao fato de que se um objeto “físico” viajar na velocidade da Luz, seria necessário empregar tanta energia que objeto iria se desmaterializar.

  34. João Santos disse:

    Caso Roswell.
    Veja imagens recuperadas de noticiários da época “que não são fraudes” – PARTE DO VÍDEO EM PRETO E BRANCO: http://www.youtube.com/watch?v=Qzlx_sG9Rcw
    O cara que aparece no início do vídeo é John Lear – um dos pilotos mais experientes e condecorados dos EUA – Pois esse MALUCO afirma que surpreendeu aliens ao vivo, enquanto se dirigiam ao comando de uma base militar na Inglaterra! E o pior é que ele está bem velhinho e teimando com essa fábula! Ô sujeito maluco, sô!

    Sabe quem não acredita em OVNIS? Os que nunca viram um! E não é que esses tais são mais convictos que aqueles que vivenciaram o fenômeno!!!

  35. LEx disse:

    Rodrigo Aguiar,

    Ok, é que para mim fé tem o mesmo significado que tapa-olho. eheheheheh….

    Esse lance da luz, acho que daria um artigo infinito. Na verdade eu imagino que um objeto se movimentanto na velocidade da luz ou superior, ele criaria aquele efeito de “estar em vários lugares quase ao mesmo tempo”, dessa forma, ele não está desmaterealizado. Quanto a gastar energia para atingir a velocidade da luz, isso caberia ao propulsor e ao combustível e não ao objeto em si. Faça a experiência usando um Disco de Newton, use as cores que quizer, mas antes de roda-lo faça uma brecha nele mas sem cortar a bordas, gire ele ao máximo que conseguir, tu vai perceber que o disco vai sumindo e tu vai começar a enxergar do outro lado. Use um motor elétrico de preferência. Acho que o resultado será parecido com a tal desmaterialização que tu falou.

  36. s. hAIL disse:

    Ola amigos. Eu vim do planeta Krypton e digo a voces: existem aliens sim, não ignorem isso..
    Abraço a todos!!

  37. Rodrigo Aguiar disse:

    Teoria da Não Evolução.

    Aliás, voltando ao conflito Evolução x Criação, a teoria da “Evolução” é controversa.

    Salvo engano, pois não sou especialista, as formas de vidas mais primitivas na Terra, são as bactérias.

    Afirmam os evolucionistas que as bactérias não evoluíram para uma forma de vida mais complexa devido seu “organismo”, encontrar-se perfeitamente adaptado as condições ambientais atualmente existente.

    Assim, não sendo a evolução uma “Lei Natural” que incida sobre todos os seres vivos existentes na Terra, a capacidade de “evolução” depende muito mais do “código genético hereditário que é passado entre os seres de geração à geração”, do que da seleção natural.

    Pois usando como exemplo as bactérias, a capacidade de evoluir não é igual para todos os seres, se fosse todos os seres deveriam evoluir da mesma forma, dentro do ambiente que mais lhe favorece.

    Aliás, a “paleontologia”, com a descoberta de registros fósseis, indica somente a existência de seres com estaturas e formas ósseas diferentes, mas dentro do aspecto geral de sua espécie, o que é perfeitamente compreendido pelo fato de haver fartura ou não de alimentos em determinadas épocas da história da Terra.

    O próprio Homem na história contemporânea (devido ao grande avanço científico) vem aumentando sua estatura vertiginosamente.

    Não tenho conhecimento de registros fósseis de seres hibridos, que demonstrem nadadeiras transformando-se em patas, assim, diante das minhas próprias conclusões, ouso dizer que o quê existe não é uma dita “evolução”, mas uma capacidade de adaptação de cada espécie, influenciando em sua estatura e em outros aspectos, todavia sem modificações que lhes tranforme em um ser com caracteristicas diferentes dos seus antepassados. (claro isto com base no fato de que as bacterias não sofreram nenhum tipo de evolução explícita, mesmo sendo os seres considerados primitivos0.

  38. João Santos disse:

    Se eu acreditasse em tudo que viesse da CIA, do FBI ou da NASA, no que se refere a OVNI, também acreditaria no Bispo Macedo ou no Urandir. Principalmente quando, “POR PURA BONDADE”, RESOLVEM DESCLASSIFICAR UM “DOCUMENTO(?)”, OU ALGO ASSIM, APOS 64 ANOS!” Demorado, não? Por que não o fizeram na época? PORQUE É MAIS FÁCIL APAGAR TUDO DEPOIS QUE A POEIRA ASSENTA, EVIDENTE !

    E NÃO É QUE ESSA TÁTICA ESTA NA MODA! VEJAMOS ALGUNS CASOS NACIONAIS:

    OPERAÇÃO PRATO – “ILUSÃO COLETIVA”, inclusive CONTAMINANDO toda equipe da inteligência da FAB, a médica do posto de saude, o prefeito, etc. O povo só estava abandonando a cidade porque “A ILUSÃO” era uma delírio epidêmico, mais forte que o crack, nem LEXOTAN NA VEIA CONSEGUIA ACALMAR!

    CASO VARGINHA – As testemunhas confundiram o suposto alienígena com um mudinho, muito conhecido delas, que vive agachado, e devia também estar fazendo alguma necessidade fisiológica – isso explica os olhos vermelhos e esbugalhados, as veias estufadas e, claro, a cor marrom-cocô da pele.
    – Só deixaram de mencionar os depoimentos: dos familiares do agente Marcos Chereze, de uma senhora que viu a mesma criatura em outro ponto da cidade, do casal de fazendeiros e do veterinário que notificou as mortes súbitas dos animais no zoológico da cidade – MAS ISSO SÃO DETALHES MENORES, NÉ?

    A NOITE DOS OVNIS SOBRE O BRASIL – Esse ainda está muito difícil de desconstruir, porque os radares registraram, e MÁQUINAS NÃO SOFREM DE ALUCINAÇÃO! Mas quem sabe daqui a 64 anos, né?

    O CASO WESTENDORFF – Esse ainda está fresquinho na fila…
    PARTE 1: http://www.youtube.com/watch?v=Vb_OKJKVqac&feature=related
    PARTE 2:http://www.youtube.com/watch?v=LRI5-yKoDGg&feature=related

    O CASO THIAGO MACHADO – Esse teve umas 160 restemunhas, nem os peritos da FAB contestaram – mas também não anunciaram aos quatro ventos, né?

    AGÊNCIAS GOVERNAMENTAIS NÃO PODEM CONFIRMAM ALGO DO GÊNERO – mesmo no presuposto de serem autênticos – principalmente porque estão “a serviço da ordem social”, não de assuntos polêmicos. Elas são na verdade craques na desinformação. Pensem nisso!

  39. João Santos disse:

    Mori, por que você está censurando meus comentários???

  40. João Santos disse:

    Mori, pode editar meus comentários na parte que julgar ofensiva ou imprópria, pois não é essa minha intenção. Muita das vezes um frase irônica realmente pode ser mal interpretada.

  41. João Santos disse:

    Mori, realmente meu último comentário não deve ser publicado. Eu mesmo vou editá-lo, OK? gRATO.

  42. Mach disse:

    LEx em 13 de abril 2011 às 13h55
    “… E quem disse que a maior velocidade possível é a da luz?”

    Ora, foi Albert Einstein quem disse. É da teoria da relatividade restrita que também prevê a dilatação temporal que ocorreria caso algum corpo alcançasse uma velocidade próxima a da luz. Assim se uma nave viajasse a uma velocidade próxima da luz por um século do ponto de vista dos observadores da Terra, do ponto de vista dos tripulantes da nave só teriam passado algumas décadas (é o paradoxo dos gêmeos). Se não considerar retornar ao ponto de partida, seria uma boa notícia no que diz respeito a viagens espaciais.

    Sobre “corpos se tornando luz”, não lembro de ter lido nada a respeito (e acho que não seria exatamente “queimar”… ). O que sei é que cientistas já experimentaram o comportamento de partículas à velocidade próxima a da luz em aceleradores de partículas, inclusive comprovando o fenômeno da dilatação temporal.

    Deve haver algum leitor deste site que entenda melhor do assunto, que possa explicar ou me corrigir caso eu tenha dito alguma besteira.

  43. Nihil disse:

    “Não tenho conhecimento de registros fósseis de seres hibridos[…]”

    Serve esse daqui?

    http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/9/9d/Archaeopteryx_lithographica_%28Berlin_specimen%29.jpg

  44. Nihil disse:

    Sobre a velocidade da Luz. Ondas (eu disse ondas!) de rádio e outros tipos pode superar a velocidade da luz, assim como a expansão do Universo pode estar ocorrendo mais rápido da luz (há quem diga que quando o Big Bang ocorreu a expansão foi milhares de vezes mais rápida que a luz!).

    Ah, sim. Táquions, uma partícula que só existe hipoteticamente, pode superar a velocidade da luz também.

    http://en.wikipedia.org/wiki/Tachyon

  45. Rodrigo Aguiar disse:

    Nihil,

    O fóssil é bem interessante, e me parece um pássaro, se vc olhar bem o “contorno”, dá até para ver algo semelhante à uma pena na “cauda” e no contorno das “asas”.

    Mais isso prova o quê? que haviam serem parecidos com passáros à milhões de anos atrás?

  46. Rodrigo Aguiar disse:

    Mach,

    Eu li em algum lugar que se a “matéria”, viajar na velocidade da luz, transformariam-se em energia, vou pesquisar e ver se acho isso denovo.

  47. Rodrigo Aguiar disse:

    Nihil,

    Obs.: Mais isso prova o quê? que haviam seres parecidos com passáros à milhões de anos atrás?

  48. Rodrigo Aguiar disse:

    A velocidade da luz no vácuo é de aproximadamente 300.000 km/s, sendo considerada a velocidade limite.

    A matéria é formada por átomos ou moléculas(que aqui chamaremos de partículas) e dependendo da temperatura e da pressão ela fica com determinado estado físico: gasoso,liquido e solido. No estado liquido e gasoso as partículas ficam vibrando e em constante agitação, já no estado solido as partículas ficam só vibrando, ou seja, quanto maior for a temperatura na matéria, maior será a agitação e vibração das partículas,

    A energia cinética está relacionada com a velocidade e a massa, ou seja, quanto maior for a velocidade ou massa do corpo maior é a sua energia cinética e maior a sua temperatura.

    Onde a energia está em função da massa e velocidade.

    Visto que a temperatura nada mais é que medida da velocidade de agitação das partículas como fica evidenciado na equação: , onde k=1,38 × 10-23 J/K é a constante de Boltzmann. Então se a matéria conquistasse a velocidade(c) de 300.000 km/s ela desintegrava pelo fato do aumento da temperatura e a agitação e vibração fortíssima das partículas.

    Fonte: http://pt.wikibooks.org/wiki/A_velocidade_da_luz_(c_)_na_materia)

  49. Nihil disse:

    “O fóssil é bem interessante, e me parece um pássaro, se vc olhar bem o “contorno”, dá até para ver algo semelhante à uma pena na “cauda” e no contorno das “asas”.

    Mais isso prova o quê? que haviam seres parecidos com passáros à milhões de anos atrás?

    Sim e não. Archaepterix é o mais famoso fóssil transicional que conhecemos. É uma espécie de “réptil-ave”. Mas hoje é sabido que muitos dinossauros terópodes tinham penas. Ainda hoje temos seres assim, que estão “estagnados”. Um exemplo? O ornitorrinco. Meio mamífero, meio ave, meio réptil, meio anfíbio… Só não é meio peixe também por não ter brânquias e escamas…

  50. Nihil disse:

    Rodrigo Aguiar, ondas e a expansão do Universo podem (e atingem) atingir velocidades superiores a da luz. Agora a matéria… bem, então uma Enterprise é impossível.

  51. Felipe disse:

    Comentarios de quem não entende sobre teoria da evolução me fazem rir muito, vocês que acham a teoria da evolução errada são um bando de antitecnológicos, que acham que toda a maquina e todo o ser humano vai mata ou destruir, quanta hipocrisia.

  52. Nihil disse:

    Calma lá, Felipe. O Rodrigo Aguiar não mostrou-se ser criacionista (não ainda). Questionar não significa exatamente negar. Ele tem se mostrado interessado no assunto. Bem, por falar em árvore…

    http://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/11/Tree_of_life_SVG.svg

    Sim, eu sei que pouco tem a ver com seu link, mas uma árvore filogenética dessas é mais convincente do que um fóssil.

  53. João Santos disse:

    Assisti um documentário no Discovery sobre mamíferos anteriores aos dinossauros – uma espécie de coelho gigante, há uns 400 milhões de anos.
    Estudo atuais também confirmam a coexistência de dinossauros e pequenos mamíferos: http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u16188.shtml
    Eta coisa complicada!

  54. João Santos disse:

    Como é grande essa família de microorganismos. Muitos desses fdp fd. com a nossa saúde. Ainda bem que já estão embarcados nessa grande nave mãe. Agora é só desová-los em Vênus.

  55. João Santos disse:

    Um bom documentário sobre a Area 51: http://www.youtube.com/watch?v=bwOIllBZJjQ

  56. LEx disse:

    Rodrigo Aguiar em 13 de abril 2011 às 18h07,
    Homi, tu esta falando de energia e eu de velocidade, eu não concordo que sejam a mesma coisa, nem tudo que está em movimento tem que necessáriamente estar queimando algo, exemplo tosco são os projetos de veleiro espacial e a expanção do próprio universo como o Nihil citou. Não entendo nada de física, estou muito longe disso, porém, sei que volta e meia alguém descobre algo e põe toda uma teoria no chão. Voltando a velocidade da Luz, a luz pode ser entortada, freiada, modificada e quebrada e se ela consegue empurrar um veleiro no espaço é lógico dizer que ela ocupa espaço, então se algo pode sofrer modificações como saberemos que é absoluto? (é uma pergunta séria)

    ______________

    Mach em 13 de abril 2011 às 17h18
    E quem disse que Albert Einstein estava certo?
    Pelo que andei lendo, a Teoria da Relatividade também contém buracos que talvez nunca serão remendados, um exemplo é a Teoria do WormHoles que é baseada na Relatividade Geral, mas matemáticamente é imprecisa e incerta mas se eles existirem, toda a Fisica Moderna cai por terra…. Loco né?

  57. João Santos disse:

    Vocês que estão falando de energia, luz, velocidade, etc. Dêem uma olhada no link que eu postei, parece ter um pouco a ver com o assunto, já que fala de aeronaves avançadas.

  58. […] pixum 40 extensões do Google Chrome One day for design Player Aimp2 X-men low budget FBI Fonte 1 FBI Fonte 2 Propaganda Boticário Site InDesign Video Magenta estagiário Texto Beccari sobre o Realengo Sobre […]

  59. Nihil disse:

    João Santos

    “Como é grande essa família de microorganismos. Muitos desses fdp fd. com a nossa saúde. Ainda bem que já estão embarcados nessa grande nave mãe. Agora é só desová-los em Vênus.”

    Que nada. Nem viveríamos se faltarem alguns deles. Mas tem uns que pode até te corroer vivo… Enfim, eles dominam o mundo.

  60. Rodrigo Aguiar disse:

    Caro felipe,

    Dinossauros foram extintos por um evento, por tanto acerca dos dinossauros só encontraremos fósseis.

    Não sou criacionista, mas pelo que entendi, um verdadeiro cético é movido por convicções puramente científicas.

    Não gosto de definições, talvez para me definir, talvez, me definiria como um cético, mas na minha concepção um cético é livre de tudo, inclusive dos rótulos de evolucinista ou criacionista.

    Como religião, não podemos (pelo menos pessoalmente) ser tão imparciais, pois a partir de um momento que que vc tem um conhecimento acerca de um determinado assunto, vc não pode mais voltar atrás e se dizer completamente imparcial.

    Neste sentido, uma única palavra dita por Jesus Cristo, me vez ser cristão, e eu acho que Jesus disse:

    – Busque a verdade, e ela te libertará.

    Estou buscando essa verdade, sem dogmas religiosos.

    Portanto, como princípio de subjetividade pessoal me declaro cristão, mas como observador e estudante me declaro ateu.

    A visão religiosa da estória, sob a óptica da bíblia, é quase um romance, uma estória escrita por homens.

    Neste contexto, o último profeta (ou o Deus na Terra em condiçao humana, nos termos bíblicos), sempre falou em parábolas, ou seja, exemplos hipotéticos de uma verdade maior, e é neste sentido que eu acredito nos princípios cristãos, que não influenciam na minha visão científica do assunto ora discutido.

    Ainda, não li acerca do seu link, e nem do Nihil, todavia me antecipo, e declaro minha opinião.

    Os exemplos evolucionistas, mostram diferenças existentes entre seres da mesma espécieis.

    Todavia isto não é “evolução”, é adaptação da espécie, nos termos em que o “ambiente” se encontra em deternimada época.

    Existe uma interrogação na minha cabeça.

    Eu acho que os componentes minerais (agora desculpem minha ignorância), não reúnem condições de se transformar em uma vida “orgânica”, completamente complexa.

    Se uma bactéria é um ser extramente adaptável ao seu ambiente, como poderia esta complexidade genética primitiva se adaptar as condições do ambiente, criando inclusive mecanismos para combater agentes nocivos à sua existência (vacinas).

    Isto, sem entrar no campo da cognição humana (religião, cultura, etc, etc), que nos transformaria em verdadeiros deuses (imagem e semelhança) de algo INDUBTAVELMENTE superior ao existente entre os seres viventes na Terra (QUIÇÁ DE TODO O SISTEMA SOLAR OU DO UNIVERSO CONHECIDO).

    Senhores céticos, isto é parte minha mente, por favor me ajudem à equacionar tudo isto, pois quanto mais eu estudo, mais perguntas surgem e minha mente.

  61. Franciscodog disse:

    Um tempo sem aparecer, por isso gostaria de comentar algumas coisas, peço perdão pelo espaço

    Rodrigo Aguiar
    “Salvo engano, pois não sou especialista, as formas de vidas mais primitivas na Terra, são as bactérias.”
    As formas mais primitivas de vida são postuladas, mas não empiricamente comprovadas, especula-se que seriam seres muito mais simples que as bactérias, seres esses já extintos

    “Afirmam os evolucionistas que as bactérias não evoluíram para uma forma de vida mais complexa”
    Isso é um equívoco, não se postula que as bactérias atuais tenham evoluido para seres pluricelulares, mas sim que todos os seres vivos atuais derivaram de um ancestral comum (ou ancestrais diversos com transmissão gênica transversal)

    “devido seu “organismo”, encontrar-se perfeitamente adaptado as condições ambientais atualmente existente.”
    Qualquer ser vivo que não sofra pressão evolutiva por seleção natural é passível de permanecer basicamente inalterado por longuíssimos períodos (não incluindo aí deriva genética, transmissão transversal, etc…)

    “Assim, não sendo a evolução uma “Lei Natural” que incida sobre todos os seres vivos existentes na Terra”
    Errado, até agora a TE é melhor aproximação da verdade

    “a capacidade de “evolução” depende muito mais do “código genético hereditário que é passado entre os seres de geração à geração”, do que da seleção natural.”
    Na verdade a Evolução deve-se a esses dois fatores conjuntos, além da capacidade de mutação durante a replicação do material genético

    “Pois usando como exemplo as bactérias, a capacidade de evoluir não é igual para todos os seres,”
    A taxa de mutação de populações de diferentes sers vivos é diferente

    “se fosse todos os seres deveriam evoluir da mesma forma, dentro do ambiente que mais lhe favorece.”
    Não acontece com todos, devido a diversidade genética, porém existe o conceito de “Convergência Evolutiva”. Golfinhos e tubarões tem formas grosseiramente parecidas, apesar de um ser um peixe e outro mamífero

    “Aliás, a “paleontologia”, com a descoberta de registros fósseis, indica somente a existência de seres com estaturas e formas ósseas diferentes,”
    Através da datação, aspectos da anatomia comparativa, formato das estruturas, analises bioquímicas, etc.. podemos coletar uma grande gama de informações dos fósseis

    “mas dentro do aspecto geral de sua espécie”
    Existem espécies que possuem características muito diversas para serem a mesma espécie, apesar de ter algumas semelhanças. São os ditos “fósseis tranicionais” (não gosto muito desse termo por outras razões, nao quero me alongar nisso agora)

    “o que é perfeitamente compreendido pelo fato de haver fartura ou não de alimentos em determinadas épocas da história da Terra.”
    Existem outros fatores de pressão seletiva que não os alimentos

    “O próprio Homem na história contemporânea (devido ao grande avanço científico) vem aumentando sua estatura vertiginosamente.”
    Esse aumento de estatura não corresponde a alteração (significativa) cromossomial, exceto se considerarmos as Síndromes Cromossômicas

    “Não tenho conhecimento de registros fósseis de seres hibridos, que demonstrem nadadeiras transformando-se em patas,”
    Procure no ggogle que achará diversos fósseis transicionais, aqui esta uma pequena lista http://www.holysmoke.org/tran-icr.htm

    “assim, diante das minhas próprias conclusões, ouso dizer que o quê existe não é uma dita “evolução”, mas uma capacidade de adaptação de cada espécie, influenciando em sua estatura e em outros aspectos, todavia sem modificações que lhes tranforme em um ser com caracteristicas diferentes dos seus antepassados. (claro isto com base no fato de que as bacterias não sofreram nenhum tipo de evolução explícita, mesmo sendo os seres considerados primitivos).”
    Como lhe demostrei acima suas conclusões são lógicas mas seus postulados estão equivocados.

    Abraços

  62. João Santos disse:

    Claro, Nihil, precisamos deles mais que eles de nós!

  63. Franciscodog disse:

    Rodrigo Aguiar

    “Dinossauros foram extintos por um evento, por tanto acerca dos dinossauros só encontraremos fósseis.”
    Concordo (em linhas gerais)

    “Não sou criacionista, mas pelo que entendi, um verdadeiro cético é movido por convicções puramente científicas.”
    Se quer usar cético como o que se utiliza do Ceticismo Científico “CC” (e não o Ceticismo Filosófico) diria que este usa o Método Científico como melhor maneira de assessar a realidade objetiva.

    “Não gosto de definições, talvez para me definir, talvez, me definiria como um cético, mas na minha concepção um cético é livre de tudo, inclusive dos rótulos de evolucinista ou criacionista.”
    Concordo se cético aqui se enquadra como a pessoa que exige provas, discordo se refere-se ao CC.

    “Como religião, não podemos (pelo menos pessoalmente) ser tão imparciais, pois a partir de um momento que que vc tem um conhecimento acerca de um determinado assunto, vc não pode mais voltar atrás e se dizer completamente imparcial.”
    Há uma série de questões que não sao do escopo da Ciência ou que o método científico não tem serventia. Alguns aspectos da religião se enquadram nisso.

    “Neste sentido, uma única palavra dita por Jesus Cristo, me vez ser cristão, e eu acho que Jesus disse:

    – Busque a verdade, e ela te libertará.

    Estou buscando essa verdade, sem dogmas religiosos.”
    Nenhum óbice a sua fé

    “Portanto, como princípio de subjetividade pessoal me declaro cristão, mas como observador e estudante me declaro ateu.”
    Não entendi. Você aceita os ensinamentos e/ou filosofia de Cristo mas não acredita-o como filho de Deus?

    “A visão religiosa da estória, sob a óptica da bíblia, é quase um romance, uma estória escrita por homens.”
    Sim, porém segundo a maioria dos Cristãos esse “romance” foi inspirado por Deus, para a maioris das seitas cristãs a Bíblia é a palvra de Deus, inerrante.

    “Neste contexto, o último profeta (ou o Deus na Terra em condiçao humana, nos termos bíblicos), sempre falou em parábolas, ou seja, exemplos hipotéticos de uma verdade maior, e é neste sentido que eu acredito nos princípios cristãos, que não influenciam na minha visão científica do assunto ora discutido.”
    nenhum óbice novamente

    “Ainda, não li acerca do seu link, e nem do Nihil, todavia me antecipo, e declaro minha opinião.”
    também não :)

    “Os exemplos evolucionistas, mostram diferenças existentes entre seres da mesma espécieis.”
    Não vi os links, mas tenho minhas dúvidas que qualquer exemplo evolucionista demostre isso. Mesmo criacionistas (na sua maioria) aceitão a especiação, já que é um fato comprovado.

    “Todavia isto não é “evolução”, é adaptação da espécie, nos termos em que o “ambiente” se encontra em deternimada época.”
    A isso se confere o nome de Seleção natural

    “Existe uma interrogação na minha cabeça.
    Eu acho que os componentes minerais (agora desculpem minha ignorância), não reúnem condições de se transformar em uma vida “orgânica”, completamente complexa.”
    Acho que ficaria melhor os componentes orgânicos se transformarem em vida orgânica. Isso não tem nada a ver com a Teoria da evolulção que versa apenas sobre a diversidade das espécies. O que se você cita é a Abiogênese – Teoria da Origem química da vida

    “Se uma bactéria é um ser extramente adaptável ao seu ambiente, como poderia esta complexidade genética primitiva se adaptar as condições do ambiente, criando inclusive mecanismos para combater agentes nocivos à sua existência (vacinas).”
    Isso acontece diariamente, é o fenômeno da resistencia aos antibióticos, plenamente explicada pela seleção natural

    “Isto, sem entrar no campo da cognição humana (religião, cultura, etc, etc), que nos transformaria em verdadeiros deuses (imagem e semelhança) de algo INDUBTAVELMENTE superior ao existente entre os seres viventes na Terra (QUIÇÁ DE TODO O SISTEMA SOLAR OU DO UNIVERSO CONHECIDO).”
    Não entendi, poderia desenvolver?

    Senhores céticos, isto é parte minha mente, por favor me ajudem à equacionar tudo isto, pois quanto mais eu estudo, mais perguntas surgem e minha mente.

  64. Franciscodog disse:

    Posso dar pitaco sobre velocidade da luz e TGR?

  65. Franciscodog

    Opinião pesssoal.

    Nossa condição, de seres humanos, nos revela maior do que os outros seres.

    Procariontes, ou eucariontes, somos Deuses na concepção fiolósica do termo, mas isso é filosofia não ciência.

    A origem da vida, sob o uma concepção científica é muito fácil de acontecer.

    A origem da vida, sob a concepção científica, decorrente de “uma sopa” onde devido a descargas elétricas houve a formação de “aminoácidos” que deram condições à existência da vida, é perceptível em marte (ver raios secos na atmosfera de marte) uma vez que existem indícios de existência de água em marte e de raios, tanto no passado, tanto como no presente.

    Se a vida “nascer” em ambientes líquitos, sob o aspecto “evolucionista” a vida deveria “evoluir”, e existir em condições adversas àquelas existente na Terra, assim deveria existir em marte.

    Assim, na minha concepção, a teoria da evolução (para ser posta em contracepção com a Teoria da Criação(vida advinda de algo extraterrestre) necessita comprovar a existência de vida extraterrena, em condições adversas àquelas existentes na Terra, com base no que relata a Teoria da Seleção Natural.

    Me deculpe, não sei se fui muito claro.

    No que toca a cognição humana, não me parece muito razoável o fato de que nossa “cognição”, ser muito superios aos dos outros animais.

    Se houve um ponto zero, um ponto de partida para todos os seres, porque exatamente os humanos são tão superiores, intelectualmene falando, em relação aos outros seres?

  66. Mach em 13 de abril 2011 às 17h18
    E quem disse que Albert Einstein estava certo?

    Pelo que sei, “WormHoles” são tão densos, que nem mesmo a Luz escapa a sua densidade, ou grossamente falando à sua gravidade.

    Isto por que, sabemos que matéria atrai matéria, e que a densidade da matéria é o que faz o corpos celestes “girarem” em torno de algo densamente maior, ou seja com matéria mais densa.

    Talvez a ainda não sabemos como é constituída a matéria dos “WormHoles”

  67. Nihil disse:

    Rodrigo, no último comentário você confundiu Buraco de Minhoca (Worm Hole) com Buraco Negro (Black Hole)

    Franciscodog,

    Posso dar pitaco sobre velocidade da luz e TGR?

    Você é quem mais entende de ciência aqui, por gentileza dê logo o seu pitaco!

  68. “Como céticos, e ao expor fraudes, pretendemos diminuir o ruído e mapear um terreno desconhecido, mas as ruas inexistentes são por demais atraentes, e muitos preferirão mapas imaginários à realidade que possa existir à nossa frente.”

    É exatamente isso, cara. Sem tirar, nem por.

    Enquanto estive no CUB tentei fazer a ufologia voltar a ser a “ciência” que era no início, com cientistas como Dr. J. Allen Hynek participando, etc. Quer dizer, transformar a ufologia em estudo de OVNIs mesmo, tentando identificá-los.

    Mas não é isso que os crentalhos (soma de crente e espantalho) querem. Eles querem apenas continuar se iludindo e f*da-se o mundo real, infelizmente. Isso sem falar nas agressões que você conhece bem.

    Então… Lavo minhas mãos dessa área. Ao menos por hora. ;)

    Forte abraço! E continue com o ÓTIMO trabalho! ;)

  69. Felipe disse:

    http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1416063-5603,00.html

    E leiam também esse outro artigo, sobre relógio atômico.

  70. LEx disse:

    “Neste sentido, uma única palavra dita por Jesus Cristo, me vez ser cristão, e eu acho que Jesus disse:
    – Busque a verdade, e ela te libertará.
    Estou buscando essa verdade, sem dogmas religiosos.
    Portanto, como princípio de subjetividade pessoal me declaro cristão, mas como observador e estudante me declaro ateu.
    A visão religiosa da estória, sob a óptica da bíblia, é quase um romance, uma estória escrita por homens.”

    Tu já leu a Bíblia?
    Já viu o tanto de contradições que existem lá?
    Se é escrita por homens como é que tu sabe que Jesus realmente existiu, e se existiu, como sabe que ele disse o que tu citou? Brother, já li artigos onde põe em check até a existência de Sócrates. Estória escrita por homens tem disso, por isso a ciência é mais confiável. Por isso sou ateu/cético mas não levo isso como religião. Acho que está certo em questionar tudo, mas cuidado para não cair em uma fenda entre misticismo e realidade.

  71. Felipe disse:

    Teorias podem ser provadas, desde que tenham um lógica e coisas físicas.

  72. Felipe disse:

    A bíblia não se pode provar, porque não existe nada físico, apenas o livro.

  73. Felipe disse:

    E os tolos ainda caem nesse argumento illuminati, que foi criado quando o o youtube foi lançado, não a registro de illumanati fora da internet.

  74. Felipe disse:

    O unico racismo que existe foi a religião, que separa as pessoas, por opção sexual, cor de pele já que na idade média a propia igreja católica dizia que os negros não tinham alma.

    Vá estudar marcelo, só assim tu vai conseguir enxergar a realidade, e não o misticismo que tu tanto quer acreditar.

  75. Nihil disse:

    Estranhei o Marcelo não postar nenhum video do Youtube hoje. Talvez as opções tenham acabado.

    Se bem que nunca perdi meu tempo assistindo. Iluminatis em pleno Século XXI é idéia de maluco. Eles já existiram, mas era um grupinho medíocre e não foi longe. E outra, eles eram inteligentes, com certeza não faziam burrices como mandar aviões em arranha-céus para f#•er a economia do seu próprio país (caso fosse).

  76. Nihil disse:

    Brother, já li artigos onde põe em check até a existência de Sócrates.

    LEx, Sócrates existiu de fato. Ele não deixou nenhum trabalho escrito, mas vários contemporâneos seus como Platão e Aristoteles o descreveram nos seus, assim como o próprio governo grego na época (se não me falha a memória, mas estou sem saco para pesquisar isso agora). Já Jesus… Nadinha. Tudo o que sabemos dele começou a ser escrito quase um século depois de sua suposta morte.

    Bem, existe gente que não acredita nem que William Shakespeare existiu. Conspiracionistas. Não acreditam em nada disso, mas acreditam nos Iluminatis… Vai entender…

  77. Nihil disse:

    TEORIA DA EVOLUÇÃO NÃO PASSA DE GNOSTICISMO E RACISMO DISFARÇADO, HÁ OS TOLOS QUE CAEM.

    Eu dou uma surra nele ou não? Bem, Marcelo, clique AQUI que você encontrará a resposta e veja se tem algum racismo. Procure pelo mais perto de sua casa.

  78. João Santos disse:

    Ei, Franciscodog, teclar Ctr+C/Ctr+V e comentar as impressões ou opiniões dos outros é fácil. Que tal também postar algo da própria intuição e não apenas ficar recitando conhecimentos acadêmicos. Só assim você vai permitir aos demais replicarem, caso discordem ou tenham algo a acrescentar.

  79. João Santos disse:

    Franciscodog, agora sim. Li um comentário seu e não tão-somente uma réplica.

  80. LEx disse:

    ÊBA!
    O Mister M. voltou!!!!!! kkkkkkkkkkk
    Segurem o Nihil! kkkkkkkk

    Mas brother, os Iluminatis existem! Tu não assistiu o filme? Eles até estão pensando em acender Jupiter com uma bomba de Tachyons para assim termos 2 sois e ninguém mais viver na escuridão… Tu não viu?

  81. A autópsia do alienígena foi o que marcou o início do meu medo de alienígenas. O que mais me frustra é que eles não contam a história direito, deturpam dados e escondem outros. Por isso que eu leio o ceticismo. Pra tentar entender um pouco melhor com quem não esconde as informações e sabe do que está falando.
    =1

  82. Franciscodog disse:

    Rodrigo Aguiar

    “Opinião pessoal
    Nossa condição, de seres humanos, nos revela maior do que os outros seres.”
    Respeito sua opinião mas admito que essa é uma discussão mais filosófica que científica, dependo do critério utilizado para definir “maior em que”

    “Procariontes, ou eucariontes, somos Deuses na concepção fiolósica do termo, mas isso é filosofia não ciência.”
    De acordo

    “A origem da vida, sob o uma concepção científica é muito fácil de acontecer.”
    Er… na verdade não é tão simples assim, admite-se que ela aconteceu pelo fato de 1)estarmos aqui conversando 2)Teoria dos números Grandes – eventos químicos repetidos milhares e milhares de vezes, em gigantesca área, num enorme intervalo de tempo.

    “A origem da vida, sob a concepção científica, decorrente de “uma sopa” onde devido a descargas elétricas houve a formação de “aminoácidos” que deram condições à existência da vida”
    Postulação mais aceita pela comunidade científica.

    “é perceptível em marte (ver raios secos na atmosfera de marte) uma vez que existem indícios de existência de água em marte e de raios, tanto no passado, tanto como no presente.”
    Seria necessário mais que água e raios, realmente nunca li nada sobre a composição primeva de Marte para ter uma opinião fundada a respeito.

    “Se a vida “nascer” em ambientes líquitos”
    sim

    “, sob o aspecto “evolucionista” a vida deveria “evoluir”,”
    Caso essa “vida” preencha as condições mínimas da evolução sim

    “e existir em condições adversas àquelas existente na Terra, assim deveria existir em marte.”
    Num exercício de lógica diria que seria possível existirem formas de vidas em uma marte primitiva. Talvez tenha mesmo existido e as condições inóspitas levado a um beco sem saída evolutivo. Isso apenas no campo especulativo, pois faltam-nos elementos empíricos que corroborem esse pensamento.

    “Assim, na minha concepção, a teoria da evolução (para ser posta em contracepção com a Teoria da Criação(vida advinda de algo extraterrestre)”
    Bom ai você cometeu alguns erros conceituais 1)A TE busca explicar a variação das espécies, não tem relação com a Origem da Vida 2)Criacionismo não é uma Teoria nos mesmos moldes que a TE pois não é uma Teoria Científica, e sim um postulado teológico
    3)Vida advinda de algo extraterrestre chama-se Panspermia, seja através de formas primitivas de vida transportadas por meteoros, aminoácidos eou outros elementos fundamentais transportados pelo mesmo meio ou criação da vida na terra por alienígenas – a última é que o Raelianos acreditam, por exemplo. Até hoje não se conseguiu confirmar a panspermia, apesar de ser uma hipótese científica

    “necessita comprovar a existência de vida extraterrena, em condições adversas àquelas existentes na Terra, com base no que relata a Teoria da Seleção Natural.”
    Não, como eu expliquei acima a TE não tem nada a ver com origem da vida aqui ou fora da terra, sendo que a última é especulada mas não comprovada.

    “Me deculpe, não sei se fui muito claro.”
    Sim, espero que eu também tenha sido.

    “No que toca a cognição humana, não me parece muito razoável o fato de que nossa “cognição”, ser muito superios aos dos outros animais.”
    Pressões seletivas diferentes “geram” aparecimento de seres diferentes, é uma das bases da TE

    “Se houve um ponto zero, um ponto de partida para todos os seres, porque exatamente os humanos são tão superiores, intelectualmene falando, em relação aos outros seres?”
    Os diversos seres evoluem de acordo com a pressão seletiva e a pequenas variações nas características de populações. Esse processo é muito lento e heterogêneo, se uma espécie é bem sucedida na transmissão do seu material genético ela pode permanecer inalterada longos períodos (grosso modo). Ser mais inteligente tem suas vantagens, assim como ser mais rápido, mais forte, mais esquivo, mais venenoso, mais resistente, etc… Na Natureza não existe seres superiores, apenas os mais bem adaptados ao meio em que vivem.

  83. Franciscodog disse:

    Nihil, justamente por Sòcrates não ter deixado nada do “próprio punho” é que conhecemos as suas idéia através de Platão. Como existe esse intermediário alguns questionam se era realmente os pensamentos de Sócrates ou se Platão não distorceu algumas coisas.

    “TEORIA DA EVOLUÇÃO NÃO PASSA DE GNOSTICISMO E RACISMO DISFARÇADO, HÁ OS TOLOS QUE CAEM.”
    Hum será que está falando do Darwinismo Social?

  84. Franciscodog disse:

    João Santos

    “Ei, Franciscodog, teclar Ctr+C/Ctr+V e comentar as impressões ou opiniões dos outros é fácil.”
    JOão, posto dessa maneira por hábito de discutir em fóruns, assim posts grandes com várias afirmações ficam mais organizados ao meu ver.

    “Que tal também postar algo da própria intuição e não apenas ficar recitando conhecimentos acadêmicos.”
    Tento nos assuntos científicos não utilizar muito minha intuição e sim o conhecimento, já que a primeira é falha na descrição do mundo real.

    “Só assim você vai permitir aos demais replicarem, caso discordem ou tenham algo a acrescentar.”
    JOão, posto dessa maneira por hábito de discutir em fóruns, assim posts grandes com várias afirmações ficam mais organizados ao meu ver. Se discordar de alguama coisa que eu falei ou quiser saber minha opiniça estou as ordens, é sempre um prazer conversar com você.

    “Franciscodog, agora sim. Li um comentário seu e não tão-somente uma réplica”
    COmo eu falei acima, é puro habito, como nunca sou o primeiro a postar sobre um assunto acabo apenas expondo minhas idéias na forma de respostas.

  85. LEx disse:

    Franciscodog e Rodrigo Aguiar,

    O nível da discução dos dois está passando um pouco da minha capacidade de entender. Mas quanto a diferença na evolução humana em relação aos outros animais eu acho que tem um explicação lógica para isso: Tudo mudou depois da invenção do dinheiro (regra geral: riqueza) a grosso modo, são raros os exemplos de outros animais em que a ordem social de divide assim. Quanto mais o indivíduo tem, mais ele gera poder, assim, ganha mais dinheiro o mais esperto e com isso forçou a evolução para o lado intelectual ao invés do físico. Parece brincadeira, mas é só ler a História humana desde a época dos “homens das cavernas” que fica claro isso (exclua os coitados dos Gregos Antigos).

  86. Franciscodog disse:

    Lex, (não vou usar o CTRl em homenagem ao João)
    DO ponto de vista biológico, que é o que a TE se baseia, não houve variação desde o “tempo das cavernas”. O homo sapiens sapiens é o mesmo, não “evoluiu” biologicamente.
    Quanto a evolução tecnológica, filosófica, material, teológica, etc.. da espécie humana isso é assunto para outros campos que não a ciência da biologia.
    Existe uma concepção chamada Darwinismo Social, que baseia-se em alguns conceitos da TE transladada para as relações sociais, mas não tem nada a ver com a TE.

  87. Nihil disse:

    Mas brother, os Iluminatis existem! Tu não assistiu o filme? Eles até estão pensando em acender Jupiter com uma bomba de Tachyons para assim termos 2 sois e ninguém mais viver na escuridão… Tu não viu?

    HAHAHAHAHAHAHAHA! Vi sim. Também planejam mandar mísseis de metano para Marte para assim esquentar o planeta com efeito estufa e transformá-lo em Nova Terra. Que legal! Mas cuidado! Todos os terremotos que acontecem no mundo são obras da HAARP!

  88. João Santos disse:

    Franciscodog, na sua concepção, qual seria o propósito da vida afinal?

    Obs: os links e comentários estão bom nível.

  89. wert disse:

    poooorrrra cara… eu me amarro nestas historinhas de et´s…. as “teorias” que são fabricadas pelas mentes desses “perseguidores de alienígenas” são as que resultam nos filmes mais legais….

    pena que et´s não existem… ou, se existem, não conseguiram ainda encontrar uma forma de “dobrar” o espaço-tempo pra fazer uma visita…

    ou então, como li em um livro que não me lembro qual agora(ACHO que foi no “universo numa casca de noz” do hawking): “se existe ou existiu alguma civilização que alcançou um estágio evolutivo semelhante ao nosso, é provável que tenha se autodestruido”

    o que seria uma pena, já pensou o teor alcólico de uma cerveja vinda de andrômeda? hehehehehe….

  90. Nihil disse:

    João Santos,

    qual seria o propósito da vida afinal?

    Ora, a resposta é 42. ;) Impossível a resposta ser outra!

  91. Nihil disse:

    wert,

    o que seria uma pena, já pensou o teor alcólico de uma cerveja vinda de andrômeda? hehehehehe….

    É que você não viu a vodca vinda da Nuvem de Magalhães. Essa é o bicho.

  92. LEx disse:

    “o que seria uma pena, já pensou o teor alcólico de uma cerveja vinda de andrômeda? hehehehehe….”
    PUTZ!
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Nihil,
    Sério brother, esse lance do metano em Marte eu já ouvi falar várias vezes, se não me engano é tese ciêntifica que acabou por virando lenda. Mas imagine o tanto de gás metano para encher aquilo lá? Só em Brasília para conseguir tamanha quantidade….

  93. João Santos disse:

    Nihil, sua resposta foi suscinta e eu já sabia – você tem um perfil previsível. Mas gostaria de saber a de um profissional que lida exatamente com vidas, mais prolixo que você, no caso, o dr Franciscodog.

  94. João Santos disse:

    Correção:<>

  95. João Santos disse:

    Correção: “sucinta” = resumida

  96. Felipe disse:

    Rodrigo aguiar, não sei se tu é ou não criacionista, mas geralmente que diz que temos “animais grandes” na terra e nega a teoria da evolução é.

    E outra buracos de minhocas sim, são uma teoria e não algo que seja real porque ainda não se pode provar eles mas buracos negros são reais…

  97. Mach disse:

    “Enviado por Franciscodog em 14 de abril 2011 às 01h26
    Posso dar pitaco sobre velocidade da luz e TGR?”

    Por favor, de o seu pitaco. Eu estou interessado saber qual é a posição mais atual da comunidade científica a respeito da teoria da Relatividade Restrita.

  98. Mach disse:

    Sobre a evolução humana biológica, houve uma série circunstâncias que nos permitiram ter o cérebro que temos hoje. Por exemplo, não seria possível sustentar um cérebro tão volumoso se não andássemos eretos. O mais provável é que os primeiros primatas a andarem eretos o fizeram devido a mudanças climáticas que tornaram as arvores da região escassas, obrigando os animais arborícolas a passarem mais tempo no chão, onde aqueles que podiam ficar eretos enxergavam melhor a aproximação de predadores e esta vantagem permitiu que eles prosperassem e passassem seus genes adiante.

    Além disso o homem não foi a única espécie abençoada com um cérebro adaptado ao raciocínio. O homem de Neandertal, que foi uma espécie diferente da nossa, apresentavam desenvolvimento cultural e se não tivessem sido extintos, talvez teriam construído uma civilização tão desenvolvida quanto a nossa.

  99. Franciscodog disse:

    João, você está querendo saber sobre o propósito que guia a MINHA vida ou essa é uma pergunta mais ampla relacionada com toda a humanidade, terra, universo.. ?
    Ou quer que eu comente as duas coisas?

  100. João Santos disse:

    Franciscodog, as duas coisas ou o que achar melhor.

  101. LEx disse:

    Felipe em 15 de abril 2011 às 12h22,

    “Penso, logo, existo, uma goiaba não pensa, logo, ela não exite.”

    Até onde sei, ainda não está provado o que de fato são os Buracos Negros, até sabem como surgem (até alguém provar que não é assim), mas não no que se transformaram, assim, eles não existem ciêntificamente. Talvez sejam eles a própria entrada de um WormHole ou um gigatera triturador.

  102. João Santos disse:

    Mori, seria mais justo se uma simples pergunta, desde que sem ofensas, não fosse passível de “negativação”. Essa postura inviabiliza uma discussão salutar. A meu ver quem assim procede é o MAIS AUTÊNTICO TROLL.

  103. Rafael disse:

    Ja se sabe o que e um buraco negro. Nao se sabe como ele funciona nos seus detalhes.
    De maneira suscinta, trata-se de uma concentracao de material capaz de dobrar o espaco e tempo, analisando sob prisma da teoria da relatividade geral de Eisntein(na verdade e possivel dizer que os buracos negros sao uma das maiores provas de que Eisntein estava certo).
    Existem 2 tipos de buracos negros os que possuem o horizonte de luz e os que nao possuem.
    Atualmente o que se tenta descobrir sao mais informacoes sobre como funciona e o que acontece nas proximidades ou dentro do buraco negro.

    Bom, entrei aqui pra pedir ajuda.

    Alguem aqui sabe explicar o que seria esse video. Nao me parece ser um fenomeno natural, nao parece ser aviao, nao parece ser balao. Chamou atencao de varios moradores do predio. Foi registrado e notiiciado num jornal na russia.

    Alguem palpita.? Mori poderia dar uma olhada nisso ? Como faco pra mandar esse video para ele ?
    http://www.youtube.com/watch?v=KxzCfQF3ooI&feature=related(queria

  104. Felipe disse:

    http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI2160538-EI301,00.html

    Um buraco negro é visível mas um buraco de minhoca ainda não é… isso torna o buraco negro real.

  105. João Santos disse:

    Alguém fala russo aí? Tá ruço pra entender!

  106. Felipe disse:

    Quando acharem uma maneira de detectar buracos de minhocas ai sim, vai deixar de se tornar uma teoria, pra se torna real.

  107. João Santos disse:

    O mais unteressante nesse vídeo são as gatas.Porque lá na Rússia o buraco fica mais embaixo, isto é, lá em Chernobyl!

  108. João Santos disse:

    Quando eu ía pescar, costumava encontrar cada minhoca no seu devido buraco. Já no espaço são os ETs que entram nesses buracos pra vir aqui nos assombrar! Mas os céticos não acreditam, fazer o quê?

  109. Mach disse:

    “Um buraco negro é visível mas um buraco de minhoca ainda não é… isso torna o buraco negro real.”

    Os buracos negros não são visíveis, o que é visível são fenômenos que podem ser explicados pela existência de buracos negros.

    Me interessaria saber se os buracos de minhoca ainda são considerados pela ciência atual e se não, qual o motivo. Isso porque, até onde eu consegui acompanhar, alguns fenômenos da física quântica podiam ser explicados pela existência de buracos de minhoca naquilo que chamam de espuma quântica.

  110. LEx disse:

    Felipe em 15 de abril 2011 às 15h26,

    Você não vê um átomo, mas ele está lá.

  111. Nihil disse:

    Nesse video que Rafael enviou só consegui prestar atenção na repórter. A única coisa que vale a pena.

    Ah… Essas russas me arrancam suspiros…

  112. João Santos disse:

    Off-topic – Mais um mártir pacifista vitimado pela estupidez do fanatismo e do nacionalismo exacerbado.

  113. Nihil disse:

    Para quem não sabe nada de física quântica, teórica e afins aqui está. Peguem o tradutor do Google e o melhor dicionário Inglês-Português que tiverem e se virem. Assim como eu faço.

    http://imagine.gsfc.nasa.gov/docs/science/know_l2/black_holes.html

    Será que o buracos-negros são obras dos Iluminatis também?

  114. Nihil disse:

    LEx, a respeito de bombardear Marte com metano.

    Tenho uns parentes que podem ajudar. ;)

  115. LEx disse:

    Felipe em 15 de abril 2011 às 17h37,

    Carinha, desse jeito tu está me ofendendo. (!!!)

    Já é possível até escrever em átomos (IBM), fazer motores de átomos (nano-tecnologia), você também encherga o buraco negro, sabe que a luz faz curva (efeito lente), mas 1 átomo também é composto por partes, quer dizer, o que você vê é só uma parte.
    (já ficou chata essa conversa)

  116. Felipe disse:

    Só uma pergunta de que diabos o joão santos ta falando?

    Rodrigo, como tu falo que eu não posso “ver” o átomo eu mostrei ao contrario, não se trata de insulto…

    Se eu vejo uma parte do átomo isso torna ele real^^, eu não poderia ver algo se nem uma parte desse algo eu poderia ver entendeu agora?..

  117. Thiago disse:

    “Para quem não sabe nada de física quântica, teórica e afins aqui está. Peguem o tradutor do Google e o melhor dicionário Inglês-Português que tiverem e se virem. Assim como eu faço.”

    Eu acho que a dica foi para você, Felipe.

  118. Irmão do Fabio disse:

    Curioso o nome do agente, né? Guy Hottel… existiu mermo o tal? Tudo a ver com Tráfego Hotel…

  119. João Santos disse:

    – Mas, voltando ao Caso Roswell, acho que ele até tentou escapar por um buraco de minhoca, mas acabou sugado pelo buraco negro. Está encerrado o caso! – concluiu Stephen Hawking.

  120. João Santos disse:

    Marcelo,já pensou na possibilidade de os anjos bíblicos terem a capacidade de se materializar? Na Biblia vemos um contato de 3°grau, isto é, o patriarca Abraâo foi visitado por três seres fisicamente iguais a nós, que se materializaram a sua frente. A um deles Abraão chamou de SENHOR, aos outros dois não dirigiu palavra. Mas o fato é que cearam com o profeta. Se você crê num ente sobrenatural então não será difícil aceitar que o mesmo possa subverter o natural, subjugando os elementos a sua vontade. De certa forma o homem tambem já faz coisas hoje que seriam milagres no passado, não?

  121. Nihil disse:

    Estranhamente meus comentários onde eu coloco um determinado vídeo sempre ficam aguardando moderação e depois são excluídos? Porque será?

    Medo da verdade?

    1. Porque os links não se referem ao artigo.
    2. Os seus comentários podem ser classificados como spam.
    3. Isso é trollagem.
    4. Você além de ser troll é flooder.

    Agora procure pelo WordPress ou Blogger no Google e escreva e poste o que você quiser.

    Ainda não entendi essa tara freudiana que o Marcelo tem pelos Iluminatis…

  122. Felipe disse:

    Comentarios do marcelo sempre irrcionais, igual a religião ele quer impor o medo…

    Tsc tsc se não sabe argumentar sobre uma coisa, não tente impor intimidação.

  123. Magno disse:

    “Pois a mão pesada da Igreja abateu aqueles desgraçados de forma quase definitiva na França.”

    Ó SENHOR TODO PODEROSO, EU VOS IMPLORO, LIVRAI-ME DO AMOR DOS CRISTÃOS.

  124. Felipe disse:

    http://www.band.com.br/jornalismo/saude/conteudo.asp?ID=100000421952

    http://noticias.terra.com.br/ciencia/noticias/0,,OI5079407-EI238,00-Rio+crianca+com+coracao+artificial+do+Pais+recebe+transplante.html

    http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20110407/not_imp702745,0.php

    João santos agora tu falo uma coisa certa, os homens já estão fazendo quase tudo que está na biblia dito como só algo divino podia fazer, nós estamos criando órgãos artificiais e curando doenças… a ciência ta evoluindo e pouco a pouco vamos ver que tudo é possivel com a ciência.

  125. Magno disse:

    “O nazismo, todos sabem, foi uma volta radical ao paganismo ocultista baseado no racismo trazido à tona pela ridícula teoria da evolução – TEORIA ESSA QUE FOI A BASE DE TRÊS MALES CAPITAIS PARA O MUNDO.”

    Nihil, essa é pra voce.

  126. Magno disse:

    “Sim eu sou profeta eu vejo um futuro negro.”

    Sou vidente e vejo que o seu futuro será AFRO-AMERICANO.

  127. Nihil disse:

    Magno,

    Você acha mesmo que perderei meu tempo com ele? Só para acabar com ele:

    1º A Teoria da Evolução (TE) é FATO. Ele pode se espernear a vontade. Isso não vai mudar.
    2º A TE não influenciou o nazismo e tampouco é racista. Pois o objetivo da TE é explicar a diversidade de espécies existentes através da seleção natural e sexual.
    3º A TE é amoralista. Não tem objetivo de dar lição de moral e tampouco estimular a prática de atos imorais.
    4º A TE não nega e nem admite a existência de Deus.
    5º Qualquer um pode atacar a TE a vontade. O único jeito de derrubar a TE é provando que ela está errada usando o método científico. Boa sorte para quem quiser tentar. Detalhe: isso não provará que o Criacionismo está certo.

    Alguém ousa discordar?

  128. Nihil disse:

    Deus, se Tu existes livrai-me dos seus seguidores!

  129. Felipe disse:

    teoria da evolução= explicação e estudo…

    Nada mais do que isso.

  130. Felipe disse:

    Criacionismo é impossível de provar, porque ele só usa o erro de alguns pra se autoafimar.

  131. Nihil disse:

    O Criacionismo é impossível de provar simplesmente porque não tem como provar a existência de um criador. Mesmo que a TE caia por terra não tem como o Criacionismo assumir o posto por não seguir o método cientifico. Mais fácil a geração espontânea de Aristóteles voltar.

  132. Nihil disse:

    “Taí o título do vídeo que tanto imcomoda o MORI.

    2012-Elite constrói abrigos para Fim do Mundo em 2012(Jesse Ventura)- 4 de 4

    Estão vendo no que dá ficar só na Internet e TV? Vou é dormir!

  133. Felipe disse:

    Os cara consegue acreditar em ex-lutador… tsc tsc, é só olhar a ficha desse cara que já da pra saber com que mentalidade foi criada essas teorias das conspiração.

    Esse jesse ventura não é nada.

  134. LEx disse:

    WOW!

    Marcelo,
    Agora entendi porque tu ficou todo esse tempo sem se declarar, tu estava escrevendo a sua teoria do caos. ahahahaha… Quase me enganou.

    Brow, na boa… Tu me assusta. Para mim você é fake, deve ser algum ADM disfarçado agitando aqui, só para dar emoção na galera, uma pessoa comum, por mais alienada que seja, não acredito que pense como tu…. Sério!

    Outra coisa, só um toque: Cuidado como fala de outras religiões (Protestantes e espiritas), isso pode ser considerado racismo, tenho vários amigos espiritas inclusive boa parte de minha família, e conheço muitas pessoas protestantes.

  135. Nihil disse:

    Outra coisa, só um toque: Cuidado como fala de outras religiões (Protestantes e espiritas), isso pode ser considerado racismo, tenho vários amigos espiritas inclusive boa parte de minha família, e conheço muitas pessoas protestantes.

    Sou ateu de família católica e respeito e amo todo mundo, assim como respeito todos os tipos religiosos. Agora gente como o Marcelo não merece o meu.

    1º por não respeitar os outros.
    2º por ser ignorante. Ignorante é pior do que burro. Porque ignorante não quer aprender nada.
    3º por querer enfiar as suas convicções de qualquer jeito, enchendo a pagina de comentários.

    Bem, é isso.

  136. Alessandro disse:

    muito interressante reportagem. como você conseguiu obter estas informaçoes?

  137. Magno disse:

    Felipe, o cara além de ex-lutador, é também Veterano do Vietnã, Um graduado 1969 da Roosevelt High School, em Minneapolis, ex-prefeito de Brooklyn Park, Minnesota, ex-gonvernador do estado de Minnesota. Atuou em quatro filmes, The Running Man (1987), Predator (1987), Abraxas, Guardião do Universo (1990) e Batman & Robin (1997) e é também apresentador de TV.

    É, realmente esse jesse ventura não é nada.

  138. Nihil disse:

    De fato! Tanto Jesse Ventura como Marcelo andam assistindo muito filme B. Especialmente os do Roland Emmerich.

  139. LEx disse:

    “Acho que aqui:
    http://www.google.com/

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Calma brow…. O cara está curioso, só isso….
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Alessandro,
    Apesar da reportagem não estar assinada, ela provávelmente foi escrita pelo Gladiador Mori (usando seu poder especial IA – Inteligência Associativa) baseada nas fontes citadas no próprio artigo e no próprio site do FBI.

  140. Magno disse:

    Nihil, voce diz:

    “Qualquer um pode atacar a TE a vontade. O único jeito de derrubar a TE é provando que ela está errada usando o método científico. Boa sorte para quem quiser tentar. Detalhe: isso não provará que o Criacionismo está certo.

    Alguém ousa discordar?”

    O que voce acharia se eu aceitasse esse desafio?

  141. João Santos disse:

    [b]Curioso que, para o cético a existência de Deus tem der ser provada cientificamente. Já para o crédulo, Deus é um ente sobrenatural insondável que, se pudesse ser alcançado, deixaria de ser Deus.[/b]

  142. Nihil disse:

    Bem, Magno… Te desejo boa sorte.

  143. Nihil disse:

    [strong]João Santos,[/strong]

    No lugar de [strong]b[/strong] coloque [strong]strong[/strong] para escrever em [strong]negrito[/strong] e [em]em[/em] para escrever em [em]itálico[/em].

  144. Nihil disse:

    Ué, o html não está funcionando?

  145. Felipe disse:

    Ou seja jesse ventura= político, logo ele faz isso pra se autopromover.

  146. Felipe disse:

    Se dizem que é uma sociedade secreta, como um cara que já foi político, só fez filme e foi lutador,como é que alguem desse tipo que não tem ligação nenhuma com ufologia e afins, pode ter descoberto algo ultra secreto? que todo mundo sabe?

    Teoria das conspirações=bobagem.

  147. Nihil disse:

    João Santos,

    No lugar de b coloque strong para escrever em negrito e em para escrever em itálico.

    Tem usar o no lugar do [ ]. Por isso deu erro.

  148. Nihil disse:

    Agora foi! Use os símbolos citados nos dois últimos comentários. Para colocar links dentro das palavras tem que escrever entre os símbolos citados acima:

    a href=”o link referido sempre entre aspas” então escreva onde link deve entrar e depois de novo entre os símbolos /a.

    Simples, né. ;)

  149. LEx disse:

    <<>>
    Nihil,
    Como tu faz para aparecer o seu avatar? Ajuda eu…

  150. Magno disse:

    Felipe, concordo com voce quando diz que o jesse faz isso só pra se promover, mas ele está brincando com uma faca de dois gumes. Imagine chegando 2012 e nada acontecer, a credibilidade dele vai para as cucuias.

    Não defendi o jesse, apenas achei que deveria ter dado uma informação completa.

    O que é legal nessas sociedade secretas, é que todo mundo sabe. Parece os esconderijos secretos dos desenhos animados com uma seta apontando

  151. Felipe disse:

    Exatamente isso que eu falo magno…

    As pessoas não perceberam que ao invez de ser sociedade secreta, ela é visível pra todo mundo…Só que o pessoal não vê isso e acaba não caindo a ficha, isso é igual a pulseras powerbalance quando um artista fala que funciona todo mundo acredita.

  152. Magno disse:

    Nihil, vamos animar isso aqui até onde o Mori permitir o desvio de tópico e obrigado por me desejar boa sorte.

    Vamos levar esse debate excluindo qualquer divindade e se possível, sem colocar links, apenas as nossas ponderações.

    Primeiro deixo claro que o trabalho de Darwin é memorável, epenas acho que ele forçou a barra ao querer explicar a origem das espécies observando as adaptações através das mutações.

    Na minha opinião, o seu livro deveria ter o título ADAPTAÇÕES DAS ESPÉCIES, e não A ORIGEM DAS ESPÉCIES.

    A teoria da evolução, só é viável, depois do aparecimento do primeiro organismo vivo, não sendo possível ela atuar nos aminoácidos e proteinas para criar a primeira célula. Portanto a TE não pode ser aplicada para explicar a origem, mas é bem aplicada nas adaptações.

    Abs.

  153. João Santos disse:

    Grato, Nihil.

    Não sei se vai dar certo com o meu navegador Opera. Vou tentar com o Firefox.

  154. Nihil disse:

    João Santos, se até com o meu celular dá :P

    LEx, crie uma conta aqui, depois o seu avatar aparecerá em qualquer blog da WordPress. Inclusive aqui.

  155. Nihil disse:

    Magno, Darwin escolheu bem o título. O negócio não é adaptação e mutação, e sim mutação e adaptação. A mutação que dá certo fica o que dá errado vai embora. Vide, por exemplo, os tigres-de-dente-de-sabre (prefiro chamá-lo pelo nome cientifico Smilodon que é mais curto), era um grande e temido felino, mas ele se manteve grande e pesado enquanto as suas presas encolhiam e ficavam mais rápidas. Hoje temos veados e antílopes ágeis (seus ancestrais eram maiores do que rinocerontes) e o Smilodon…

  156. Magno disse:

    Nihil, conheço muito bem a teoria da evolução, inclusive tenho esse livro. Veja, as espécies são obrigadas a mutações biológicas para poderem se adaptarem ao ambiente.

    Isso não explica a aparição do primeiro organisno vivo. Portanto não explica a origem.

    A 150 anos atrás, Darwin sem ter conhecimento sobre o funcionamento do DNA, não poderia imaginar os aminoácidos se combinando para formar proteinas e consequentemente a cadeia de DNA.

    O mistério é exatamente esse: O que impulsinou os aminoácidos a se aglomerarem, formando as proteinas e depois o DNA.

  157. LEx disse:

    Eu sou muito “burro” para discutir a esse nível, mas o que eu acho é simples. Imagine vários materiais aglomerados, amontoados de maneira desorganizada dentro de uma gaveta. Você vai lá, e chacoalha essa gaveta com força… O que acontece?
    Os materiais de alguma forma acham um jeito de se encaixarem e conseqüentemente começam a depender um do outro para de equilibrarem. Agora imagine se eles de repente começassem a sofrer ações químicas (misture glicerina com ácido sulfúrico e veja o que acontece), com o tempo (longo, longo…) essas reações começam a ser cíclicas, e de tanto repetirem acabam por se transformarem em sistemas, igual ao que acontece com as chuvas. Somando-se mais um longo tempo (longo mesmo…) esses vários sistemas acabam por se juntarem (eles ainda estão na gaveta) e essa união se dá o nome de Sistema Organizado (ou organismo), pode ser vivo ou não. Isso acontece todo dia, somos nós que não percebemos.

    Com a evolução, cada organismo se deteve a uma tarefa, os mais bem adaptados se mantiveram no meio, o piores foram excluídos e assim surgiu Adão e Eva e saíram da gaveta….

  158. Magno disse:

    Lex, a sua idéia em relação a primeira célula, é muito racional, mas só superficialmente, pois quanto mais se aprofunda na questão, mais voce cria perguntas.

    É fácil dizer que elementos aleatórios juntos, tendo as condições e o tempo nescessário, teriam se aglomerado e criado vida, partindo do caos e gerando ordem. Mas o problema é quando se tenta explicar essas condições e qual foi o gatilho que teria disparado a vida nesses elementos inanimados.

    Já na idade média, existia o conceito da geração expontânea. Mas no século 17, o médico italiano Francesco Redi provou que os gusanos apareciam na carne estragada só depois das moscas terem depositado seus ovos nela. Nenhum gusano surgia em carne fora do alcance das moscas.
    Tudo bem que insetos do tamanho das moscas não surgiam simplesmente sozinhos. Mas o que dizer dos micróbios que continuavam a aparecer nos alimentos cobertos ou não? Mesmo que experimentos posteriores mostrassem que os micróbios não surgiam espontaneamente, a questão continuou controversa, até que veio o trabalho de Louis Pasteur.

    Muitos tentaram explicar o início da vida de maneira natural, mas não conseguiram provar, ou tiveram que se retratar devido a sua complexidade.

    Por exemplo, em 1969, o professor de Biologia Dean H. Kenyon foi co-autor do livro Biochemical Predestination (Predestinação Bioquímica). Mas, cinco anos depois, ele concluiu que seria implausível que matéria e energia não assistidas, se organizassem em sistemas vivos.

    Abs.

  159. Otto Pessanha disse:

    Bom gente, primeiro de tudo vamos separar as coisas. A TE não explica a origem da vida, explica como a vida se desenvolve. Darwing nem tenta explicar a origem da vida, não era esse o objetivo dele.

    Por isso a teoria da evolução não diz se deus existe ou não existe, o que criou a vida, como ela veio a acontecer, não se sabe.
    Se sabe apenas como a vida funciona.

  160. Rodrigo Aguiar disse:

    Querem tabu.

    Se tudo é fruto da “criação”, quem criou Deus ?

  161. Otto Pessanha disse:

    Complementando meu comentário:

    Um problema é que a obra-prima de Darwing se chama “A Origem das Espécies”, isso pra um mau entendedor é um prato cheio pra se chegar numa conclusão errônea do que ele quis dizer.

    Darwing quis exatamente mostrar como as ESPÉCIES se originam, não como a vida se originou, ele estudou como a vida se desenvolveu ao longo das gersções, como pequenas mutações iam tornando alguns indivíduos de algumas espécies mais aptos a viver no meio em que viviam, filhos desses indivíduos tinham mais chances de sobrevivência e assim foi se dando a origem de novas espécies, com pequenas mutações se acumulando para criar espécies diferentes.

    Foi citado aqui nos comentários que Hitler se valeu da teoria da evolução e tal, mas isso é balela. Hitler estava calcado em bases nacionalistas e religiosas (até as religiosas foram mal interpretadas) e distorceu uma passagem da TE para embasar o fato de que a raça ariana era superior.

    Nós humanos sempre nos achamos super importantes, mas para a evolução, não somos. O objetivo da evolução é a adaptação, não a inteligência, ou cor de pele, ou cor de olhos… um gorila no congo é tão evoluido quanto nós, ele está adaptado ao seu meio tão bem (ou mehor) que nós. Então pregar superioridade racial, não tem nada a ver com evolução.

  162. Felipe disse:

    Querem tabu.

    Se tudo é fruto da “criação”, quem criou Deus ?

    ai eles dizem: isso é um misterio de deus

    hussahusuahsuah

  163. Rodrigo Aguiar disse:

    Tendo em vista os comentários do Magno:

    “Mas o problema é quando se tenta explicar essas condições e qual foi o gatilho que teria disparado a vida nesses elementos inanimados”

    Talvez Panspermia seja uma teoria interessante, pois a teoria da sopa (descargas elétricas e aminoácidos), é quase uma teoria que afirma que a vida surgiu de forma espontânea (abiogênese).

    Esse receita para que a vida ocorra (água e raios = formação de aminoácidos), me parece simples demais, pois raios e água são vistos em outros planetas.

  164. Magno disse:

    Otto Pessanha, voce está corretíssimo em seu comentário. Darwin pouco aludiu sobre como se origiou a primeira célula.

    Ele elaborou toda a sua teoria fazendo uma analogia da evolução com uma árvore, comparando a primeira célula com a raiz da arvore evolutiva e que a variedade das espécies seriam os seus ramos, mas não explica a origem dessa célula.

    A única menção que ele faz em relação ao primeiro organismo vivo, é em uma carta que ele escreveu para Joseph Dalton Hooker.

    O problema é que a teoria da evolução, é utilizada contantemente para derrubar a Teoria do Design Inteligente, que a meu ver, uma completa a outra. Não estou falando de divindade.

  165. Magno disse:

    Felipe, o problema não é quem criou deus. O problema é: “Quem” ou o “que” é deus.

  166. Magno disse:

    Rodrigo Aguiar, continuamos com o mesmo enígna, independente de onde teria vindo a primeira célula

  167. Franciscodog disse:

    João, desculpe a demora para lhe responder, mas estou as voltas com o Imposto de Renda, perdi um papel iportante e ainda não achei :(

    Você me perguntou sobre o propósito da vida.
    Bem, uma pergunta simples mas com um signicado bem amplo, de certa maneira uma das perguntas mais antigas e uma das respostas mais procuradas.

    Do ponto de vista de conhecimento não percebo nenhum intuito o propósito no Universo, nada que signifique um Plano maior.

    Acho que cada um busca na filosofia e/ou na religião o proposito para sua vida.

    Fui claro?

  168. Otto Pessanha disse:

    Magno, o grande problema do Design inteligente é que não é exatamente uma teoria científica, pois não há bases científicas para sustentar a idéia de que somos frutos de um design inteligente. E ao contrário do que você pensa, a TE e o Design Inteligente são absolutamente contraditórios.

    Exatamente porque o nosso “Design” é uma grande falácia, não há design no humano, o humano, como ele é é um efeito natural. Para comparar um humano criado com um design você precisa comparar com uma criatura que não possui um design. Tipo, como é um humano sem design? Não existe exatamente porque o que se chama de design na “Teoria” do Design inteligente é uma coisa natural.

    Muita gente costuma comparar as coisas ao contrário, por isso essa idéia de design inteligente é muito difundida. Vou explicar.

    As pessoas comparam as mãos humanas a uma prensa, ou uma garra, mas o design da garra e da prensa foram feitos pelos humanos para se assemelhar com as mãos, que são as ocorrencias naturais de uma garra ou uma prensa.
    O mesmo serve com os olhos e uma câmera, a câmera foi projetada de forma a parecer com olhos humanos, na maneira que capta a luz. A câmera é fruto de um design enquanto os olhos humanos são uma ocorrência natual no mundo.
    Não existe uma inteligência por trás do sistema do corpo humano, ele foi criado seguindo as necessidades do meio. Havia necessidade de andar ereto para que o sol incidisse menos sobre o corpo dos primatas antigos, então eles começaram a andar eretos (através da evolução, já explicada).
    Mas antes disso, havia a necessidade dos olhos perceberem detalhes sutis da atmosfera, como predadores e etc, então criaturas com olhos mais primitivos foram morrendo naturalmente e as que tiveram mutações que faziam seus olhos pereceberem melhor o ambiente seguiram adiante.

    No entanto, esses fatos são ocorrências naturais, sem presença de inteligência e completamente aleatórias, daí a extinção natural de algumas espécies. Dizer que essas mutações ocorrem com um propósito é ir contra a aleatoriedade da TE. E até agora, cientificamente, não temos indicativos de que isso ocorra de propósito, apenas aleatoriamente.

    Uma coisa que podemos levar em conta: A camada de ozônio está ficando mais escassa, a radiação UV está causando várias doenças nos seres humanos. Segundo o design inteligente, era para os humanos começarem a nascer resistentes ao efeito UV, o que ainda não ocorre. O design inteligente molda a “evolução” com um propósito, isto não ocorre no mundo real.

  169. Franciscodog disse:

    Acho que o Otto explicou bem, a Origem das Espécies de Darwin explica o mecanismo que resultou em espécies tão distintas, através da seleçaõ natural. Nada fala sobre a origem da vida, que é estudada separada.

  170. Franciscodog disse:

    A Teoria científica atual mais aceita é a da Origem Química da Vida/Abiogênese. Demaneira resumida há 3,5 – 4,5 bihoes de anos atrás as condições climáticas/geológica/quimicas da terra propriciaram o aparecimento de aminoácidos simples (como na experiência de Oparin). Esse aminoacidos teriam se juntado e formado Coacervados e daí as primeiras formas de vida.
    Apesar desse processo ser estatisticamente muito incomum, fica difícil fazer estudos numéricos mais precisos devido a grande imprecisam dos dados atualmetne existentes.
    Até agora vários estudos mostraram criação de partículas orgânicas, mas nenhum ainda replicou a “vida”.

    Panespermia é uma hipótese, porém os dados são ainda mais insuficentes para uma análise esttística maior.

    De qualquer maneira pelas Leis dos grandes números a vida poderia perfeitamente aparecer em outros locais do Universo.

  171. Magno disse:

    Parece que o único que esta dentro da minha linha de raciocínio é o Franciscodog.

    Enquanto eu estou querendo entender a fundação, voces me explicam o telhado.

    Quando citei a teoria do DI, estou me referindo a complexidade dos aminoácidos se amontoarem de uma maneira específicamente ordenada para formarem a proteina e daí o DNA e etc.

  172. Otto Pessanha disse:

    Magno, entendo o que quer dizer, só um problema:
    Quando não se sabe uma resposta, não é nada científico arbitrar uma.

    Existem criaturas que os DNAs delas são mais simples que os nossos, existem vírus que possuem apenas RNA. A vida começou devagar e bem simples. Nós demoramos de 3 a 4 bilhões de anos pra chergarmos onde estamos, a vida teve tempo de se tornar complexa.
    O grande lance é que, com tempo suficiente e num meio propício, as coisas foram se tornando complexas, elas não nasceram complexas.

  173. Magno disse:

    Otto Pessanha, eu estou me referindo a uma reunião de filósofos e cientistas em Pajaro Dunes na Califónia em 1993, convocada pelo prof. Phillip E. Jonson, com a finalidade de discutirem sobre a crição da vida, em que eles chegaram a conclusão de ser implausível a origem da vida, por meios puramente naturais. Eles não estão alavancando nenhuma divindade, apenas estão reconhecendo a complexidade de se originar uma organização tão grande sem existir um projeto original.

  174. Nihil disse:

    Magno, parece que já responderam por mim.

    Bom lembrar que o Phillip E. Johnson não é cientista e inclusive sempre foi defensor ferrenho do “Design Inteligente”, coisa que mais de 99% dos cientistas rejeitam. Queria saber que tipo de cientistas e filósofos estavam nessa reunião… Michael Behe, William L. Craig e Stephen Meier? Bem, não duvido nem um pouco.

  175. LEx disse:

    “Querem tabu.
    Se tudo é fruto da “criação”, quem criou Deus ?”

    Essa é fácil…
    Foi Agamenon. Foi ele quem criou a luz é as trevas. Foi ele quem estabilizou o universo com duas forças conhecidas como Bem e Mal.
    Mas eu não acredito nisso… rssss

    Sério agora, todo mundo discute tudo, mas já pararam realmente para tentar entender o que é 4 BILHÕES de anos? Eu ganho (dinheiro) por semana, e as vezes 7 dias demora décadas, imagine 4 BILHÕES de anos? Velhos, tudo pode acontecer nesse período, é estatistica! Quanto mais um evento dá errado, maior a chance de ele dar certo. Uma fala que a uma cadeia de aminoácido é impossível de ser criada, mas como sabemos isso? Teriamo que ter outros 4 BILHÕES de anos em estudo para desvendar isso.

  176. Magno disse:

    Nihil, aí vai alguns nomes:

    Dr. Paul A. Nelson – Filósofo da biologia

    Dr. Dean H. Kenyon – Biólogo. Autor do livro Biochemical Predestination (Predestinação Bioquímica).

    William Dembski – Matemático.

    Só uma pergunta: Voce conhece o trabalho deles?

  177. Nihil disse:

    Sei que Dembsky é criacionista. Os outros nunca ouvi falar.

  178. Nihil disse:

    LEx, entre a origem da Terra e a provável origem da vida há um espaço de 2 bilhões de anos. Tempo não faltou.

  179. Magno disse:

    Não tenho nenhum pré-conceito nem com criacionista e nem com evolucionista, apenas analiso o trabalho de todos eles.

  180. Magno disse:

    Podemos levantar mil explicações lógicas para a origem da vida na terra, mas a natureza utilizaria apenas uma (ou nenhuma) para a sua realização.

  181. LEx disse:

    “Podemos levantar mil explicações lógicas para a origem da vida na terra, mas a natureza utilizaria apenas uma (ou nenhuma) para a sua realização.”

    Cara… Faz muito tempo que eu não vejo uma citação tão profundamente filosófica, estou falando sério… Acho que tu matou o assunto aqui.

  182. Nihil disse:

    “Não tenho nenhum pré-conceito nem com criacionista e nem com evolucionista, apenas analiso o trabalho de todos eles.”

    O negócio não é o preconceito. Eu também não tenho nenhum, mas o problema é na hora dos criacionistas apresentarem os seus mimimi pseudoargumentos. Eles cometem a seguintes falácias:

    1. Argumentum ad ignorantiaum: se a TE não explica tal coisa logo os seres vivos foram criados como são hoje.
    2. Falácia do Espantalho: simplesmente tentam desqualificar a TE de todas as maneiras para validar o Criacionismo.
    3. Desonestidade intelectual: desqualificam até mesmo as bases mais firmes da TE. Mesmo sabendo que isso não validará o Criacionismo e de quebra tentam provar através de picaretices as estórias da bíblia para impor uma religião no meio científico.

    Depois disso fica difícil ter uma boa imagem dos criacionistas…

  183. Magno disse:

    Nihil, não estou falando de religião. Lembra que eu disse que não iríamos incluir nanhuma divindade?

    Estou vendo apenas dados científicos.

    Falei pra fezermos o possível para não colocarmos links, mas não vejo outra alternativa.

    Procura aí se tem alguma citação sobre Deus, ou sobre as suas acusações:

    http://www.youtube.com/watch?v=BKMFVg_VqC0&feature=iv&annotation_id=annotation_834216

  184. Nihil disse:

    Magno, é difícil falar sobre a maça sem citar a macieira. De qualquer maneira não retiro o que disse. Os criacionistas apelam para falácias e não argumentam com ciência, apenas pela fé.

  185. LEx disse:

    ÊIA!

    Felipe,
    Tu está desvirtuando o assunto….

    Acho melhor a ADM abrir um artigo somente sobre a discusão sobre a TE, o que estamos falando aqui não tem mais nada a ver com o artigo… kkkkk (eu me si divirto).

    Magno,
    Amiguinho, não tem como falar do Criacionismo sem atrela-lo a uma divindade, pois a própria Lei do Criacionismo e da teoria do DI exige isso. Se somos produtos de um Designer esse cara deve ter fugido da escola… Nós temos tantos defeitos que não caberia no JumboEletro.
    Saca só: Câncer, Alzheimer, Esclerose Multipla,
    Autismo, Sindrome de Down, todas elas Herança Mitocondrial, ou seja, adquiridas antes do nascimento. E aí? Como explicar isso? O DI-MASTER quer que nasçamos com defeitos? Para que? Fora isso, “desdotou” 90% da população do senso crítico… Para que? Para que sejamos escravos? Com qual finalidade?

  186. Nihil disse:

    LEx, você sabia que há fungos que induzem a formiga ao suicídio? Que tal vespas que transmitem parasitas que transformam baratas em zumbi? Ou acha mais bonito o fato do caracol cagar sobre a própria cabeça? E os vírus e prions para que servem? Fora que temos o apêndice, que além de não servir para nada pode nos matar caso se infeccione. E os dentes do siso que também não servem para nada, cria cárie mesmo sendo escovado e amontoa os dentes da frente nos obrigando a usar aparelho dentário. Que tal um canal urinário entre as próstatas, um lugar altamente sensível e fácil de se infeccionar. Fora que a nossa genitália está um local altamente vulnerável…

    Ah, que designer mais idiota! Se fosse o chefe dele já o teria demitido!

  187. Nihil disse:

    Felipe, por Hades! Tu estás a divagar meu filho. Tem vídeos que nem vale a pena analisar.

    Creio que Mori seja um homem muito compassivo. Analisar fotos do Billy Meier, por exemplo. Tem que ser muito idiingênuo para acreditar naquele charlatão. E esse é mais um vídeo que pelo menos eu não perderia meu tempo analisando.

    Qual o assunto do artigo mesmo?

  188. Nihil disse:

    Fungo criado por um designer que te ama.

  189. Franciscodog disse:

    Magno, o Design Inteligente não é considerado uma Teoria Científica pois não preenche suas pre-condições – não é falseável, por exemplo.

  190. Nihil disse:

    Mais uma criação do designer todo-poderoso de infinita sabedoria:

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Pr%C3%ADon

  191. Nihil disse:

    Magno, o Design Inteligente não é considerado uma Teoria Científica pois não preenche suas pre-condições – não é falseável, por exemplo.

    E ela é “alguma coisa”? Alguém já assistiu as palestras dos “dotôres” Adauto Lourenço e Nahor Neves? Em minutos se transforma em pregações religiosas. Aliás este segundo levou uma surra do Mário de Pinna que se eu fosse uma pessoa de bom coração sentiria pena, mas como sou muito mau ri da cara dele.

  192. LEx disse:

    Nihil,
    Desta vez você está me assustando também… rssss

    Esse lance de prion é coisa dos Iluminatis, onde já se viu… Chego a conclusão que essa raça que destroi o mundo foi criação dos iluminatis, é! Somos criações dos Iluminatis, aí o DI-MASTER criou esse monte de armadilhas da vida para Foo-der com a gente. É, tá explicado. A aberração MOR do planeta somos nós mesmos.

    PS: Exagerei na Dietilamida ontem.

  193. Rodrigo Aguiar disse:

    Com base na inteligência dos argumentos acima, há inúmeros indícios que nos levam a crer, que a “TE” não se relaciona com o “Criacionismo”.

    Pois o “Criacionismo” relaciona-se com a origem da vida, e a “TE” com a evolução das espécies.

    O “Criacionismo”, ao meu ver, não faz sentido sob o aspecto puramente científico, relaciona-se mas com um sentido filosófico, a do aparecimento do “homem” inteligente, a imagem e semelhança de “Deus”, que recebeu o poder de dominar todas as criaturas da Terra.

    “E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra”

    Por mais que você seja ateu, não há como negar que isto é verdade.

    Subjetivamente falando, a cognição humana, em relação aos outros animais lhe fez “deus” (ou o “diabo”).

    Este aspecto filosófico, deve ser respeitado.

    Afinal é um direito natural do homem ter sua liberdade para crer e pensar no que quiser, sem imposições de restrições ou ônus compulsórios que lhe deprecie sob o aspecto físico, moral ou intelectual.

    A ciência, não se relaciona com este aspecto filosófico, o cientista que entra neste campo, deixaria de realizar a ciência, e se tornaria apenas um religioso.

  194. Felipe disse:

    Agora tu forço a barra rodrigo aguiar…

  195. Felipe disse:

    “E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança; e domine sobre os peixes do mar, e sobre as aves dos céus, e sobre o gado, e sobre toda a terra, e sobre todo o réptil que se move sobre a terra”

    Tem muita coisa que deus disse, e a ciência já fez e inclusive refutou é a mesma coisa que dizer que a ciência aceita que a eva saiu da costela de adão…

  196. Rodrigo Aguiar disse:

    Felipe,

    Talvez você não tenha me entendido, eu disse que religião e ciência não se misturam.

    Mas já que você quer entrar nesta discussão “filosófica”, existe outro ser que “domina” a terra, que não seja o homem?

  197. Felipe disse:

    Ai tu entra no centralismo do homem, como era na idade média, onde todos acreditavam que a terra era o centro do universo…

  198. Rodrigo Aguiar disse:

    Felipe,

    Não importa muito quem está com a razão, o importante é que cada um cumpra o seu papel.

  199. Magno disse:

    Pô! Como voces distorcem os meus comentários. Daqui a pouco eu vou ser taxado de criacionista cristão católico (ou evangélico) e burro.

    Cada um entende um fato a sua maneira dependendo do seu gráu de conhecimento adquirido. O problema é que voces olham as perfeições ou imperfeições, tirando o homem como exemplo, como se tudo tivesse sido criado em prol do ser humano, não conseguem olhar todo o contexto. comigo é bem diferente; vejo o universo como um todo e que a natureza não está nem aí para o nosso bem estar específicamente.

    Quando citei o DI, apenas quis dizer que tudo que a natureza cria, não deixa margem para o acaso, tudo segue um cronograma e que nós somos uma diminuta peça nesse projeto.

    Quanto mais a ciência pende pro lado do acaso, mais mostra a incoerência do caos ter sido o fator primordial.

    Vamos comerçar pelo Big Bang. Uma explosão que resultou em um sistema totalmente ordenado e com leis matemática específicas e imutáveis.

    Depois vem os grupos minerais e orgânicos, todos mantendo um padrão de organização também específico.

    Aí pra finalizar, a nosso ciência diz: Na natureza nada se perde, nada se cria, tudo se tranforma.

    Se seguirmos passo a passo tudo que a nossa ciência mostra em relação a natureza, veremos que ela é inteligente por si só, cria projetos altamente complexos e funcionais e que ainda são “reciclados” no final.

    Tem uma citação que diz: Conhecemos o autor pela obra.

    Então, como podemos imaginar uma obra tão bem projetada sem uma “inteligência” por trás dela?

    VOU RESALTAR: NÃO ESTOU FALANDO DE DIVINDADE, ESTOU FALANDO QUE A NATUREZA É INTELIGENTE POR SÍ SÓ. POR ISSO CITEI O DI.

  200. Nihil disse:

    Felipe,

    centralismo do homem = Antropocentrismo

    LEx,

    Os Illuminatis estão criando uma bomba bio-química carregada de príons e pretendem jogá-la no Vaticano na Sexta-feira Santa. Ainda estão criando outra para jogá-la no Teerã.

    Cadê o Marcelo para denunciar?

  201. Felipe disse:

    Valeu nihil tava me fujindo a palavra…

  202. Felipe disse:

    Sempre quem defende a filosofia religiosa acaba no argumento falácioso.

  203. Nihil disse:

    Calma lá, Magno.

    1. Não existe “ordem” no Universo. Tudo que existe nele, inclusive o próprio, é contingente. Poderia ou não existir. E tão pouco passou a existir a partir de um “caos”. Toda essa visão e esses conceitos são subjetivos. Para a ciência isso é incoerente.
    2. Não há nada de inteligente na Natureza. Um parasita que mata o seu hospedeiro e consequentemente provoca a própria morte não é sinal de inteligência.

    Ou seja, só vimos subjetividade nessas afirmações. Nada mais. Falta o pragmatismo característico do método científico no DI.

  204. LEx disse:

    Nihil,
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Vão deixar o Osmão no chinelo…

    ___________________

    Enviado por Magno em 19 de abril 2011 às 10h56
    Pô! Como voces distorcem os meus comentários. Daqui a pouco eu vou ser taxado de criacionista cristão católico (ou evangélico) e burro.”

    rsssssssssssssssssssssssssssssss
    Niguém está distorcendo nada Brow…rsssss, não precisa ficar nervoso. rssssssss
    É que o fato de uma coisa dar certo naturalmente é sorte estatística, ou seja, uma hora tem que dar certo, e quando dá certo a galera diz que é “lógica”, mas claro que é, a lógica é absoluta e uma hora ela tem que acontecer.

    Outro detalhe, quem disse que as leis matemática são imutáveis? Não gosto de citar filmes, mas tu assistiu Contato com Jodie Foster? Eles mostram um lance bem legal a respetio da matemática, mais ou menos como funciona a “orbita de tags” aí do lado da tela. É uma comparação besta, mas a matemática não é absoluta, acho eu.

  205. LEx disse:

    FIXING:

    “Nihil,
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    Vão deixar o Osamão no chinelo…”

  206. Rodrigo Aguiar disse:

    Nihil,

    “Não há nada de inteligente na Natureza”

    Exceto o ser humano.

  207. Magno disse:

    “centralismo do homem = Antropocentrismo”

    Nihil, talvês voce não perceba, mas está me passando que segue essa linha.

    Voce cita:

    “Fora que temos o apêndice, que além de não servir para nada pode nos matar caso se infeccione.”

    Não é porque ainda não encontramos uma função para o apêndice, que ele seja totalmente inútil. Quem sabe voce mesmo não tenha respondido? Talvês essa seja exatamente a sua função. Nos matar, para servirmos de alimento para vermes, que serverião de alimento para outros seres e assim sucessivamente até chegar como alimento para nós, ou seja: Reciclagem.
    Ou talvês, como a própria TE reza, ainda não tenha sido totalmente descartada através da evolução.

    “Que tal um canal urinário entre as próstatas, um lugar altamente sensível e fácil de se infeccionar.”

    O canal está exatamente entre a próstata, para que ele seja fechado por ela na hora da cópula, evitando que a urina ácida mate os espermatozóide. Hum… Parece um projeto inteligente não?

    “Você sabia que há fungos que induzem a formiga ao suicídio?”

    Legal! Fungos com “inteligência”. Será que o fungo precisou de um cérebro pra ser “inteligente”?

    Nihil, acalme-se. Voce não esta debatendo com um fanático religioso.

  208. Rodrigo Aguiar disse:

    Magno, me desculpe.

    Quase Hitleriano.

    “Pô! Como voces distorcem os meus comentários. Daqui a pouco eu vou ser taxado de criacionista cristão católico (ou evangélico) e burro.”

  209. Magno disse:

    “É que o fato de uma coisa dar certo naturalmente é sorte estatística.”

    A natureza devia jogar na loteria.

    Vai ter sorte assim no inferno!

  210. Magno disse:

    Rodrigo Aguiar, acredito que não sou muito bom em comunicaçao, pois tento passar uma coisa e voces entendem outra.

  211. Nihil disse:

    “centralismo do homem = Antropocentrismo”

    Nihil, talvês voce não perceba, mas está me passando que segue essa linha.

    Obviamente, Magno. Mas isso não significa que ache que devamos destruir ambientes que ainda não sofreram ações antrópicas.

    Não é porque ainda não encontramos uma função para o apêndice, que ele seja totalmente inútil. Quem sabe voce mesmo não tenha respondido? Talvês essa seja exatamente a sua função. Nos matar, para servirmos de alimento para vermes, que serverião de alimento para outros seres e assim sucessivamente até chegar como alimento para nós, ou seja: Reciclagem.
    Ou talvês, como a própria TE reza, ainda não tenha sido totalmente descartada através da evolução.

    Para nós com certeza é inútil. E um corpo em decomposição pode contaminar o ambiente e prejudicar outros seres vivos e uma espécie prolifera como a nossa pode até aumentar o efeito estufa com emissões de metano provocado pela decomposição (eu sei que o apendicite não mata tanta gente!).

    O canal está exatamente entre a próstata, para que ele seja fechado por ela na hora da cópula, evitando que a urina ácida mate os espermatozóide. Hum… Parece um projeto inteligente não?

    Não. Podia-se fazer simplesmente mais afastada. Como disse, essa área é de fácilmente infecciosa. Por isso o canal urinário deveria passar longe. Ou você acharia uma boa idéia colocar um bebedouro do lado da privada?

    Legal! Fungos com “inteligência”. Será que o fungo precisou de um cérebro pra ser “inteligente”?

    Não. O fungo é burro mesmo. Quando a formiga morre ele vai pro beleléu junto com ela. Está certo que ele deixa os funguinhos, mas a vida dele poderia ser mais longa, né. E ele não fica mandando a formiga se matar, ele emite substâncias que fazem a formiga se matar, é como certas drogas que podem nos fazer mudar de comportamento, mas como as formigas têm cérebros simples fica fácil dela tomar esse tipo de atitude mais complexa. Se bem que as formigas são mais inteligentes que 99% dos orkuteiros… Mesmo com esses fungos na cabeça.

    Nihil, acalme-se. Voce não esta debatendo com um fanático religioso.

    Eu? Tô carminho, carminho. :) Você sabe que sou meio ácido nos comentários, muitas vezes cínico, mas nunca mal-educado.

  212. Magno disse:

    Debater com alguns aqui é perda de tempo.

    “A matemática não é absoluta, acho eu.”

    Estamos perdido cientificamente, pois a matemática era a única ciência exata que tínhamos.

  213. Nihil disse:

    A natureza devia jogar na loteria.

    Vai ter sorte assim no inferno!

    Sorte, também é subjetivo. Mas deixarei o pragmatismo um pouco de lado. Dê uma olhadinha, Magno.

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Extinção_em_massa

    Eventos puramente naturais, mas que por muito pouco não mataram o nosso tosco planetinha que orbita uma anã-amarela. Eu sei que se fossem essas extinções não estaríamos aqui (Ai! Como sou antropocêntrico!), mas já imaginou o que as pobres trilobitas, os dinossauros e mamíferos gigantes não passaram? Bem, hoje vemos que terremotos M 9 e tsunamis com mais de 30 metros nada são perto desses eventos. Aliás, isso prova que não passamos pelo pior ainda. Quando passar os veremos se há inteligência na Natureza mesmo ou se ela de fato foi projetada por algo inteligente.

  214. Nihil disse:

    pois a matemática era a única ciência exata que tínhamos.

    Física tradicional, engenharia e química também são exatas. Nada mudam, apenas são acrescidas algumas coisas.

    Bem, boiei nos meus próprios comentários. Vou dormir.

    Abraços!

  215. Magno disse:

    Nihil, voce conhece a estória do cara que queria corrigir a natureza?

    Ele começou mostrando vários erros da natureza e já cansado, sentou-se embaixo de uma jabuticabeira frondosa com seus frutos bem pequenos colados nos galhos, já no chão, tinha um pé de abóbora todo esparramado com seus frutos enormes presos nos seus ramos.

    Então ele pensou:

    Se eu tivesse projetado isso, teria colocado as abóboras nesse galhos grossos e as jabuticabas nesses ramos finos.

    Enquanto analisava os erros da natureza, ele adormeceu debaixo da jabuticabeira e depois de algum tempo, uma jabuticaba caiu bem no seu nariz. Com isso ele acorda assustado e diz: Realmente a natureza é sábia. Se fosse uma abóbora, a essa hora estaria morto.

    Se nós ainda não entendemos como surgimos, como poderemos questionar os métodos da natureza?

  216. Nihil disse:

    E se ele estivesse debaixo de um coqueiro ou de uma jaqueira e no chão tivesse um pé de morango?

    Viu só. Posso inverter a estória. Como já disse. Procurar inteligência na Natureza depende somente da subjetividade.

    Já me vou. Agora é para valer.

    Abraços a todos.

  217. LEx disse:

    “Debater com alguns aqui é perda de tempo.

    “A matemática não é absoluta, acho eu.”

    Estamos perdido cientificamente, pois a matemática era a única ciência exata que tínhamos.”

    Realmente! Ainda mais com quem não sabe ler.

  218. Felipe disse:

    A não quem disse que a matemática era unica ciência exata? dessa vez forçaram a barra demais…

  219. LEx disse:

    Não conheço o Magno, e tenho certeza que ele não me conhece, então, antes que vire guerra, vou mudar então o que disse, leia-se:
    “A meu ver a matemática como ciência é falha e incompleta.”

    Piorou, né?

    Mas veja bem:
    A diversas falhas na matemática como a conhecemos, por isso pagam milhões a quem decifrar os seus “mistérios”, o maior deles é a sequência de numeros primos, que se formam de maneira aleatória e sem sentido… Será mesmo? E se alguém achasse uma maneira diferente de ler essa ordem (não vale o lance do quadrado)? Aí vem o maldito argumento mediocre de 2 série primária: “Mas 2+2 sempre vai ser 4”. Depende a que se refere o primeiro par e em relação ao segundo. Por incrível que pareça a matemática atual é cheia de Dogmas e Diretrizes assim como uma religião. Eu sou completamente ignorante em matemática, não sei absolutamente nada, mas trabalho com números subjetivos a 25 anos e lhe garanto que muitas vezes o resultado engana a conta.
    Outro exemplo de Dogma é o fato de os ciêntistas acharem que a linguagem binária é entendível por qualquer civilização inteligente… Até onde sei, um desenho subjetivo passa muito mais informação do que uma série de sequências numéricas.

  220. Magno disse:

    Nihil, pelo amor de Tupã! Eu só citei uma parábola.

  221. Magno disse:

    Lex, fique tranquilo, já comprei um livrinho que vem com A, B, C, D, E…. E logo, logo aprenderei a forma sílabas e depois palavras.

    Quem sabe um dia não conseguirei chegar a sua sapiência?

  222. LEx disse:

    Magno,

    Você já ficou chato.

  223. Nihil disse:

    “Não há nada de inteligente na Natureza”

    Exceto o ser humano.

    Depois que conheci o Orkut e comecei a ler a páginas de comentários do Youtube também passei a duvidar da inteligência do ser humano. Nem comentarei o Twitter!

  224. Nihil disse:

    Magno, mas você citou a parábola com a intenção de mostrar a “inteligência” da Natureza. O autor dela esqueceu que quedas de cocos em Moçambique e Seychelles matam mais até que os tubarões.

    Bem, deixe para lá…

  225. Nihil disse:

    Marcelo,

    consultei o Guilherme de Occam e ele me disse para responder apenas o último comentário, porque nos outros você não disse nada com coisa alguma e falou coisas sem sentido fora de discussão.

    Morrer e viver faz parte do ciclo natural. Pouco importa se é um vírus, um coco, um projétil criado pelo homem.

    Sério?! Cara, você é um GÊNIO. Meus parabéns. Clap! Clap! Clap! Pode marcar sua passagem para a Suécia que você com certeza ganhará um prêmio Nobel.

    No fim todos morrem e isso é um fato natural e isso não indica falta de Sabedoria de Deus.

    Se considerasse que falta de sabedoria não é sinônimo de burrice concordaria com você.

    Há falta de sabedoria e soberba extrema em julgar que Deus não existe usando algo tão bobo como cocos assassinos.

    1º Dentro dessas pessoas “não sabias” e “extremamente cheias de soberba” inclui aquelas que inventaram um meio de dar acesso a Internet para civis como nós?
    2º A discussão não é “Ateísmo x Teísmo”, é “Design IdiotaInteligente x Teoria da Evolução”.
    3º Não neguei nenhum deus até agora. Mas nego que o Universo como um todo seja fruto de alguma inteligência. Ah, e sim, nego a existência de qualquer deus e depois me prove que você é mais sábio do que eu.
    4º Procure aí aonde quis provar a inexistência de Deus com “cocos assassinos”. Uma pessoa pode morrer até com casca de banana, filhote.

    ri ri ri

    Hahahahahahaha!
    _______________________________________________________________

    Como me divirto com ele. :)

  226. LEx disse:

    ÍRRÚÚUUuuuuu!!!

    O Marcelo voltou! Mais EMO do que nunca!

    “ri ri ri” é o fim da picada….!!!!

  227. Nihil disse:

    Talvez seja emo mesmo. Se prestar bem atenção na sua foto lembra muito algum membro dos Menudos.

    Não se reprima, não se reprima, não reprima, não se reprima!

  228. LEx disse:

    Nihil,
    Acho que estou ficando cada dia mais burro, véio…

    Só agora fui entender o lance do Corvo citado no melodrama EMO do Mister M.

    Cara, acho que na verdade está rolando um lance de paixão platônica aí…. kkkkkkkkkkkkkk

  229. Nihil disse:

    Cai fora, LEx! Se estiver se referindo ao meu avatar. Hahahahahahahaha!

    Prefiro o poema O Corvo, de Edgar Allan Poe. Muito mais sinistro. ;)

    Um conselho: se mora perto da praia saia de capacete. Os cocos assassinos podem estar a solta. Pelo menos o pessoal de Moçambique e Seychelles morrem com isso!

  230. LEx disse:

    ahahahah………

    Em 1985 eu estudava em um colégio gerido pela Santa Igreja, tinha umas 200 Freiras lá, sem exageiro, hoje não passam de 50, e no meio do pátio tinha (e ainda tem) uma monstruosa jaqueira, deve ser a maior árvore da cidade. Cara, quando aquelas jacas de 20Kg caiam, parecia chuva de rinocerontes, e por incrível que pareça, NUNCA atingiu ninguém, e eu nunca entendi o porque, segundo as Freias, a jaqueira estava lá para mostrar para as crianças que quem segue a Deus está protegido. Incrível, né? Esse é um dos poucos mistérios que nunca consegui explicar… Só sei que a galerinha ficava com dor no pescoço de andar pelo pátio olhando para cima, muitos de nós nem se arriscava a ir lá de baixo da jaqueira. Ou seria porque as jacas caiam na razão de 1 por dia e na época de férias? Sei lá… Estranho né?

  231. Joe disse:

    “FBI Amerciano”??????? E o proprietário do site se acha tão inteligente…

  232. Nihil disse:

    Provavelmente deve ser porque ninguém é besta de ficar embaixo dela. Alguém arrisca?

  233. Rodrigo Aguiar disse:

    Senhores,

    Alguém já ouviu falar de acerca de um crânio chamado de “Starchild”.

  234. Rodrigo Aguiar disse:

    Aqui tem, vou ler acerca.

  235. Rodrigo Aguiar disse:

    Li, não existe “Starchild”

  236. LEx disse:

    “Provavelmente deve ser porque ninguém é besta de ficar embaixo dela. Alguém arrisca?”

    Pois é….
    Já os cocos……

    PS: Fixing:
    “…NUNCA atingiu ninguém…”
    “…NUNCA atingiu alguém…”
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  237. LEx disse:

    Rodrigo Aguiar,

    Brother… Muito loco esse lance….

  238. Felipe disse:

    Starchild já foi refutado e compravado que era falso ah muito tempo é só procurar no google.

  239. Felipe disse:

    apostas para 2012, arrebatamento, niburu, caos, illuminati… façam suas apostas.

    Se esqueci de algum é só fala.

  240. Mach disse:

    “Enviado por Magno em 19 de abril 2011 às 11h57
    “É que o fato de uma coisa dar certo naturalmente é sorte estatística.”
    A natureza devia jogar na loteria.
    Vai ter sorte assim no inferno!”

    Magno, o problema é que você olha para o resultado, uma espécie inteligente e um ambiente em que você identifica alguma harmonia, e quer acreditar que isso surgiu de forma planejada e ordenada, enquanto, pelo que você já demonstrou compreender, só é possível concluir que não foi assim. Foram uma infinidade de erros para muito poucos acertos. E você sabe disso.

    Não estamos falando de estatística com números de loteria aqui, estamos falando de números astronômicos. Pense só na quase infinidade de planetas no universo que não “deram certo”, não atingiram as condições para suportar a vida. Pelo menos um planeta tinha que chegar lá. E aí você aponta para o único planeta bem sucedido que você conhece e diz que ele surgiu de forma planejada.

    E quanto as incontáveis espécies que não prosperaram. Elas surgiram, viveram por um tempo e depois não suportaram as mudanças ambientais e foram extintas. E de novo você aponta para a única espécie que foi capaz de desenvolver inteligência suficiente para se achar melhor do que as outras e diz que ela fez parte de um plano.

    E quanto a um enorme número de aminoácidos se chocando e se agrupando. Se você considera que é possível eles se agruparem em uma estrutura ainda não tão complexa capaz de simplesmente se replicar, iniciando um processo de seleção natural que resultaria na primeira célula viva, (repito) se você considera que isso é possível, não seria lógico dizer (como disse o LEx) que uma hora teria que acontecer? Mesmo que para isso levassem 2 bilhões de anos?

    Não estamos falando de milhares de tentavas, nem mesmo de bilhares de tentativas. Você consegue imaginar a quantidade e erros que aconteceram para um único e miserável acerto? É difícil para nós, com nosso cérebro imperfeito, calcular intuitivamente com números muito grandes. É só ver a quantidade de pessoas que perdem dinheiro e tempo com loteria, mesmo sabendo que as chances estatiscas são ridículas. Mas em uma coisa os jogadores tem razão: “Alguém tem que ganhar, porque não eu?” (porque não o planeta Terra? Porque não aquela sequência de aminoácidos? Porque não um primata?)

    Você quer que os cientistas admitam que é impossível chegarmos ao universo que temos hoje sem o projeto de um ser inteligente, quando na verdade, todas as evidências apontam que é possível.

    Você está certo em dizer que não cabe a ciência dizer se existe ou não um Deus sondando ou mesmo agindo no universo. O que a ciência pode dizer com que ela sabe hoje em dia, é que é possível que tudo o que conhecemos tenha chegado ao que é hoje de forma aleatória e sem a presença de uma inteligência superior. E se algum Deus existe, ele não precisou mover uma única palha cósmica.

  241. LEx disse:

    Mach em 20 de abril 2011 às 15h27,

    Vixê-Maria… Minha linha de raciocíonio é essa, mas não consigo explicar assim, acaba virando confusão.

    Esse lance de Deus… Se realmente um Deus agisse sobre nós, as Leis da Física/Química não valeria, pois ele faria o que bem entendesse da maneira que quisesse e sem avisar. Não vale citar o lance da Água e do Vinho, aquilo era Tang.

  242. Lucas disse:

    Incrível como as pessoas tem uma visão infantil dobre Deus, de que é um velho de barba branca sentado na nuvem, que tem raciocinio humano e ultrapassado.
    Deus não é igual a “deuses gregos”.
    Todos eles tem defeitos que são mais que humanos, a única diferença é que eles tem algum poder “sobrehumano”.
    Deus, para mim, é algo inexplicavel, e nunca poderemos explicar. É algo grandioso e infinito, nos somos muito “fracos” mentalmente para entender.
    O ser humano é muito ignorante, egoista, egocêntrico e orgulhoso.
    Agora me digam, porque Deus iria “acabar com o mal”, qual o sentido disso, sendo que nós nem sabemos porque estamos aqui e nem sabemos quem somos.
    Idenpendente de religião, Deus existe, quer você queira ou não.

  243. João Santos disse:

    Com relação ao apêndice, os cientistas o consideravam um órgão vestigial cuja função teria sido perdida, “seria um fóssil no nosso abdômen” – isso validaria a ideia da adaptação do organismo aos padrões alimentares através dos tempos. Mas pesquisas recentes divulgaram que serve como depósito de bactérias que auxiliam a digestão e células linfóides que produzem anticorpos, auxiliando na defesa do organismo, isto é, o apêndice no passado foi importante mas hoje em dia tem um papel desprezível ou nulo.
    O dente do siso segue o mesmo raciocínio, isto é, um elemento que está perdendo sua função paulatinamente.

  244. Magno disse:

    Mach, até que enfim alguém com um comentário inteligente, mesmo sendo contrário ao meu.

    Em primeiro lugar, nunca disse que não cabe a ciência dizer se existe ou não um Deus sondando ou mesmo agindo no universo. Voce me confundiu com alguém.

    2º- Não levanto a bandeira de Deus nenhum.

    3º- Não dá pra dar total crédibilidade a tudo que nossa ciência explica, tanto sobre a origem da vida, como em relação ao universo. Se eu fizesse isso, só estaria troca a minha fé (se tivesse) em um deus, para acreditar categoricamente no que os nossos cientista dizem, se sequer questioná-los. Ou seja, seria um crente e não um cético.

    4º- Quem me garante que não existe vida em outros planetas? Não estou afirmando que existe, mas se até a explicação dada para a gravitação não me faz lógica, por que acreditaria no resto?

    5º- Algum de voces pode comprovar por meios próprios que a terra tem seis bilhões de anos de existência e que nesse período todo nunca existiu algum tipo de ser vivo mais evoluido que o homem? Repito: Por meios próprios, não pelo o que ouviram dizer atravéz das experiências cietíficas feitas por outras pessoas que voces nem conhecem.

    6º- Já deixei claro que só tomo como uma possível verdade, aquilo que me fizer lógica, independente da fonte.

    Abs.

  245. Magno disse:

    Valeu, João Santos. Gosto quando o debate toma o rumo de seriedade.

  246. João Santos disse:

    A maioria dos vírus são inofensivos, outros são malditos e há um deles – o ERV – cujos genes foram integrado ao nosso DNA para impedir que o embrião seja atacado pelos anticorpos da mãe. Quem diria, um vírus protetor da prole.

    Fungos: há os que servem de alimento, os que matam e os que salvam vidas – por exemplo, os antibióticos à base de penicilina. Sabemos que atualmente a toxina botulínica tem sido usada em tratamentos da beleza facial – as mulheres não dispensam. Um outro fungo está sendo utilizado para devorar barbeiros – inseto transmissor da doença de chagas.

  247. João Santos disse:

    Qualquer vida implica no sacrifício de outras vidas e recursos naturais. A mesma natureza que dá a vida também se encarrega de criar predadores, mantendo o equilíbrio das espécies – todos já nascem com uma sentença de morte. O predador não tem piedade da sua comida, inclusive os humanos também não costumam perguntar aos bois ou às galinhas como se sentem antes de serem degolados, nem às baleias antes de serem arpoadas. Os filhotes das focas continuam sendo mortos a pauladas para não estragar a matéria-prima do casaco de vison das madames. O pobre cervo almiscarado padece tirturas incríveis, apenas para lhe extraírem o almiscar. Mas, a humanidade, a despeito das doenças e flagelos, continua sem controle, somos quase sete bilhões, por isso a maior infecção da Terra é a humanite aguda.

  248. João Santos disse:

    Enfim, a natureza nos apresenta um monte de enigmas, mas nos dotou de raciocínio, para seguir no encalço das respostas que ela mesma proporciona, e dessa forma evoluimos cientificamente. Só não vejo vantagem em acumular conhecimento científico sem o crescimento simultâneo da ética e da fraternidade. Porque não acredito em verdadeira sabedoria sem moralidade e sem bondade.

  249. Magno disse:

    Nihil, voce diz;

    “Magno, mas você citou a parábola com a intenção de mostrar a “inteligência” da Natureza.”

    Procure saber o que significa a palavra “parabola”.

    Entenda que Inteligência não é sinônimo de sabedoria.

    Até o ato de pegar o teclado e escrever bobagem, mostra inteligência, mas não sabedoria.

    O próprio suicídio, é um ato de inteligência, mas também não é sabedoria.

    Se voce chegar numa floresta e no meio das arvores que nasceram desordenadas, voce encontra duas fileiras arvores em linha retas, com o espaçamento igual entre elas, logo voce imaginará que alguem as plantou, denotando que houve uma ação de inteligência, mas não irá pensar que quem as plantou era uma pessoa sábia.

    Portanto, não confunda inteligência com sabedoria.

  250. Magno disse:

    Já aqui voce diz

    “Provavelmente deve ser porque ninguém é besta de ficar embaixo dela. Alguém arrisca?”

    Já não ficar debaixo de uma jaqueira, é um ato de sabedoria.

  251. Franciscodog disse:

    Magno

    “Em primeiro lugar, nunca disse que não cabe a ciência dizer se existe ou não um Deus sondando”
    COncorde, a existencia ou não de divindades não é uma questão a ser respondida pela ciência

    “ou mesmo agindo no universo”
    Caso qualquer divindade atue interferindo no universo conhecido essa ação pode ser escopo da ciência. Isso vale para qualquer assunto “supranormal”

    “2º- Não levanto a bandeira de Deus nenhum.”
    Também acho uma questão de foro pessoal

    “3º- Não dá pra dar total crédibilidade a tudo que nossa ciência explica, tanto sobre a origem da vida, como em relação ao universo. Se eu fizesse isso, só estaria troca a minha fé (se tivesse) em um deus, para acreditar categoricamente no que os nossos cientista dizem, se sequer questioná-los. Ou seja, seria um crente e não um cético.”
    Na essência você está correto, faz parte do cerne da Ciência que todas as informações por ela descritas podem e devem ser questionadas. Só ressalto que determinadas afirmações científicas são muito bem embasadas, cabendo a quem delas discordam provar sua “falseabilidade”.

    “4º- Quem me garante que não existe vida em outros planetas?”
    Ninguém da parte científica afirma isso, mesmo porquê não há como provar tal negativa.

    “Não estou afirmando que existe, mas se até a explicação dada para a gravitação não me faz lógica, por que acreditaria no resto?”
    Como diversos outros conhecimentos científicos certas noções são contra-intuitivas, o que não significam serem falsas. O fato do tempo se alterar com a velocidade é ainda hoje para mim difícil de “engolir”, vai contra todo o senso comum. Porem as Teorias da Relatividade versam sobre isso. Eu não posso te “provar” que é assim, mas se você não fizer a correção do tempo em satélites artificiais os aparelhos não funcionam direito.

    “5º- Algum de voces pode comprovar por meios próprios que a terra tem seis bilhões de anos de existência”
    Sem um grande laboratorio de ciências ninguém pode, nem os melhroes geólogos

    “e que nesse período todo nunca existiu algum tipo de ser vivo mais evoluido que o homem?”
    Cabe a quem faz tal afirmativa mostrar evidências sobre a existencia desse ser, e não aos outros provar que ele não existiu

    “Repito: Por meios próprios, não pelo o que ouviram dizer atravéz das experiências cietíficas feitas por outras pessoas que voces nem conhecem.”
    COm esse critério acho que podeíamos provar muita pouca coisa não? Digo toda física não newtoniana, bioquímica avançada, geologia (além do curso básico) e daí por diante.

    6º- Já deixei claro que só tomo como uma possível verdade, aquilo que me fizer lógica, independente da fonte.

  252. Franciscodog disse:

    Magno, deixei por último e em separdo esse seu comentário

    “6º- Já deixei claro que só tomo como uma possível verdade, aquilo que me fizer lógica, independente da fonte.”

    Novamente estamos conversando sobre Epistemiologia. A acerção da Verdade pela lógica NÃO é mais utilizada pois não é a melhor maneira de compreendermos o universo que nos cerca. Isso mudou há muito tempo, vide Popper.
    Diversas informações cientificas são contra-intuitivas e confrotam o nosso “bom senso”.
    O fato de determinado assunto possuir lógica não significa que é verdadeiro.
    Atualmente utilizamos o Método Científico para fazer tal perscrução.

  253. João Santos disse:

    Franciscodog, o Magno esclareceu muito bem, sob “critério particular dele”, o que aceita como “POSSÍVEL” verdade, isto é, ele aceita a LÓGICA como uma ferramenta para direcioná-lo, sem fazer viagens sofisticadas, nem recitar escolas filósofícas, como pessoa simples que é. Já o Método Científico é impessoal, não subjetivo.

  254. Otto Pessanha disse:

    Essa vai pro João Santos e pro Magno, divido em partes.

    João –

    Bom, eu ouço sempre a história de que somos um virus, que infestamos o planeta e etc. Fora o “Bom Senso” quais evidências temos de que isso não seja o natural? Qual civilização humana você tira como exêmplo para dizer que estamos indo no “caminho errado”? Essa é exatamente a natureza humana, é assim que ela se apresenta durante a história, é isso que a única humanidade que eu conheço faz, como dizer que isso não é natural? Na verdade o que fazemos com o planeta é a própria definição do natural.
    Talvez mudar “a ordem natural das coisas” seja a idéia de alguns humanos, talvez ela (a idéia)até venha a acontecer. Mas isso não deixará de ser a “ordem natural das coisas”.
    Isso é um conceito complicado. Vou deixar você digerir isso antes de entrar mais nesse quesito.

    Magno –

    Tudo bem, pode dizer que é o que você acredita e ponto final tá ótimo, sem problemas. Mas não é assim que as coisas funcionam, independente de você gostar ou não. Quanto a desafiar as pessoas a provarem uma suposição improvável baseada numa hipótese que você mesmo levanta, realmente, cabe a você provar isso.

  255. Magno disse:

    Ai, Ai. Isso tá ficando repetitivo.

    Franciscodog, não entendi a primeira parte do seu comentário, apenas disse ao Match que ele me confundiu com outra pessoa, não fui eu que citou aquilo.

    O engraçado é que voces me fazem diversas afirmações “ciêntifica” como se eu não as conhecesse e no final quando faço minhas ingações sou eu que tenho que provar que eles estão errados?

    Indagações não são afirmações! quem tem que provar alguma coisa é quem afirma. Observe que quase não faço afirmações, a não ser quando tenho certeza.

    Falei que a gravitação ensinada científicamente não me faz lógica, ou seja, a gravidade do sol e a força centrífuga da terra forma o equilíbrio para que a terra se matenha na sua orbita.

    Quando digo que não faz lógica, é porque só essas duas forças atuando, implicaria numa estabilidade muito sensível e que qualquer variação, faria com que a terra fosse de encontro com o sol, ou se perder no espaço. Sem falar que não era possível uma orbita elíptica. Portanto, essa explicação não é plausível.

    Tenho outra explicação bem mais plausível, acredito na possibilidade dela estar correta, mas mesmo assim, não afirmo isso. É uma possível verdade, entendeu?

    “Com esse critério acho que poderíamos provar muita pouca coisa não?”

    Concordo! Mas como posso afirmar uma coisa que não tenho certeza? Por isso digo “possível verdade”.

  256. Magno disse:

    João Santos, voce me entedeu razoavelmente bem.

  257. Magno disse:

    “Tudo bem, pode dizer que é o que você acredita e ponto final tá ótimo, sem problemas.”

    Não falo nesses termos. Digo que não posso afirmar ou negar, a menos que eu tenha certeza. Quem quem acredita sem questionamentos são voces.

    “Quanto a desafiar as pessoas a provarem uma suposição improvável baseada numa hipótese que você mesmo levanta, realmente, cabe a você provar isso.”

    1º- Não é um desafio. Só estou querendo mostrar que estão fazendo afirmações baseados nas experiências de outros.

    2º- Se eu estou fazendo perguntas, o que é que eu tenho que provar?

    Eu só estou dizendo que a natureza segue um padrão de organização. Então, se existe uma organização, existe um padrão de inteligência.

  258. Magno disse:

    Franciscodog, voce cita Karl Popper como exemplo em seu comentário, mas vejamos o que ele achava:

    “Para Popper a verdade é inalcançável, todavia devemos nos aproximar dela por tentativas. O estado atual da ciência é sempre provisório. Ao encontrarmos uma teoria ainda não refutada pelos fatos e pelas observações, devemos nos perguntar, será que é mesmo assim ? Ou será que posso demonstrar que ela é falsa?”

    Ele criou o termo “Racionalismo Crítico” para descrever a sua filosofia. Esta designação é significante e é um indício da sua rejeição do empirismo clássico e do observacionalismo-indutivista da ciência, que disso resulta.”

    Qual a diferença entre o pensamento dele e o meu?

  259. Nihil disse:

    “Quando digo que não faz lógica, é porque só essas duas forças atuando, implicaria numa estabilidade muito sensível e que qualquer variação, faria com que a terra fosse de encontro com o sol, ou se perder no espaço. Sem falar que não era possível uma orbita elíptica. Portanto, essa explicação não é plausível.”

    Você já sobre as três leis de Kleper?

    Falando sobre o comentário direcionada a mim.

    Magno, sobre a inteligência e a sabedoria serem diferentes isso eu sei. Se os meus comentários deram a entender que confundi os dois, tudo bem. Interprete-os como melhor entender e desculpe-me pelos possíveis erros.

    Mas, parece que você ainda não entendeu o que eu quis dizer. Na Natureza não existe inteligência ou burrice. Esses conceitos são nossas interpretações, ou, para simplificar, são puramente conclusões subjetivas, geralmente a priori ou posteriori. É isso que quis dizer. Mesmo que possamos encontrar, por exemplo, colunas rochosas aparentemente modeladas em ângulos retos isso não prova que foi uma inteligência que modelou as colunas. Isso será apenas uma interpretação do que você vê.

  260. Magno disse:

    Nihil, o que tem a ver, as tres leis de Kepler com o que eu disse?

    Mas já que voce citou Kleper, vamos citar também Newton.

    Em 1687, Newton publicou os Principia, onde explica as forças que agem sobre os planetas devido à presença do Sol:

    “Da primeira lei de Kepler que a força que age constantemente sobre o planeta tem sua linha de ação passando pelo Sol, para o qual é dirigida. Portanto o Sol tudo atrai.”

    Bom, ele fala de uma força age sobre os planetas e essa força passando pelo sol, faz o sol “atrir” tudo.

    Mas que tal essa explicação;

    “Para a ciência, o sol é o centro do sistema planetário — o que não é verdade. A Via Látea é um imenso campo magnético. Porém, dentro de um campo há outros secundários.
    O nosso campo magnético, dentro do qual se movem o Sol e os planetas, já foi matematicamente demonstrado por Herschel e Newton, quando acharam o ponto de equilíbrio do sistema, distando do sol três vezes o seu diâmetro devido à relação de 1/700 das massas dos planetas em relação ao Sol. Este faz um movimento de translação em torno desse ponto.
    Convém seja frisado que é falso dizer-se que a matéria atrai a matéria na razão direta das massas e no inverso do quadrado das distâncias. A matéria, havendo sofrido a interação atômica, torna-se neutra perante a outra matéria distante. Entretanto, os campos magnéticos se atraem ou repelem, e mesmo a matéria pode ser atraída por um campo. A Terra sofre uma atração para esse ponto magnético do nosso sistema, ao qual podemos denominar ponto zero. Ao mesmo tempo em que esse ponto a atrai, ela sofre a repulsão da luz solar, equilibrando-se na sua órbita entre as duas ações (atração e repulsão).”

    Bom, um diz que o sol atrai a terra, já o outro diz que o sol repele a terra devido o peso da luz solar. E aí, como ficamos?

  261. Magno disse:

    Nihil, quanto a questão de achar que voce não diferenciou inteligencia de sabedoria, reveja os seus comentários.

  262. Nihil disse:

    Você consultando muito a mecânica clássica, Magno.

    Como estou meio sem tempo, dei uma pesquisada sobre o movimento de translação e encontrei isso.

    Sobre o segundo comentário, deixe para lá.

  263. Magno disse:

    Nihil, o seu link não abril. Poste de novo.

  264. Nihil disse:

    Estranho. Ficou laranja como se tivesse um link na palavra mas não tem link nenhum… Será que errei o código? :/

  265. Magno disse:

    Nihil, valeu pelo link, mas não encontrei nenhuma novidade nele.

  266. Nihil disse:

    Foi o melhor que encontrei. Maiores informações só em outro idioma ou vasculhar mais e em outros lugares como numa biblioteca.

    De qualquer forma não era sobre isso que conversávamos. Mais tarde c

  267. Nihil disse:

    Foi o melhor que encontrei. Maiores informações só em outro idioma ou vasculhar mais e em outros lugares como numa biblioteca.

    De qualquer forma não era sobre isso que conversávamos. Mais tarde continuamos.

    Abraços!

  268. Arilson disse:

    Você deveria estudar mais antes de sair por ai divulgando ação de golpista, eles sempre existiram, ou será que toda merda que se fará sobre os supostos Grey é verdadeira!
    Caçadores de Ovnis sem duvida foi a melhor série investigativa! Não importa se é uma notinha de jornal ou não você deveria se perguntar se caso visse uma queda de ovni alguem acreditaria em você?

  269. LEx disse:

    “Ai, Ai. Isso tá ficando repetitivo.” [2]

    Arilson em 22 de abril 2011 às 21h56,
    Oh! No… +1

  270. Nihil disse:

    Alguém me passa o capacete de papel alumínio, por obséquio.

  271. Paulo disse:

    Magno, parabéns pelos comentários.Parece que por mais que vc explique-os, alguns não o entendem. Eu,com meus poucos conhecimentos físicos,consigo captar a essência do que vc quer transmitir, sem radicalismos extremos, ou seja, nem fanático pela ciência, nem descrente dos “mistérios da vida”.
    Einstein, cultuado pela maioria dos cientistas e céticos deste site, já dizia: “Deus não joga dados com o universo”. Afirmação “estranha” para um cientista, não??
    Abraços!

  272. Otto Pessanha disse:

    Bom, refutar o Magno eu já desisti, dado que ele pega tudo de dado que se mostra contra ele e simplesmente distorce um pouco pra se ajustar ao que ele defende. Me dou por vencido.

    Mesma coisa fez o Paulo, que aqui eu faço questão de explicar a frase “Deus não joga dados com o universo.”

    O que Einstein quis dizer com essa frase é que as coisas no universo não são regidas por acaso, ou chances, as coisas são extremamente precisas na forma que elas acontecem. Einstein escreveu isso para mostrar que o universo está sujeito a forças e leis que regem os seus movimentos. Essa frase não é sobre deus, é sobre a precisão universo.

    Quer outra frase de Einstein,uma que sim, fale de deus?
    “A palavra deus é para mim nada mais do que a expressão e produto da fraqueza humana, a bíblia uma coleção de honoráveis, mas ainda assim lendas primitivas que não são nada mais do que extremamente infantis. Nenhuma interpretação não importa o quão astuta pode (para mim) mudar isto”.

  273. Magno disse:

    Obrigado, Paulo.

    Já tentei explicar várias vezes, que não se trata de acreditar em divindades, mas também não consigo acreditar que fatos aleatórios (ou casuais), tenham desencadeado tantos sistemas complexo ligados entre si de tal maneira, que passaram a ter a dependêcia um do outro.

    Não vejo a natureza como um projeto sábio, mas vejo a natureza com uma articulação tão bem elaborada que por si só, já denota inteligência.

    Alguns de nossos amigo que debatem aqui, gostam de frisar que um crente está tão convícto de suas crenças, que não aceitam uma opinião contrária, mas eles mesmos, também não se dão ao trabalho de examinarem um trabalho científico que tenham taxado de pseudo-ciência. Apenas ficam repetindo a ciência convencional, sem procurarem ver se aquilo é plausível, porque um fulano de tal que recebeu um Nobel achou que era.

    Resumindo: Não sou crente convicto, nem no cricionismo e nem no evolucionismo,

  274. Magno disse:

    Otto Pessanha, por favor me mostre onde eu distorci algum dado. Já eu acho que nesse seu último comentário, voce é que distorceu os meus.

    Essa frase do Einstein que voce cita, é exatamente o que eu penso, menos a conclusão, porque se mostrarem uma interpretação (ou argumento) que seja plausível (não astuta), irei toma-la como uma possível verdade.

    Agora se os seus argumentos não foram forte o bastante para mudar a minha maneira de pensar, me desculpe, mas sou assim mesmo, como já expliquei anteriormente.

  275. Magno disse:

    Continuando, Otto Pessanha.

    Para corrigir o Paulo, voce diz que o que Einstein quis dizer com essa frase é que as coisas no universo não são regidas por acaso, ou chances, as coisas são extremamente precisas na forma que elas acontecem. Einstein escreveu isso para mostrar que o universo está sujeito a forças e leis que regem os seus movimentos. Essa frase não é sobre deus, é sobre a precisão universo.

    O engraçado, é que é exatamente o que venho dizendo, mas estão sempre discordando de mim, só que não vi, até agora, ninguém discordar do Einstein. Será pre-conceito?

  276. Alberto Fabiano disse:

    Otto,

    Discordar de Einstein é tabu que poucos tem coragem, ele bebeu na fonte de dois gênios (Henri Poincaré e Hendrik Lorentz) e fez sua lição de casa com maestria.

    Porém algumas experiências tem mostrado que pode haver algum erro na constante da velocidade da luz, portanto é uma discordância de Einstein.

    []s

  277. Nihil disse:

    Magno, o que é inteligência para você?

  278. Nihil disse:

    Ah, não confundir pré-conceito com preconceito. Pré-conceito é a causa do preconceito.

  279. Magno disse:

    Nihil, o conceito de inteligência é muito amplo.

    No caso em questão, estou me referindo a capacidade de planejar.

  280. Magno disse:

    Nihil, onde foi que eu errei?

    Fazer juizo de alguêm, antes de conhecê-lo é um PRE-CONCEITO.

  281. Otto Pessanha disse:

    Eu tinha falado que não iae mais responder ao magno, mas como é só pra apontar uma coisa, faço uma excessão.

    Você citou Popper pra validar a sua filosofia, mas Popper postulou muita coisa sobre exatamente o funcionamento da ciência que você tanto refuta. O princípio da falseabilidade é um exemplo. Popper falar que a ciência precisa poder serio falseavel, todo conhecimento científico tem que poder ser posto a prova. Pode e deve. Mas pelo método cientifico, não por métodos intuitivos. Sem você ler Popper ao invés de citar apenas uma frase deles pra validar o seu ponto, vai entender que Popper propõe exaramente que se acredite na ciência até que sem prove o contrário mas, ao mesmo tempo, que sem tente provar o contrário, pois assim a ciência evolui.

    Ja sobre o comentário do Alberto Fabiano, eu não entendiv bulhufas. Eu só mostrei que o Paulo citou Einstein erroneamente. Em momento algum eu falei que Einstein era inquestionável. E ao contrário do que sem acha, questionar Einstein é perfeitamente válido. Vide o que popper disse. Só se deve fazê-lo pela ciencia, não por achismos. Alguns cálculos atuais de astrofísica só são possíveis pq ast teorias de Einstein foram refutasas. (algumas, não todas)

  282. Magno disse:

    Otto Pessanha, voce continua trocando seis por meia dúzia.

    – O método científico é um conjunto de regras básicas para desenvolver uma experiência a fim de produzir novo conhecimento, bem como corrigir e integrar conhecimentos pré-existentes. Na maioria das disciplinas científicas consiste em juntar evidências observáveis, empíricas (ou seja, baseadas apenas na experiência) e mensuráveis e as analisar com o uso da LÓGICA. Para muitos autores o método científico nada mais é do que a lógica aplicada à ciência.

    – A metodologia científica tem sua origem no pensamento de Descartes, que foi posteriormente desenvolvimento empiricamente pelo físico inglês Isaac Newton. Descartes propôs chegar à verdade através da dúvida sistemática e da decomposição do problema em pequenas partes, características que definiram a base da pesquisa científica.

    – Popper argumentou que a teoria científica será sempre conjectural e provisória. Não é possível confirmar a veracidade de uma teoria pela simples constatação de que os resultados de uma previsão efectuada com base naquela teoria se verificaram. Essa teoria deverá gozar apenas do estatuto de uma teoria não (ou ainda não) contrariada pelos factos.

    O que a experiência e as observações do mundo real podem e devem tentar fazer é encontrar provas da falsidade daquela teoria. Este processo de confronto da teoria com as observações poderá provar a falsidade da teoria em análise. Nesse caso há que eliminar essa teoria que se provou falsa e procurar uma outra teoria para explicar o fenómeno em análise. Em outras palavras, uma teoria científica pode ser falsificada por uma única observação negativa, mas nenhuma quantidade de observações positivas poderá garantir que a veracidade de uma teoria científica seja eterna e imutável.

    Falseabilidade, falsificabilidade ou refutabilidade é um conceito importante na filosofia da ciência (epistemologia). Para uma asserção ser refutável ou falseável, em princípio será possível fazer uma observação ou fazer uma experiência física que tente mostrar que essa asserção é falsa.
    (Fonte: Wikipédia)

  283. Magno disse:

    “Ja sobre o comentário do Alberto Fabiano, eu não entendiv bulhufas.”

    Otto, acredito que o Alberto Fabiano trocou os nomes. Creio que o seu comentário era direcionado a mim.

  284. Nihil disse:

    Mau me ausento e já fica uma bagunça. Falávamos sobre evolução e já estão falando de física quântica. Na boa, aqui todos somos leigos (ou quase). Não vamos desviar o assunto para águas tão profundas. Para mim a Teoria da Evolução é mais fácil até porque já estudei um pouco de geologia, mas desse jeito fica difícil. Voltaremos ao assunto?

  285. Nihil disse:

    Mal me ausento e já fica uma bagunça. Falávamos sobre evolução e já estão falando de física quântica. Na boa, aqui todos somos leigos (ou quase). Não vamos desviar o assunto para águas tão profundas. Para mim a Teoria da Evolução é mais fácil até porque já estudei um pouco de geologia, mas desse jeito fica difícil. Voltaremos ao assunto?

  286. Nihil disse:

    Desculpe o erro na primeira palavra. MAL acordei ainda… :P

  287. Nihil disse:

    Magno, esqueceste do Guilherme de Occam e a sua poderosa navalha. Ele contribuiu muito para o método científico. Mas a Falsealidade Popperiana também é fundamental.

    Baseando-se no método científico e Falsealidade Popperiana, Popper chegou a dizer que a Teoria da Evolução não era “ciência de verdade” e “confirmada” mas mudou de idéia pouco depois.

    http://www.scielo.org.ve/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0378-18442009000500013&lang=pt

  288. Magno disse:

    Isso é que é um paradóxo, um frade franciscano, sendo o ídolo dos céticos.

    Veja aí Nihil, o que ele pensava, o significado e os erros na aplicação da tão famosa “navalha de ockhan”

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Guilherme_de_Ockham

  289. Nihil disse:

    Ceticismo nada tem a ver com religião, Magno. E cético não precisa ser antirreligioso. E outra ele não é ídolo, é apenas alguém que criou uma ferramenta prática e muito bem reconhecido.

    Sim, a Navalha de Occam pode ter falhas, como qualquer idéia, mas esqueceu que o próprio cartesianismo também possui falhas. O próprio Descartes, por exemplo, acreditava que animais não sentem dores…

  290. Fabio disse:

    Peraí.Comecemos pelo comneço: existiu mesmo o tal Guy Hottel aí?

  291. Magno disse:

    Mas é o que falo, Nihil.

    Eu não entendo essa convicção que a maioria tem na veracidade do que se diz “científico.

  292. Franciscodog disse:

    Descupem todos pela minha ausência mas estou envolvido num embate hercúlio com o Leão.
    Assim que tiver tempo voou tentar postar aqui.
    Abraços

  293. João Santos disse:

    Oto Pessanha, estava um pouco ocupado. “Acho” que entendi o seu raciocínio, a resposta é que não é simples.

    Só sei que nos diferenciamos como sociedade humana a partir das escolhas que fazemos dentro desse “natural”. Por exemplo, no caso de duas propostas, se uma delas fosse transformar o Saara em floresta e uma outra fosse transformar a Amazônia em deserto, ambos os processos “mudariam a ordem natural das coisas” para realidades diferentes. Entretanto o “caminho errado” ou o “caminho certo” dependeria muito do que se quisesse atingir.

    No mesmo sentido, se desejamos sobreviver e se dependemos de recursos naturais finitos, na gestão dos mesmos, cada nação poderia considerar uma política de planejamento familiar, para racionalizar o contingente que promove seu exaurimento e/ou sua degradação. A China apenas adotou uma política do controle da natalidade, mas não controla a emissão de gases poluentes etc. Já a Índia não parece adotar qualquer política para coisa alguma. Então podemos comparar as diversas ” humanidades” e aprender como as escolhas de cada uma implicaram na qualidade de vida das pessoas e na degradação do planeta como um todo.

    Também faz parte do conjunto universo da natureza humana, dentre outras coisas: a pedofilia, o homicídio, a escravidão, o infanticídio, o amor, a compaixão, a gratidão, a caridade etc. Penso que as nossas escolhas é que vão definir o que queremos consolidar. No hipótese de sermos uma proposta natural nesse universo, onde será que cada sociedade humana deseja chegar?

    “POR FAVOR, PODERIA ME DIZER QUE CAMINHO DEVO SEGUIR AGORA?
    ISSO DEPENDE BASTANTE DE ATÉ ONDE VOCÊ QUER CHEGAR.”
    Lewis Carrol – Alice no País das Maravilhas

  294. Franciscodog disse:

    Bom de volta.

    Magno, Popper foi um dos filósofos de maior importância para a Ciência num todo e para a Epitemiologia.
    A flaseabilidade popperiana é um contraponto marcante ao pensamneto cllássico da “busca da Verdade”.
    Filósofos naturalistas como os gregos e muitos depois deles achavam que através dos métodos indutivos, do raciocíio e da lógica poderíamos chagar a Verdade Científica.
    A grande revolução do pensamento com Popper vem justamente de que não existem Idéias que correspondam a verdades científicas, todas as hipóteses são testadas e as “falsas” vão sendo descartadas. A(s) que fica(m) são aquelas que até a presente data não se conseguiu falsear.
    O Método Científico tem como um dos pilares justamente a falseabilidade – hipóteses impossíveis de falsear são a priori não científicas.
    Vários outros pensadores e a própria experiência repetida do estudo científico acresceram outras ferramentas do MC.
    O que queria ressaltar naquele post é que APENAS a lógica e o raciocíneo crítico são ineficientes para avaliação das hipóteses/Teorias Científicas.

  295. Franciscodog disse:

    Magno
    “Para a ciência, o sol é o centro do sistema planetário – oque não é verdade”
    Como referencial didático sim, porém o Heliocentrismo “puro” já foi abandonado há muito tempo pelo miastream científico. Desde o estudo inicial da Relatividade esse conceito mudou.

    “A Via Látea é um imenso campo magnético. Porém, dentro de um campo há outros secundários.”
    Defina por favor o que você entende como campo magnético.

    “O nosso campo magnético, dentro do qual se movem o Sol e os planetas, já foi matematicamente demonstrado por Herschel e Newton, quando acharam o ponto de equilíbrio do sistema, distando do sol três vezes o seu diâmetro devido à relação de 1/700 das massas dos planetas em relação ao Sol. Este faz um movimento de translação em torno desse ponto.”
    O que foi definido foi o centro gravitacional do sistema solar que realmente não é no sol, já que realmente tem de se contar a massa de todos os planetas (Gravitção Universal)

    “Convém seja frisado que é falso dizer-se que a matéria atrai a matéria na razão direta das massas e no inverso do quadrado das distâncias.”
    Ou seja, eliminamos a Gravidade como uma das quatro forças elementares.

    “A matéria, havendo sofrido a interação atômica”
    O que é interação atômica?

    “torna-se neutra perante a outra matéria distante.”
    Então a que não sofreu a tal interação não é neutra em relação a outra matéria?

    “Entretanto, os campos magnéticos se atraem ou repelem”
    Sim, conceito de eletromagnetismo

    “, e mesmo a matéria pode ser atraída por um campo.”
    Sim, atraída ou repelida

    “A Terra sofre uma atração para esse ponto magnético do nosso sistema, ao qual podemos denominar ponto zero.”
    Da mesma maneira que dois imas um positivo e outro negativo?

    “Ao mesmo tempo em que esse ponto a atrai, ela sofre a repulsão da luz solar, equilibrando-se na sua órbita entre as duas ações (atração e repulsão).””
    Repulsão pela luz? Se eu colocar uma lanterna muito potente apontada pra uma balança muito sensível vou notar um aumento do peso?

    Magno, já que você aceita o raciocíneo e a lógica vou aceitar, para o bem dos debates, que a proposição acima pode ser veradeira.
    Sendo assim como explicar:

    1) o que nos prende a terra, o magnetismo tambem? caso positivo, os imas com polo contrario ao campo magnetico terrestre deveriam ser repelidos, não?
    2) O que causa a órbita da lua? Tambem ao magnetismo? Mas se a lua tem polo contrario a terra, significa que é de polo igual ao sol,não? Sendo assim quando passa entre o sol e a terra ela é jogada em direção a nosso planeta, diminuindo a órbita e mudando as marés, não? E quando fica do lado escuro, sem luz solar direta ela tambem é puxada para terra, não?

    NOte que não estou usando nenhuma fonte externa, nenhum termo científico, apenas utilizando o raciocínio e a lógica.

  296. Franciscodog disse:

    Ah, para terminar com esse post

    “Bom, um diz que o sol atrai a terra, já o outro diz que o sol repele a terra devido o peso da luz solar. E aí, como ficamos?”
    Peso é um conceito relacionado com a força da gravidade.

  297. Franciscodog disse:

    SObre Einstein,
    Existe um grande debate sobre a fé do Albert, tem até livro sobre isso.
    Pelo que já li parece que ele era um teísta, que depois virou um Deísta.
    Há afirmações muito mais contundentes sobre a religião feitas pelo Eistein.

  298. Franciscodog disse:

    Magno,
    “Resumindo: Não sou crente convicto, nem no cricionismo e nem no evolucionismo,”
    No Criacionismo ou você acredita ou não, não é possível um meio termo pois é uma questão de fé, e não uma teroia científica.
    O evolucionismo pode ser questionado por qualquer um, inclusive pode ser falseado, coisa que ainda não aconteceu, pode ser que no futuro apareça alguma evidência que mostre estar parcial ou totalmente equivocado (ps- onde le-se evolucionismo le-se TE, a evolução é um fato observável, o que se questiona é o seu mecanismo)

  299. Franciscodog disse:

    Magno,
    “Einstein escreveu isso para mostrar que o universo está sujeito a forças e leis que regem os seus movimentos. Essa frase não é sobre deus, é sobre a precisão universo.”
    COmo eu falei, Eistein era considerado um Deísta (não sei se acabou ateu no fim da vida) – acreditava numa força motriz que não fosse uma deidade antropoformizada

  300. Franciscodog disse:

    Alberto Fabiano

    “Discordar de Einstein é tabu que poucos tem coragem, ele bebeu na fonte de dois gênios (Henri Poincaré e Hendrik Lorentz) e fez sua lição de casa com maestria.”
    INcorreto, muitos já descordaram de einstein, incluindo ai toda a mecânica quântica.

    “Porém algumas experiências tem mostrado que pode haver algum erro na constante da velocidade da luz, portanto é uma discordância de Einstein.”
    Você está falando das hipóteses da “constantes inconstantes”, da teoria M e os multiversos ou dos experimentos do João Maqueijo?

  301. Magno disse:

    Franciscodog, vamos voltar um pouco ao início do debate:

    Tudo começou com a teoria da evolução, em que muitos aqui a citam erroneamente, para validar o início da vida através do acaso, quase que classificando ela como uma lei, derrubando o DI.

    Já eu acho que a teoria da evolução é um excelente trabalho, mas não explica o início da vida, o que é um consenso entre nós três (Otto Pessanha, voce e eu).

    A questão, é que voces acham que quando falo lógica, me refiro apenas as minhas idéias, o que não é verdade. Me refiro a lógica dentro do que temos de conhcimento científico mais as observações naturais.

    O próprio Darwin elaborou a TE através da observação, mas nunca provou (e nem poderia) através da experiência, que uma espécie poderia se tranformar em outra espécie distinta, através de sucessivas mutações a longo prazo.

    Não estou querendo desmerecer o trabalho de nenhum cientista ou filósofo que aqui foi citado. Apenas quero mostrar que não podemos ter absoluta certeza da veracidade do que eles concluiram. Como também não posso provar que eles estão errados.

  302. Franciscodog disse:

    MAgno, é semre um prazer conversar com pessoas educadas como você e o João. Só peço perdão se as vezes sou um pouco prolixo…
    Farei apenas alguns comentários sobre o seu post.

    “Tudo começou com a teoria da evolução, em que muitos aqui a citam erroneamente, para validar o início da vida”
    Qualquer um que cite a TE para explicar a Origem da Vida está incorrendo num ato crasso, já que como vc realçou bem ela não se propõe a isso.

    “o início da vida através do acaso”
    Existe ai uma diferença sutil, a aleatoriedade é parte importante do processo, porém na Origem Química da Vida seria mais correto falar em processo Estocástico.

    “quase que classificando ela como uma lei”
    Uma Lei não é superior ou inferior a uma Teoria Científica, a diferença é mais sutil que aparenta

    “derrubando o DI.”
    O Design INteligente não foi “derrubado” pela TE, até porque é muito mais recente e não é uma Teoria Científica (na sua completa assepção do termo).

    “Já eu acho que a teoria da evolução é um excelente trabalho, mas não explica o início da vida, o que é um consenso entre nós três (Otto Pessanha, voce e eu).”
    Nós 3 e todo corpo da Ciência

    “A questão, é que voces acham que quando falo lógica, me refiro apenas as minhas idéias, o que não é verdade. Me refiro a lógica dentro do que temos de conhcimento científico mais as observações naturais.”
    Entendi

    “O próprio Darwin elaborou a TE através da observação, mas nunca provou (e nem poderia) através da experiência, que uma espécie poderia se tranformar em outra espécie distinta, através de sucessivas mutações a longo prazo.”
    Na época não existia nem as noções básicas da genética, que surgiu depois. Quanto a provar ou não provar caimos novamente na epistemiologia. MAs no geral concordo com esse parágrafo.

    “Não estou querendo desmerecer o trabalho de nenhum cientista ou filósofo que aqui foi citado. Apenas quero mostrar que não podemos ter absoluta certeza da veracidade do que eles concluiram. Como também não posso provar que eles estão errados.”
    Essa duas últimas frases sintetizam o status epsitemiológico atual, NUNCA poderemos ter certeza absoluta das Teorias Científicas. só podemos prova-las erradas (falseabilidade).
    VEja bem que o Ceticismo moderno (o dito Ceticismo Científico) utiliza essa “dúvida permanente” como instrumento para aproximarmos o máximo possível da verdade, e não como fim em si memso (como no Ceticismo Pirrônico).
    Por outro lado quanto mais testes uma teoria “passa” mais robusta ela fica.
    Até hoje ninguém conseguiu falsear a TE, e todas as evidências vieram a confirmar*, por isso é uma das teorias mais sólidas da atualidade.

    *Muita coisa foi sendo acrescida a TE, mas as bases plantadas por Darwin permanecem imutadas

  303. João Santos disse:

    “A navalha de Franciscodog” retalha os comentários e comenta cada fatia, sendo que muitas das vezes concorda e até faz perguntas. Se houvesse uma tréplica, usando o mesmo método dele, não caberia num blog inteiro. Ninguém teria saco para ler tudo.

    Doutor, sugiro que comente apenas a parte com a qual não concorde ou quando for relevante acrescentar algo.

  304. Magno disse:

    Franciscodog, estou rindo aqui de uma conclusão minha.

    Ficamos debatendo todo esse tempo e no final diziamos a mesma coisa.

    Só alguns pontos:

    Quando me refiro ao DI como teoria, é, digamos, apenas por força de expressão, pois vejo mais como uma idéia bastante lógica, de que a natureza não usou o acaso nas suas realizações. Assim como o Einstein também pensava.

    Quanto a diferença entre teoria e lei, é que enquanto a primeira permite especulações puramente racionais, a segunda é o nível mais alto do saber científico, tendo todo o alcance
    funcional de uma teoria, mas com um grau muito maior de confirmação empírica e, conseqüentemente confiabilidade. Portanto, ela é superior a teoria.

    Abs.

  305. Magno disse:

    Franciscodog, não tinha visto todos os seus comentários, o último que vi foi este:

    Enviado por Franciscodog em 25 de abril 2011 às 17h48 e quando postei é que vi os outros. Mas vamos lá.

    Gostei das suas indagações, elas vão me forçar a fazer uma avaliação melhor.

    Vou deixar claro que de onde tirei isso, não é uma fonte que teria o aval da nossa ciência (e nem dos céticos, principalmente), mas como já disse, analiso toda informação independente da fonte.

    Não tinha elertado para a questão do universo ser um grande campo magnético, com campos secundários, já que eles só aparecem (pelos menos é o que convencionamos) cercando materiais e correntes elétricas. Vou analisar isso melhor.

    Interação atômica, é a capacidade dos átomos se ligarem,ganhando ou perdendo elétrons.

    “Então a que não sofreu a tal interação não é neutra em relação a outra matéria?”

    Voce não entendeu, ele não se refere a uma que sofreu e a outra que não sofreu interação atômica. Ele quiz dizer, por exemplo, que duas pedras não se atraem.

    “A Terra sofre uma atração para esse ponto magnético do nosso sistema, ao qual podemos denominar ponto zero.
    Da mesma maneira que dois imas um positivo e outro negativo?”

    No meu entender, ele se referia ao ponto zero de atração, é + ou – o que pensamos em relação ao sol.

    Sobre a repulsão da luz solar:

    A luz tem peso, caso confirmado pela nossa ciência, através de experiência feita com radiômetro, mas é um peso pouco sensível na atmosfera, por isso o radiômetro é feito com vácuo no seu interior.

    Quanto ao que nos prende a terra, a orbita lunar e seu efeito mas mares e a aproximação e afastamento da lua por causa do sol, também posso explicar segundo ele. Mas acho que esse comentário vai ficar muito grande

    Abs.

  306. Magno disse:

    Continuando:

    A gravidade não é propriamente um fator magnético, mas um conjunto de fenômenos que a causam, dentre eles estão a temperatura e a pressão atmosférica.

  307. Mente Aberta Puro sangue disse:

    Perdoem-me desfocar-lhes da discussao cinetifica-filosofica e trazerem-lhes de volta ao amago da reportagem… Meu objetivo nao é discutir as picuinhas por assim dizer. Vim aqui para fazer apenas um comentario. Como voces farao para analisar as toneladas de documentos liberados pelos governos do mundo todo? Ate onde se distingue ceticismo de insanidade? Ate quando o cetiscismo de voces com relçao a ovnis ou ufos e afins vai entrter suas tardes noites de fins de semana exaltando opinioes nessa otica reducionista? O ceticismo saudavel já deixou de correr aqui, eu vejo um ceticismo confortavel, de cativeiro, de distraçao, de medo…. Olhando de fora voces me parecem crianças tentando negar e provar pra si que nao precisam crescer e que a responsabilidade nao virá nunca. Invocam filosofos, grandes cientistas, frases celebres, mas no fim sempre me vem a imagem de um pé pregado ao chao e o inveitavel andar em circulos. Admitam que devem evoluir, que devem deixar a condiçao de ser humano, politico, egocentrista, dono do universo, pois, meus amigos, em um eventual e inveitavel encontro com outros seres o que pode lhes garantir sobrevivencia ou mesmo o respeito será o que voces sao e o que podem vir a oferecer, nada mais. Desafios e exigencias de sobrevivencia diferentes dos comumente enfrentados nos aguardam. Espero ansiosamente por um ceticismo redirecionado, com as coordenadas ajustadas à questao. Se o nivel ainda nao puder ser alcanádo, peço só um misero favor, pelo menos, desconfiem…

    Mente aberta quando perguntado sobre acreditar em entidades biologicas diferentes do homo sapiens responde: ” E poque não?!”Afinal, eles acreditam em mim.”

  308. Franciscodog disse:

    João, tentarei ser mais “cortante” com minha navalha, desculpe novamente é o hábito de discutir apenas em foruns onde esse formato de “quotes” é padrão.

    Magno

    “Quando me refiro ao DI como teoria, é, digamos, apenas por força de expressão,”
    Melhor entõa usar o termo hipótese, e não teoria que num site de Ceticismo Científico remete a Teoria Científico, coisa que a DI não é.

    “pois vejo mais como uma idéia bastante lógica, de que a natureza não usou o acaso nas suas realizações.”
    Como lhe falei anteriormente processos estocásticos tem base na aleatoriedade mas tem significados diferentes.

    “Assim como o Einstein também pensava.”
    Como Deísta Einstein não acreditava que a força motriz/natureza tivesse uma intenção – coisa que a DI apregoua.

    “Quanto a diferença entre teoria e lei…”
    http://www.projetoockham.org/ferramentas_metodo_4.html

  309. Franciscodog disse:

    Magno, fui ler o outro tópico seu e fiquei confuso, afinal existe ou não existe gravidade? Se não existem, e sim magnetismo não acha melhor usar outra palavra que “Peso”?

  310. LEx disse:

    O nível dos comentários aqui, já superou a minha capacidade de entender as coisas faz tempo…rsss

    Mas uma coisa que realmente não entendo, porque a TE não pode ser o ponto chave da Origem da vida? Todo produto precisa de um ponto inicial para começar a sua transformação. E se a TE fosse expandida (ou “regredida”) à origem da vida?

  311. LEx disse:

    Puro sangue em 26 de abril,

    Você me dá sono….

  312. Mente Aberta Puro sangue disse:

    Lex.. eu te entendo.. tambem tinha sono quando lia ou ouvia detentores de linguagens mais refinadas que a minha, dando pontos de vista que me forçariam a pensar muito mais do que estava acostumado para pelo menos entender o que diziam. Hoje eu me esforço e não ironizo ninguem! Mas… tudo é uma questao de escolha..
    E pelo seus comentarios já percebi que você dorme mesmo! kkkk

    Pois então, Bons sonhos!

  313. Nihil disse:

    Ler um texto de alguém refinado não dá sono, mas um texto longo, chato e que desrespeita as regras de pontuação e acentuação dá sono pra caramba.

    Capriche mais Mente Aberta. E não deixe o seu cérebro cair.

  314. Nihil disse:

    Mas uma coisa que realmente não entendo, porque a TE não pode ser o ponto chave da Origem da vida? Todo produto precisa de um ponto inicial para começar a sua transformação. E se a TE fosse expandida (ou “regredida”) à origem da vida?

    Porque não é o objetivo da TE. Objetivo dela é explicar a origem da variedade de espécies de seres vivos existentes a partir da seleção natural, sexual e mutações. Para a origem da vida temos a Abiogênese, mas isso já está fora da meu entedimento. De qualquer maneira a TE nos leva a uma “bactéria primordial”. Como ela surgiu já é mais o seu trabalho.

  315. LEx disse:

    Mente Aberta Puro,

    Mister M.! És tu? Está usando um Nick diferente?

    Brother, para alguém que dorme 4 horas por dia até acho que durmo muito, dizem que Leonardo Da Vinci dormia 2 horas…
    E como um adolescente birrento, você julga seus pais como crianças… Uháaaaa… Acho que vou dormir…

    ______________________________
    Nihil,
    É… Nessa eu encavalei. Nunca li nada a respeito Abiogênese, tem algo para me indicar?

  316. Paulo disse:

    Caro Otto, o que Einstein disse sobre Deus não jogar dados com o universo é justamente porque ele não acreditava nas “chances”, como vc costuma dizer, de que tudo de “inteligente” ter nascido de mero acaso. Não se trata de crer em um Deus antropocêntrico – e Eisntein nunca afirmou isso – mas, sim de perceber que a nossa vida,o nosso universo não poderiam, salvo provas em contrário, se originar e evoluir de forma regrada e, ao mesmo tempo, com um elevado grau de complexidade, simplesmente por obra do acaso.
    Não pretendo com as minhas opiniões convencer ninguém, até porque o meu conhecimento científico não chega ao nível de alguns debatedores daqui, no entanto, me esforço para absorver o que a ciência postula sem, contudo, perder o meu senso crítico.
    Afinal, o que era considerado lei física, imutável durante 400 anos (geocentrismo), hoje não passa de um pequeno “equívoco”.Abraços a todos!

  317. Magno disse:

    Franciscodog, poderia levantar melhor esse assunto, mas não dá pra debatermos ele aqui. Teríamos que nos aprofundármos em outras questões relevantes, para podermos chegar a uma conclusão melhor, pois tudo o que eu disser aqui, será muito resumido, o que implicaria em distorções.

    Agora, como voce já demostrou que tem um bom conhecimento e também curiosidade (no bom sentido), se quizer (ou quem quizer) debater ele por email, estou disposto a isso, também procuro o meu aperfeiçoamento.

    Abs.

  318. LEx disse:

    “Franciscodog, poderia levantar melhor esse assunto, mas não dá pra debatermos ele aqui.”

    Estou gostando do assunto, apesar estar engatinhando nele.

    Sugestão: Use o fórum, crie um tópico e linque ele aqui.

  319. Franciscodog disse:

    Paulo

    “de que tudo de “inteligente” ter nascido de mero acaso.”
    Dois apartes
    1)Nenhuma das Teorias – Cosmológicas (início do Universo), Bioquímicas (Origem da Vida) ou biológicas (TE) – afirmam surgimento por “mero acaso”. Os processos em todos esses níveis são estocásticos, ou seja tem por base aleatoriedade mas não são a mesma coisa. Existem inúmeros exemplos na natureza de aumento da complexidade nesses 3 casos acima sem interferência de inteligência. Pelo contrário, não se tem como “provar” nem existe até hoje nenhuma evidência de que uma inteligência preceda esses eventos.
    Não estou aqui afirmando que não existam explicações lógicas para inteligência ou Design influindo no processo, só realço que não existe comprovação empírica, experimental ou “científica” dessa afirmação
    2)Por outro lado se afirmamos que nada complexo vem do simples sem um agente externo, e esse agente externo é lógicamente mais complexo ainda, pela mesma lógica ele deveria também vir do mais simples – a menos que usemos uma “petição de princípio”. Não quero me estender nesse ponto pois sei que acaba resvalando em uma discussão realmente muito profunda filosófica e metafísica.

    Não se trata de crer em um Deus antropocêntrico – e Eisntein nunca afirmou isso – mas, sim de perceber que a nossa vida,o nosso universo não poderiam, salvo provas em contrário, se originar e evoluir de forma regrada e, ao mesmo tempo, com um elevado grau de complexidade, simplesmente por obra do acaso.

    “Afinal, o que era considerado lei física, imutável durante 400 anos (geocentrismo), hoje não passa de um pequeno “equívoco”.”
    Paulo, nesse mesmo tópico acho que já falamos sobre a evolução científica e dos conceitos de aproximação da Verdade e não afirmação da mesma como escopo da Epistemiologia moderna.

    Abraços

  320. Nihil disse:

    Abrigos construídos em plena Guerra Fria. Aff! Esse video unho não prova nada. Na Suiça existem abrigos assim construídos também durante a Guerra Fria. São bunkers antiatômicos. Provas? AQUI.

    Agora falta você replicar, senhor Marcelo. Sem Argumentum ad Hominem. Como pediu.

  321. LEx disse:

    (KkKkKkKkKkKkKkKkKkKkKkKkKk)

    Dá licença…
    Vou assistir X-Files.

  322. Nihil disse:

    Não esqueça a toca de papel alumínio ;)

  323. LEx disse:

    Cadê os posts do dia 28?

  324. Nihil disse:

    Só tinha um. O do Mister EmoM.

  325. Alexandre disse:

    Nihil, Como você é burro amigo. Não concordam comigo pessoal??
    Esse cara é muito chato, possue o qi de uma ameixa. Pois não consegue entender os comentários de ninguém por aqui!
    E fica querendo sempre opiniar nos comentários ninguém merece …
    Mori, você deve criar um novo post, com o seguinte assunto Nihil Deus Do Universo …

  326. LEx disse:

    Era uma vez um pedreiro, ele era sozinho, não tinha família e não tinha amigos, andava pelo mundo sem nada para fazer, em seu mundo não existia ninguém, somente ele e algumas árvores frutíferas. Caminhando durante longos anos ele certo dia, deparou-se com uma muralha gigantesca, 20 metros de altura e olhando para os lados não dava para ver o fim. O pedreiro, maravilhado com aquilo, resolveu seguir ao encontro de uma provável porta. Alguns meses depois ele achou o seu objetivo: A porta. Não havia niguém por perto, ele resolveu tentar abri-la, mas sem sucesso, então, atirou algumas pedras contra a porta, e por incrível que pareça alguém atendeu, a voz perguntou:

    – Quem é você?

    – Sou o pedreiro! – Respondeu quase se matando de felicidade.

    – Pedreiro? Mas como tu és um pedreiro se no seu mundo não há nada além de ti? Já me adimira tu saber falar

    – Mas eu nasci assim… Só sei isso.

    – Então, quem és tu?
    ___________________

  327. Nihil disse:

    possue o qi de uma ameixa.

    Hahahahahahahaha! Isso sim é QI!

  328. Nihil disse:

    possue o qi de uma ameixa.

    Hahahahahahahaha! Isso sim é QI!

    É POSSUI, sua mula!

  329. Carlos Camacho disse:

    Bem, então tudo vem do Caso Aztec…. e o agente do FBI, muito ingênuo, resolveu botar a carreira em risco dirigindo-se diretamente ao terrível Hoover, talvez para ser demitido por burrice ? Teria enviado a informação dessas de uma fonte que não fosse absolutamente fidedigna ? E, se o governo americano nunca admitiu acreditar nessas ‘crendices conspiratórias’, por que é que o assunto UFO é recorrente nas correspondências oficiais dos órgãos de segurança do Estado ???

  330. Carlos Camacho disse:

    Para os céticos de plantão, segue texto de outro memorando do FBI, também extraído da página do órgão: Reference is made to my memorandum to you in the above captioned matter dated July 10, 1947, indicating that Brigadier General George F. Schulgen of the Army Air Corps Intelligence had requested that the Bureau cooperate with the Army Air Corps intelligence in connection with the above captioned matter. The Director noted on the referenced memorandum, “I would do it but before agreeing to it we must insist upon full access to discs recovered. For instance in the LA. case the Army grabbed it and would not let us have it for cursory examination.”

  331. Carlos Camacho, este documento que você colocou, foi liberado pelo wikileaks, mas pelo que li em matérias anteriores, e apalavra discos parece não estar relacionada à discos voadores.

  332. Elsu Eduardu disse:

    A imprudencia desse “ceticismo aberto” (que ta mais para ceticismo fechado)… agarrar a crença a priori de que todos os incidentes são falsos ou forjados, como se o que estivesse em jogo fosse a disputa de ego entre os crentes e os céticos. E o que falar da crença no ceticismo?

    • LEx disse:

      Elsu,
      O ônus da prova é de quem acusa ou de quem conta a história. Se alguém “diz” que algo aconteceu, que se prove… Imprudencia seria acreditar em qualquer idiotice que dizem por aí, prova disso é a politica brasileira….

      • Elsu Eduardu disse:

        não sou ingenuo o suficiente para achar que todas as coisas que ocorrem no mundo só são fatos se tiver provas. ora, tenho um cerebro dedutivo que trabalha com possibilidades: e de instituições tudo pode ser arranjado, inclusive se apropriando do discurso da ciencia das eternas provas obrigatorias. ora, muitas coisas ocorrem e nunca foram descobertas ou serão, outras foram ocultadas pela competencia da contra-inteligencia sempre limpando o rastro e eliminando testemunhas.  O meu apontamento anterior não se refere a uma crença em “idiotice”, e sim a ideia geral deste site, de que não analisam com neutralidade, e sim na crença irredutivel de que todos incidentes e achados  são imeditamente, lendas e invenções.                ora, é muito subterfúgio facil e acefalo associar meu raciocinio como crente que acredita na merda da politica brasileira, que merda acredita mna politica brasileira.                 outra coisa, ara os escravos da prova: me prove que instituições governamentais não oculta coisas importantes. consegue?  

      • Pedro Fernandes disse:

        Se não gostas, prova que ele está errado, ué. A tua opinião não interessa para nada. O que interessa são factos… Quem acredita em coisas sem ter provas são os crentoscos, e quem acha que há coisas que simplesmente não têm explicação e apenas preguiçoso e ignorante crônico…

  333. Ana disse:

    Eu sei aquilo que eu vi. E, foi estranhíssimo. Mas, enquanto houver cientistas para provar que aquilo que eu vejo com os meus olhos é mentira. Ilusão de ótica! Delírio! Invenções de uma mente insana…estarei tranquila. Amém!

  334. Rcandro disse:

    Muito bom o site, vou aprender bastante aqui. Nunca ví nada que parecesse um disco voador, mas a única coisa que me incomoda na questão dos ovnis é, se o governo dos EUA não está ocultando nada, se eles sabem que ovnis não existem e nunca tiveram algum relato oficial de suas agências sobre alguma aparição inexplicável, porque se deram ao trabalho de construir o Avo Car VZ-9 ou o FLITAFF (se é que esses projetos existiram mesmo)?
    Não estou confrontando, só gostaria de saber a opinião de quem estuda de forma séria esse assunto.
    Abraços

  335. ESTE SITE NÃO MERECE SER LEVADO Á SÉRIO

  336. Fabio disse:

    Será que existiu mesmo esse agente “Motel”? No mínimo, ninguém jamais o conheceu, pois ele atuava secretamente e vivia nas sombras… Que papo furado!

  337. Marcelo disse:

    Acho que isto é uma farsa da farsa, ocultar a verdade é uma coisa que pessoas no poder sabem fazer muito bem. O cético olha para os mistérios da vida da mesma maneira que um espectador de ilusionismo pensando consigo:
    – Nossa, que estranho!
    – Como ele fez isso?
    – Ah! Na verdade é um bom “truque”.
    Puma Punku, Pirâmides (todas), Crop Circles…
    Qual será o truque?

  338. Devilla disse:

    na verdade existem vários volumes sobre roswell lançado nos EUA nos anos 60. é que as editoras eram escassas, alem do mais não publicavam livros com esses temas. Sem falar q a ufologia nesse período era mais fraca e autonoma do q hoje.

  339. Devilla disse:

    Ahhh Marcelo, entao me explica um truque muito antigo.

    como nativos americanos sabiam da existencia de estrelas, que somente a ciencia moderna descobriu ??

    cara abre a mente, se voce nascesse algumas décadas antes de santos dumom inventar o avião, voce nunca acreditaria no homem dominando os ceus.
    Se vivesse na época das bombas de hiroshima, vc tbm n acreditaria que uma bomba sozinha dizimou uma cidade inteira sozinha, em um minuto.
    Se nascesse antes da conquista do espaço, vc riria de todos os escritores de ficção cientifica.. entao abre a mente veio, a mente eh como um para-quedas, só funciona bem aberta.

  340. Carlos disse:

    Nos documentos liberados recentemente a Força Aérea reconheceu a existência da Operação Prato. E tem o vídeo em que os caças da FAB perseguiram OVNIS no céu do Brasil e disseram publicamente isso.

  341. Mauricio Sampaio disse:

    Eta site preconceituoso.

    Leiam mais para falar de um assunto taão serio e tratado por pessoas serias.

    Nem tudo pode ser explicado pelo seu ceticismo e falta de informação acerca da ufologia.

    Muitos cientistas serios trabalham nas pesquisas sobre o tema, gente graduada o bastante para nos mostrar por exemplo que existem sim fraudes, mas existem tambem casos dignos de respeito.

    Aprendam mais.

    • Thiago konzen disse:

      Concordo com vc Mauricio…
      Não entendo esses “céticos” que ao contrario de duvidar sem se deixar influenciar pela própria opinião, apenas dizem “não sei pq procuram algo que não existe”. Cético pra mim são pessoas dispostas a compreender, deixar a mente aberta, questionar e enfim formular uma opinião. Opinião esta, que a qualquer momento pode ser alterada diante de provas contrárias a referida opinião. Cético que acha que a sua verdade é absoluta é só mais um “serzinho” incapaz de ouvir e interpretar. Duvide de tudo, até mesmo de sua própria opinião, pq até a relatividade é relativa. Abraços!

  342. Denis Fernandes disse:

    Por que isso está no site do FBI? Seria um atestado de burrice então?

  343. Thiago Questão disse:

    Adorei o site, isso que os que se dizem ufologos deveriam fazer, buscar a verdade ao invés de ficarem bolando teorias malucas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *